Andrés e a Caixa



A direção do Corinthians confia em Andrés Sanchez, deputado federal eleito pelo PT-SP e ainda um dos principais nomes da gestão do clube, para renovar o patrocínio com a Caixa Econômica Federal, que vence em fevereiro.

Mês passado o governo havia sinalizado que, por medidas de contenção de gastos, o contrato não seria renovado.

Andrés, um dos homens de confiança de Lula, espera que o acordo seja prorrogado e já começou a se mexer para isso.

Desde 2013 a Caixa paga R$ 30 milhões por ano ao Timão. O contrato atual foi renovado no início do ano sem aumento em relação aos períodos anteriores devido à difícil situação econômica do país.

Mas a grande promessa de Andrés, porém, feita a interlocutores em fins de setembro, início de outubro, é que, terminado o Brasileirão, a novidade do clube, a ser anunciada antes do Natal, é o nome do grupo que estaria adquirindo os direitos de nomear a arena em Itaquera.

A ideia inicial era vender os chamados naming rights até fevereiro de 2012, mas até agora nada. Quem sabe semana que vem não teremos novidades?



MaisRecentes

Nova caminhada



Continue Lendo

O desabafo de Cuca (ainda)



Continue Lendo

As críticas de Cuca



Continue Lendo