Um novo Pato?



Se Juan Carlos Osorio ainda é questionado por alguns conselheiro tricolores, o mesmo não acontece com Alexandre Pato, que está adorando o trabalho do novo treinador.

Pato não gostava do trabalho de Muricy Ramalho e teve problemas também com Milton Cruz no São Paulo, já que achava que ambos não o colocavam no lugar certo. Reclama que os dois o deixavam muitas vezes como centroavante fixo, bem isolado na frente e com poucas condições de desenvolver seu potencial.

Com o técnico colombiano parte do estafe do atacante diz que o diálogo é mais fácil. Que Osorio ouve e respeita os jogadores e que tenta deixa-lo numa posição um pouco mais confortável. Mais recuado, caindo pela esquerda, criando jogadas e avançando para o gol na hora certa pra tentar a assistência ou a finalização.

Desde que Osorio assumiu é consenso no Morumbi que Pato está apresentando um futebol melhor.

Já Centurión, que atua caindo mais pela direita, ainda está descontente com Osorio, de quem já reclamou publicamente. Acha que merece a posição de titular e que pode formar boa dupla ofensiva com Pato. Mas o treinador colombiano parece que não pensa bem assim. E não desistiu de Luis Fabiano, apesar de o atacante não ser mais o queridinho da torcida são-paulina.

Seja como for Osorio, bastante contestado especialmente depois dos 4 a 0 para o Palmeiras, acha que o time tende a crescer na competição e ainda belisca uma vaga no G4. E Pato já sonha em permanecer no Morumbi em 2016. A conferir.



MaisRecentes

A cabeça de Neymar



Continue Lendo

Crise no Peru



Continue Lendo

Coronel Nunes de fora



Continue Lendo