Os contratos do Fla



A diretoria do Flamengo tem em mãos um novo modelo de contratos com seus jogadores e comissão técnica para tentar implantar pouco a pouco.

É baseado no que vemos na Alemanha, onde os clubes pagam uma parte do salário com um valor fixo e a outra, bem significativa, é variável, de acordo com o número de pontos conquistado e objetivos traçados (o chamado bônus ou premiação coletiva).

Lá, vale dizer, ao contrário do que vemos no Brasil, os salários não atrasam.

Acho a ideia, que o Palmeiras também tenta implantar pouco a pouco, muito válida. O problema é que não dá para coloca-la em prática de uma vez, já que os contratos dos atletas não vencem ao mesmo tempo. Mas gradativamente dá para pensar em pô-la em ação, sim.

Com o estudo em mãos, resta saber como o Flamengo irá implementa-lo, mas o pensamento é o de começar a fazê-lo já em 2016. Espero que dê certo. Seria um passo à frente no futebol brasileiro, que precisa inovar, inclusive na questão salarial.



MaisRecentes

A matemática do futebol



Continue Lendo

A melhor do mundo



Continue Lendo

Aprender a perder



Continue Lendo