A reforma do Morumbi



A direção do São Paulo espera finalmente conseguir aprovação do conselho para reformular o Morumbi. Reconstruir o estádio do Tricolor, modernizando-o, uma tentativa que não vingou nos dois últimos anos.

Para a reforma, o estádio deve ficar fechado por 30 meses, dois anos e meio. Os detalhes da modernização, porém, ainda não foram tornados públicos nem chegaram às mãos dos conselheiros, sendo que o Deliberativo é complicado para Carlos Miguel Aidar, já que seu comando tem ligações com Juvenal Juvêncio, que virou seu desafeto.

No período da reforma está descartada a hipótese de o time jogar no Allianz Parque, como chegou a ser cogitado, por falta de interesse das duas partes. As opções são Pacaembu e Canindé, sendo que o estádio municipal é o local mais provável, já que o da Portuguesa está caindo aos pedaços e está interditado desde o início do ano.

O custo da reforma, que o São Paulo, com investidores que não nomeou até aqui, diz ter como bancar, tampouco foi revelado.



MaisRecentes

Nova caminhada



Continue Lendo

O desabafo de Cuca (ainda)



Continue Lendo

As críticas de Cuca



Continue Lendo