Timão em obras



Além de reformular o time para a temporada que vem, quando voltará a disputar a Libertadores, a diretoria espera finalizar a Arena Corinthians até fevereiro. Acreditem ou não, ainda há pontos a serem acertados em Itaquera.

A ideia é colocar mais escudos do Timão no estádio, além dos vidros de cobertura nos setores leste e oeste das arquibancadas, aguardar a chegada dos telões e terminar a retirada do entulho deixado pelas arquibancadas móveis colocadas para a Copa-2014.

Na parte financeira, agilizar a venda do direito de nomear o estádio, com uma definição (para o bem ou para o mal) das negociações nos Emirados Árabes (o prazo é dezembro) e a venda de camarotes, cujos preços chegam até R$ 2 milhões por ano.

Em relação ao futebol a prioridade é definir logo o novo técnico em conversas com os três candidatos a presidente, lembrando que as eleições serão em fevereiro.

O nome mais comentado segue sendo o de Tite, embora haja discordâncias entre o valor pedido pelo treinador e o que o Corinthians estaria disposto a pagar, Oswaldo de Oliveira e Abel Braga. Dos três, se fosse dirigente do clube, tentaria inovar e apostar em Abel Braga, que fez bom trabalho no Inter, apesar de ter tido muitos altos e baixos. E que pode, acredito eu, se dar em São Paulo. Nos próximos dias devemos ter uma definição.

De certo mesmo apenas que Mano Menezes se despede sábado, sob críticas da torcida e da própria diretoria apesar de ter conduzido o time à Libertadores, e que a equipe precisa de reforços do meio-campo para a frente se quiser fazer uma temporada melhor em 2015 do que a que teve nesse ano.



MaisRecentes

Nova caminhada



Continue Lendo

O desabafo de Cuca (ainda)



Continue Lendo

As críticas de Cuca



Continue Lendo