O futuro de Ganso



Representantes do grupo investidor em Paulo Henrique Ganso querem mesmo que ele saia do São Paulo no final do ano. Já mantiveram contato com o Santos, que contava com a vaga na Libertadores para conseguir patrocínio e recursos para ter o jogador de volta ao litoral.

Outra possibilidade é se transferir para o Palmeiras, que irá disputar o torneio continental e pretende reforçar o elenco.

Flamengo, Cruzeiro e Internacional também teriam interesse no jogador, mas a direção do Tricolor diz que ele não sai para outro clube brasileiro.

Na metade do ano o São Paulo quis vende-lo para o exterior, sem sucesso, porém.

Depois de 2010, quando apresentou um futebol de primeiro nível, Ganso começou a cair aos poucos e hoje não é nem sombra do jogador que já foi.

Segundo a diretoria são-paulina, a Europa não tem interesse no atleta, que, se sair para fora, poderia ir para o futebol asiático, muito mais fraco. Mas tampouco de lá chegou alguma proposta.

O estafe de Ganso acha que o jogador, devido aos problemas do Tricolor, que esse ano não parou de mudar de técnico, por exemplo, teve menos oportunidades de se sobressair do que Lucas Lima no Santos.

Após a derrota para o Palmeiras, porém, a diretoria santista anda pessimista e teme uma debandada de atletas. Está mais preocupada em manter o próprio Lucas Lima do que em contratar Ganso, que, apesar de sua assessoria dizer o contrário, não está muito satisfeito no Tricolor e gostaria de sair mesmo que o clube do Morumbi consiga se manter no G4, o que é bem possível, aliás.

Vale lembrar que o contrato de Ganso com o São Paulo vai até 2017…

Se perguntarem minha opinião acho que, até por falta de melhores alternativas, o meia inicia o ano de 2016 ainda pelos lados do Morumbi. A conferir.



MaisRecentes

Fernando Diniz na berlinda



Continue Lendo

Deuses da Bola



Continue Lendo

Galo pega fogo



Continue Lendo