Patrocinadores pressionam



Até que demorou um tempo, mas pelo menos três patrocinadores da CBF manifestaram descontentamento com os rumos da Seleção e os escândalos de corrupção que mancharam a entidade, cujo então vice mais velho, Jose Maria Marin, foi preso em maio passado.

A avaliação, legítima, por sinal, é de que a equipe está cada vez mais distante do torcedor comum, tanto que muitos nem acompanharam o fraco jogo contra os argentinos na última sexta-feira.

A Rede Globo também perdeu a paciência com o time, especialmente no sofrível primeiro tempo, e tem tido dificuldades para animar o telespectador com desempenhos tão ruins da equipe canarinho.

Chegou a pegar pesado com Marco Polo Del Nero logo depois da prisão de Marin, mas nos últimos tempos tem centrado as críticas em Dunga e nos jogadores, que não têm se entendido em campo. Gilmar Rinaldi, o coordenador das seleções, tem sido poupado.



MaisRecentes

Nova caminhada



Continue Lendo

O desabafo de Cuca (ainda)



Continue Lendo

As críticas de Cuca



Continue Lendo