Eurico e a TV



Presidente eleito do Vasco, Eurico Miranda ainda nem assumiu o clube e já começou a mexer seus pauzinhos nos bastidores. Quer lutar por mudanças nas negociações dos direitos de TV, hoje feitos individualmente e com nítida vantagem para os dois times mais populares do Brasil, Corinthians e Flamengo.

Eurico quer que as outras agremiações se rebelem contra os dois e consigam, em negociações futuras, valores mais altos, não descartando a hipótese de um trabalho conjunto, que poderia fortalecer os demais clubes diante da TV. E diante de Corinthians e Flamengo também.

Ele lembra que, quando a negociação era conjunta e comandada pelo Clube dos 13, o Vasco recebia o mesmo valor de Corinthians, Flamengo, Palmeiras e São Paulo. Hoje não mais. Palmeirenses e são-paulinos tampouco conseguem o que corintianos e rubro-negros obtêm da Globo.

Além da questão da TV, que é um assunto que deve demorar tempo a ser definido, Eurico estuda contratar uma auditoria para estabelecer a real situação do Vasco, que ele diz ser muito pior do que qualquer um poderia imaginar. Segue dizendo que recebeu uma herança terrível de Roberto Dinamite, cuja gestão considera “catastrófica”.

Mesmo assim afirma que o torcedor pode ficar tranquilo pois vai refazer a casa vascaína. Promete formar um time capaz de disputar a Série A e brigar por títulos, embora não diga como, pagar salários em dia, o que não vinha acontecendo, e modernizar o estádio de São Januário. Espero que consiga. O torcedor vascaíno, pelo menos, merece. Mas se vai ter sucesso ou não só o tempo dirá. Vale lembrar que no final de sua gestão a credibilidade do clube no mercado era zero e o futebol do Vasco deixava a desejar. O que fará agora começaremos a ver daqui a mais alguns dias…



MaisRecentes

Elogios a Loss



Continue Lendo

Não vai ter Copa?



Continue Lendo

O escândalo de Platini



Continue Lendo