Fora, Ilídio Lico



Reproduzo, abaixo, coluna que publiquei ontem no diário LANCE! sobre a direção catastrófica da Portuguesa, seguida por três observações no final:

“É impressionante como há pessoas que não se tocam. O atual presidente da Lusa, Ilídio Lico, aquele mesmo que desde o final do ano passado fica se lamuriando pelos cantos, de pires nas mãos, reclamando e não apresentando uma alternativa viável para a Portuguesa, não tem a menor condição de continuar “comandando” o clube. Como não tinha seu antecessor, Manuel da Lupa, que nunca explicou direito a escalação de Héverton que resultou na queda à Série B. Escrevo “comandando” entre aspas porque Lico pode fazer tudo, menos comandar.

Quando foi eleito presidente, confesso que levei um susto e logo me lembrei do imbróglio em que se meteu no final dos anos 90, quando veio à tona que o goleiro da Portuguesa Santista teria recebido suborno num jogo contra o time do Canindé. O relatório do Conselho de Orientação e Fiscalização da Lusa foi duro, Lico fugiu da imprensa, correu o risco de ser banido do futebol, mas o caso… Bem, acabou arquivado por falta de provas e aí está ele de novo. Fazendo o quê? Nada. Levou a Portuguesa à Série C e não estimulou as investigações internas sobre o que teria acontecido no final do ano passado. A tal entrada de Héverton nos últimos minutos do jogo contra o Grêmio que deu a brecha para o STJD tirar a Portuguesa da Série A. Héverton, aliás, que tem dito haver muita coisa que o torcedor desconhece… E há mesmo.

Lembro claramente de uma cena no início do ano, momentos antes da estreia da Lusa no Paulista-2014 contra o Corinthians. Almoçava no Canindé e conversava com conselheiros do clube, quando um deles me disse para esperar um pouco que uma notícia bombástica apareceria logo depois. Apareceu. A CBF enviara carta à Lusa oferecendo empréstimo desde que o clube disputasse a Série B. Queria que ele parasse de lutar por seus direitos. Lico desesperou-se quando soube do vazamento. Achei que fosse chorar. Aturdido, afirmou que José Maria Marin e Marco Polo Del Nero eram esperados no Canindé e não sabia como encara-los. Se alguém deveria ter vergonha de tudo o que aconteceu no final do Brasileiro do ano passado era a dupla que comanda a CBF e organiza o campeonato, não? Mas Lico foi conivente com os dois, trata-os como “doutores”…

Não foi atrás dos direitos da Portuguesa, dizia-se cansado, ameaçado, sem forças para lutar na Corte Arbitral do Esporte na Suíça. E não sabia quem havia vazado o documento à imprensa, pois a reunião tinha sido fechada… Como se o problema fosse o vazamento e não o comportamento do próprio Lico. Que foi até suspenso do futebol após trapalhada em que meteu a Lusa na estreia da Série B. Pondo o time em campo e o retirando com menos de 20 minutos de jogo. Uma vergonha.

Se quiser se reestruturar, a Portuguesa vai precisar de gente de fora. Ex-jogadores que amam o clube, empresários, investidores interessados no Canindé… Parcerias. Mas jamais de Da Lupa ou Lico. Que deveriam nunca mais pisar no Canindé.”

* Deco: A Lusa deveria contratar um gestor como o ex-jogador Deco, que fez carreira no futebol brasileiro e português e tem experiência dentro e fora de campo para começar a ajeitar as coisas. Leva um bom tempo, claro. Mas poderia exercer função parecida com a que Juninho Paulista tem em Itu. Num trabalho de formiguinha, o ex-são-paulino conduziu o time ao título paulista e segue firme no processo de reestruturação do Ituano;

* E o MP?: O Ministério Público também deve satisfações à sociedade. Não havia visto indício de suborno no caso que levou a Portuguesa à Série B? Houve mesmo suborno? Quais as pontas, então? Porque as partes envolvidas, técnico, jogadores, dirigentes, advogados e outros não foram ouvidos? É muito ruim para o futebol o Brasileiro do ano passado continuar sob suspeita. Mina a credibilidade do torcedor;

* Novo estádio: A ideia de implodir o Canindé, construir uma arena pequena menor e investir em empreendimentos imobiliários é interessante, mas tem que ser vista com muita cautela, ainda mais com os dirigentes que a Lusa têm. Dirigentes que já rechaçaram parceria com outra agremiação, que traria aporte financeiro e elenco mais forte, com salários em dia, em nome de uma suposta “tradição”…



  • Mario

    concordo , o Ilídio Lico não tem culhões p/ser nem fiscal de playground de escolinha infantil as crianças iriam atropelar ele , mas em vista da bomba/noticia q saiu ontem a noite sobre o LusaGate vc precisa mudar o texto ou fazer um novo sobre o assunto , por se confirmado a pagaram pela vaga da Lusa vai ser uma super merda no ventilador .

    • janca

      Estou acompanhando o caso, Mario. Publiquei a coluna na edição à noite, o MP tinha que se pronunciar. E se pronunciou à noite, o que foi bom. Mas está prometendo que irá amarrar as pontas desde o início do ano. Espero que amarre agora. Se houve quem recebeu grana, houve quem pagou. E os dois lados têm de ser severamente punidos.

      • janca

        Agora indícios de suborno o MP via desde janeiro. Seria interessante cruzar os dados financeiros/bancários. Porque se alguém recebeu, repito, alguém pagou. E não é tão complicado assim chegar a quem pagou… Basta vontade. Inclusive por parte do MP, que tem deixado a desejar. Assim como a diretoria da Lusa. Avançou-se muito pouco de janeiro pra cá e o ano já está terminando… E o campeonato do ano passado continua obscuro. Credibilidade zero.

        • Mario

          mas as pessoas envolvidas não devem ser santas e usado laranjas p/receber o dinheiro o q torna mais dificil de descobrir , lembra o caso da filha do RT recebeu um milhão de euros do Sandro Rosell , se provado q houve suborno é caso de policia e de prisão dos envolvidos , mas ne , sabemos q a justiça no brasil não funciona .

          os torcedores da portuguesa tem q ficar espertos q esse Idilio , ele só quer é transformar o caninde em condominio p/ganhar muito dinheiro e foder o clube.

          • janca

            Se houve mesmo suborno não tem santo na jogada. Mas se há pelo menos seis envolvidos é possível alguma brecha deve ter sido deixada. Em relação a transformar o Canindé em condomínio, olhos bem abertos… Com os dirigentes da Lusa tudo é um perigo.

  • Fernando

    Você cobrou os dirigentes da Lusa e o MP e o MP se pronunciou. Dirigentes do clube teriam recebido grana pra escalar o jogador. Xis da questão: quem pagou?

    • janca

      A imprensa tem que cobrar mesmo. Sobre o xis da questão a resposta está com o MP. Se teve quem recebeu, houve quem pagou. E poderemos ter um tremendo escândalo no futebol brasileiro, embora não interesse a muita gente. E esse talvez seja o problema. Como foi desde o início. Para muitos o que interessa é engavetar o caso. Aguardemos. E continuamos acompanhando o que se passa no Canindé e fora dele.

      • OS PORTUGUESES DE TODAS PADARIAS DEVERIAM PEDIR RENUNCIA DO TAL PRESIDENTE ELE NUNCA LUTOU PELA LUSA V E R G O N H A !!!!! IMPEACHMENT

        • janca

          Vergonha mesmo.

  • Cleibsom Carlos

    Janca, você não deve se lembrar mas desde o começo dessa história eu escrevi aqui em seu nobre espaço: com a burrada do Flamengo no jogo de sábado contra o Cruzeiro, caso as “regras” fossem mantidas e conforme a classificação do Brasileirão 2013, 03(três) times cariocas cairiam para a 2ª divisão, inclusive o rubro-negro. Não sei se quem comanda o futebol brasileiro estava preocupado com Fluminense e Vasco, mas a queda do Flamengo traria enormes prejuízos para eles. Por isso a Portuguesa foi comprada e com a sua compra não apenas o Mengo foi salvo mas também, a reboque, o Fluminense. Evidente que eu não tenho como provar, mas uma armação desse porte obrigatoriamente teria de contar com a participação da CBF e da Globo e é por isso que eu penso que, por mais que o MP se esforce, quando ele se “aproximar” dos “prováveis” culpados, tendo em vista os envolvidos, tomará um “cala a boca” do governo federal. Quanto a imprensa esse caso revelou mais uma vez, apesar disso não ser necessário, a sua hipocrisia!!! A Portuguesa foi defendida de forma irracional pela mídia esportiva paulista e agora que está provado que a lusinha não é tão inocente assim eu não vi nenhum jornalista fazer mea culpa quanto a sua conduta no caso. Para mim “jornalistas” como Juca Kfouri, Fábio Sormani e Flávio Prado nunca tiveram muita credibilidade, mas depois de tudo que está ocorrendo esses caras, e muitos outros também, deveriam pelo menos se envergonhar um pouco.

    • Mario

      sua teve esta errada pelo simples fato q os jogadores da Lusa q iriam para a concentração do jogo já estavam escolhidos antes do jogo do Flamengo e a escalação do Andre Santos acontecer , lembrando q jogadores sem condições de jogo não concentram e a noticia atual é q uma pasta foi entregue ao treinador da lusa com quem não poderia ir para o jogo sem o nome do Herverton tambem bem antes do jogo do Flamengo , logo se fosse o Fla a subornar seria mais facil não escalar o Andre Santos do q pagar a portuguesa.

      quem subornou é algum time q já estava na zona de rebaixamento.

      • Cleibsom Carlos

        Cara, não sei se você é flamenguista e sua paixão está te cegando…Acreditar que dois times escalariam jogadores irregulares na última rodada do campeonato por coincidência não é ingenuidade, mas sim burrice! O Flamengo, bagunçado como é, “pensou” que o jogo contra o Cruzeiro era festivo e escalou um jogador irregular. O rubro-negro foi o clube mais beneficiado pela maracutaia, quem nega esse fato desvirtua a realidade…O Fluminense é o time mais antipático do Brasil, mas nessa maracutaia aí o pó-de-arroz é inocente.

        • Cleibsom Carlos

          Outra coisa que esqueci de comentar, Mário, é que o Hevérton foi julgado na 6ª feira anterior ao fatídico jogo em que foi escalado, ou seja, dois dias antes, portanto seria impossível quem quer que seja saber uma semana antes da partida se ele poderia jogar ou não…O advogado da Portuguesa alega ter informado funcionários do clube do resultado do julgamento 6ª feira à tarde e esses funcionários, evidentemente, não passaram a informação para a comissão técnica.

          • Mario

            Heverton foi na Sexta a tarde , sabado de dia o tecnico recebe uma pasta com nomes de quem pode jogar , escolhe o time q vai para concentração horas antes do jogo do Flamengo e escalação do Andre Santos ,ai me diz q hora aconteceu o esquema de corrupção antes do jogo do Flamengo ou na em correria da madrugada de sabado para domingo sem ninguem ia notar?

            sem falar q não precisavam escalar o Heverton para ter punição , bastava ele estar na sumula para ter um pretexto juridico para punir a portuguesa no STJD q é um tribunal politico.

        • Mario

          não sou flamenguista , só estou analisando os fatos com cronologia de tempo e analisando com informações concretas como a separação de jogadores foram selecionados para concentração do jogo e outros liberados no sabado como o atacante Gilberto horas antes do jogo do Flamengo e informação publica ontem de q o tecnico da portuguesa recebeu uma pasta com nomes de jogadores sem condições de jogo e o nome do Heverton não foi incluido ( http://www.lancenet.com.br/futebol/MP-Portuguesa-escalou-Heverton-dinheiro_0_1246675577.html )q tambem tem q ser dado antes do jogadores irem para concentração .

          agora vc não rebateu nem os meus argumentos , só usou teorias de conspiração , agora te pergunto se pagaram funcionarios da portuguesa , não podem ter pago funcionarios do Flamengo p/darem condições de jogo e possibilitarem a escalarem o Andre Santos?

          • Robson Pacheco

            Cleibson, tem um pequeno erro na sua primeira avaliação, caso o Flamengo fosse rebaixado pela escalação do André Santos, não cairiam 3 cariocas, pois o Fluminense permaneceria na Série A, justamente no lugar do Flamengo. Mas era óbvio que havia algum acerto anterior, visto que, coincidentemente, o Heverton só foi a campo após o Fluminense virar o jogo contra o Bahia, até porque, se não tivesse feito os 3 pontos na última rodada, seria rebaixado mesmo que Portuguesa e Flamengo fossem punidos.

            Em tempo, não tenho nenhuma pena da Portuguesa, seja por incompetência seja por ter se vendido, tinha mesmo que ser rebaixada, aliás, se for comprovado que vendeu a sua vaga, ela e quem a comprou tem que ser excluída por anos das competições nacionais.

          • Robson Pacheco

            E Mário, Ok que o simples fato de o jogador estar relacionado para o jogo já seja passível de punição, mas eu duvido que se o Heverton não tivesse entrado em campo, justamente após a virada do Fluminense sobre o Bahia, os caras fossem buscar isso.
            Aliás, eu não me espantaria nada se os 3 clubes estivessem envolvido no esquema, ou seja, pra não dizer que só puniram a Lusa, tiraram também os pontos do Flamengo, mas como o time carioca estava na frente do paulista…

          • Mario

            Robson acredito q não tem santinho no futebol , só acho q não teria tempo p/o Flamengo montar esse esquema da noite de sabado p/a tarde de domingo , precisaria de mais tempo e não culpo o Fluminense pelo caso heverton sendo podemos descobrir q a culpa é outro time ou de outros times envolvidos q tentaram melar o rebaixamento para ficar na serie a .

          • Cleibsom Carlos

            Cara, você está sendo ingênuo, como eu já disse…O jogador do Flamengo foi escalado por engano ou descuido, o da Portuguesa é que foi escalado de propósito para beneficiar o Rubro-Negro depois da cagada deste. Estatisticamente dois times escalarem jogadores irregulares por engano na última rodada de um campeonato é impossível. O Fluminense estaria jogado à própria sorte se não fosse a desorganização do Flamengo e, pelo histórico que tem, é o “laranja” perfeito para assumir qualquer culpa. E você está desconsiderando a capacidade “intelectual” das pessoas que armaram tudo isso, eles não precisam de dias ou meses para armarem uma maracutaia, isso eles fazem em questão de minutos, até porque, caso eu esteja certo, os únicos clubes envolvidos na armação são o Flamengo e a Portuguesa. Outra ingenuidade sua é pensar que os clubes fariam uma coisa dessa magnitude por conta própria e sem a “aprovação” de quem de fato manda no futebol brasileiro, a coisa está muito acima deles…PS.: Teoria da conspiração é pensar que alguém do Fluminense pagaria alguém do Flamengo para que este escalasse um jogador irregular na última rodada do campeonato. Aí é demais!!!!!

          • Mario

            desculpa Clebson vc tem razão o Flamengo errou na escalação do A.S. passou a mão no telefone ligou p/o Manuel da Lupa q convenceu de uma a seis pessoas do departamento juridico da portuguesa (conforme ministerio publico afirma q sabiam do caso ) a ficarem quietas sem falar de outras tantas pessoas q deviam saber sobre o julgamento q aconteceu na sexta feira dentro da lusa , pagaram a toque de caixa de 4 a 20 milhões para eles ,sendo q o Flamengo ou globo levantou esse dinheiro é super rapido em um sabado a noite quase madrugada de domingo e ninguem do sistema financeiro notou ou achou estranho essa movimentação de dinheiro , ai ligaram para o Guto Ferreira para tirar o Heverton da sua casa no meio da madrugada e colocar na concentração da portuguesa , com ctz essa historia é super confiável ….

          • Robson Pacheco

            Cleibson, estatisticamente falando, é muito difícil e improvável, mas não impossível. Não acho que estejamos sendo ingênuos, até porque entendemos que há mais culpados.
            Eu nunca achei que a Lusa era a vítima da história, e que devia mesmo ser rebaixada ou por incompetência ou por co-autoria, na verdade, sempre pensei que se comprovado que tivesse se vendido, devia ser banida por vários anos do BR, assim como quem a subornou.
            Também não acho que o Fluminense é o vilão, pois qualquer outro time na mesma situação brigaria para permanecer na Série A, hipócrita é quem diz que não faria o mesmo. Mas tem também a “enorme coincidência” de o Heverton só ter entrado em campo depois da virada pra cima do Bahia, então,se comprovado que o corruptor foi o Fluminense, que os dois sejam punidos, e se tiver mais alguém, que se puna também.

            Ah, com relação ao campeonato dar menos audiência por causa de mais de um time carioca na Série B, mesmo que fosse o Flamengo, é pura balela. Em 2007, o Corinthians teve quase todos os seus jogos transmitido pela Globo, mesmo os disputados no Pacaembu, dando uma audiência que a emissora nunca teve aos sábados, ao ponto de tirar quase duas horas do Caldeirão do Hulk, teve ainda, alguns jogos transmitido às quartas feiras, mesmo com os rivais de SP jogando no mesmo dia, não teve nenhum jogo de 3ª ou 6ª feira. Isso podia perfeitamente acontecer com o Flamengo.

          • janca

            Mas o MP fala em suborno. Não se trata de mocinho e bandido. Se alguém recebeu suborno é porque alguém pagou. As duas pontas, como tenho dito desde o início, têm de ser amarradas.

          • Cleibsom Carlos

            Mário, informações sobre movimentações financeiras são protegidas por Lei e mesmo o MP para ter acesso à elas deve seguir um trâmite legal. Caso uma movimentação financeira suspeita seja descoberta ela não pode ser divulgada, tudo corre sobre segredo de Justiça. Talvez o MP já saiba de tudo mas esteja proibido de divulgar os fatos…Isso sem contar o peso “político” de uma investigação dessas! Se mesmo a venda do Neymar, que envolve bem mais dinheiro, até hoje não pôde ter seus dados divulgados pela Polícia Federal e MP, imagine isso! Mas deixa para lá, você acredita em uma coisa e eu acredito em outra, independente de qual de nós dois esteja com a razão, nessa história toda foi o futebol brasileiro que saiu perdendo.

          • janca

            Mas por que não chamam o jogador escalado para depor? O técnico que dirigia o time? Os funcionários do departamento de futebol? Os do jurídico? Muito fácil o MP dizer que houve gente que recebeu suborno (mas não aponta os nomes) e não saber quem pagou… Indício de suborno o MP dizia que havia desde o início do ano. E agora? Se houve mesmo suborno quem pagou? E temos o direito de saber quem está sendo interrogado, pelo menos isso, quem não está…

          • Mario

            sim as informações bancarias são secretas , mas bancos tambem ficam de olho nas grandes contas e movimentações financeiras milionárias dos clientes ate para evitar roubos nelas o q gera relatorios internos e ate consultas aos clientes antes de liberar o dinheiro q leva tempo e pode criar um boato ou criar suspeitas p/o q vai ser usado o dinheiro , por isso se precisa de tempo se levantar o dinheiro sem ninguem notar , sem falar q o pessoal do banco conversa entre si como qualquer empressa .
            mas ok , boa sorte e abrçs

          • janca

            Sim, as tais movimentações suspeitas, digamos assim.

    • janca

      Não seriam três times do Rio na Série B. Pois se caísse o Flamengo, o Fluminense escaparia.

    • janca

      E não se trata de defender a Portuguesa. Se houve suborno e tudo indica que houve, as duas pontas têm que ser punidas severamente. A outra ponta, suspeita o MP, seria Flamengo ou Fluminense ou gente ligada a uma dessas duas instituições. Como cita, aliás, matéria de hoje do “Estadão”. Mas não é verdade que as investigações da Lusa foram para valer. Foram para boi dormir. Por isso os atuais dirigentes do clube assim como os da gestão passada devem explicações. E muitas. Da Lupa rebaixou o time para a Série B. Lico, para a C. Não deveriam nunca mais pisar no Canindé.

  • Leonardo

    Janca, como juventino, sei o que a Lusa está passando…infelizmente, acho que a Lusa é o Juventus de amanhã. Muitas idéias aparecem, mas sem possibilidade de elas serem implementadas, devido ao caos político na Lusa. É a mesma coisa que acontece na Mooca.

    E ambos vão morrendo aos poucos. Assim como dezenas de clubes tradicionais por aí…

    • janca

      Concordo com você, Leonardo, e como era bom ver o Moleque Travesso em campo…

  • pedro luiz lorençon

    Se a investigação prosseguir, provavelmente irá chegar na CBF e no STJD, na pessoa de seu procurador Paulo Schimitt. O mesmo sabia desde domingo, logo depois do jogo o que havia acontecido. Nunca o vi tão alerta. O Fluminense deu dinheiro e quanto ao Flamengo, não sei a sua participação, mas que todos têm culpa no Cartório, lá isto têm. Como punição ao acontecido, teríamos que ter o rebaixamento dos clubes envolvidos, o banimento dos envolvidos, inclusive dos membros do Tribunal, da CBF e outros que mereçam.

  • Advogados de plantão se rá que ñ tem UM UNICO pelo menos simpatizante da LUSA para cobrar do MP depois de 1 ano quem afinal subornou os funcionários ???? FLu ou FLA ??? Quanto levaram , quais as consequencias……

  • Jonas

    O que eu acho interessante Janca é que você dedicou um monte de caracteres sem falar sobre os possíveis corruptores do caso, ainda que não dissesse nomes. Pôs em dúvida o atual presidente e o anterior da portuguesa, o que sinceramente é mole…e pôs em questão até a credibilidade do MP. Agora falar, ainda que sem citar quais são, sobre os clubes grandes que estão por trás dessa podridão você não dedica a menor atenção.

    E por favor sem esse papo de que o assunto é a Portuguesa porque esses clubes que corromperam seus dirigentes fazem parte da pior história da portuguesa, eles ou ele tem participação direta no caso que esse ano culmina com a Série C. Até quando veremos jornalistas defendendo grandes? Atacar CBF é mole.

    • janca

      Disse o tempo todo que quem está do outro lado, a outra ponta da jogada, tem que ser punido também, claro. A suspeita é em relação a Flamengo ou Fluminense, mas não dá para acusar um ou outro sem provas. E o MP tem que explicar se houve mesmo suborno quem pagou. Não adianta ficar citando apenas quem recebeu. Aliás nomes até agora não apareceram, inclusive de funcionários. Estamos esperando.

  • pwagnerbr

    Sabem no que vai dar tudo isso? Em nada! Quero ver alguém punir qualquer peixe grande, seja clube, ou procurador ou juiz do STJD. Só quem vai se ferrar vai ser a Portuguesa, que não vendeu somente a sua vaga na Série A, mas a sua sobrevivência como clube de futebol. Vai virar um Nacional-SP, uma Juventus-SP ou um América-RJ. Sabem quando vai haver uma devassa no futebol brasileiro para moralizá-lo? Nunca! É uma atividade privada, como cansou de repetir o Ricardo Teixeira. Ou alguém aí imagina punirem Flamengo, Fluminense, Globo, CBF, UNIMED ou qualquer outro desse porte? Vão sonhando….

  • Janca , pelo que li e ouvi , o simples fato do jogador Héverton ter sido relacionado para o jogo ( ficado no banco ) , por si só , já seria motivo para punir a Portuguesa . Ou seja , ter participado ou não do jogo náo interferiria no julgamento/puniçáo . Procede essa informação ? Valeu , abs .

    • janca

      Por incrível que pareça depende da interpretação do tribunal. Se não tivesse entrado nos últimos minutos há especialistas em direito desportivo que dizem que a punição não caberia. Mas o técnico decidiu coloca-lo nos 12 minutos finais…

      • Janca , tenho me decepcionado muito com o jornalismo esportivo . E creio que não estou sozinho nessa . Muito do desinteresse do público pelo nosso futebol deve-se ao comportamento da imprensa . Mas , por favor , não tome as dores para si , pois , com sinceridade , não direciono essa minha crítica a você . Veja , por exemplo , a retomada do Caso Héverton pelo Estadão . Lendo a matéria , em que supostamente se falou com o promotor do MP , o jornalista informa que já identificou o favorecimento financeiro de algumas pessoas da Lusa , chegando a citar cifras . Ainda segundo o Estadão , o promotor afirmar restar apenas identificar a origem dos pagamentos ( o corruptor ) . Por fim , o Estadão diz que as suspeitas estão no Flamengo e no Fluminense . Pois bem , lendo uma outra matéria hoje pela manhà , do Uol , que também diz ter conversado com o promotor , a versão é diferente . Segundo o Uol o promotor diz ter algumas suspeitas de corrupção , mas que , até o momento , nenhuma pista de pagamentos foram identificados , salvo os de uma outra operação envolvendo operações financeiras triangulares entre um instituição financeira , a Portuguesa e alguns de seus dirigentes . Ainda sendo o Uol , o promotor disse que as suspeitas de corrupção , no caso Héverton , devem-se aos seguintes fatos : 1) Ficou comprovado que a FPF , como de praxe , comunicou a Lusa sobre o agendamento do julgamento do atleta . 2 ) Pelo menos 6 pessoas ligadas a Lusa tiveram acesso a esse e-mail . 3 ) Ficou comprovado que houve contatos alguns contatos telefônicos entre o advogado que representou a Lusa no julgamento e pessoas do Depto Jurídico da Portuguesa , o que derrubou a tese da Portuguesa de alegar que desconhecia a punição imposta ao atleta . Tá vendo , Janca ? A imprensa cria situações que provocam o descrédito do futebol brasileiro . É uma pena termos uma imprensa esportiva muito mais preocupada em audiencia do que em fazer um jornalismo sério . Concorda , Janca ? Abs .

        • janca

          Não concordo. O que acho, com todo respeito, é que o MP está pisando na bola. O “Estadão”, no fundo, não trouxe notícia nova. Cadê os nomes? Quem recebeu? Quem pagou? Enquanto não amarrarem as pontas ficamos apenas em especulações. Inclusive os contatos entre o advogado que representava o jurídico do clube e o que em tese representou o clube no Rio já haviam sido confirmados há tempo. E suspeita de suborno o promotor tem dito que há desde o início do ano. Evoluiu o caso até agora? Não. Nem no MP nem na própria Lusa, cujo presidente trabalhou para engavetar as investigações. Isso interessa a quem? Abs. e entendo sua decepção, mas acho que ela não se restringe ao jornalismo esportivo, vai além. Porque a questão vai além mesmo.

          • janca

            E o promotor tem falado em indícios, em falhas, cita o advogado da Lusa em SP, um que mentiu logo no início, confundindo muita gente, o Da Lupa, claro, mas a questão pode ir além. O jogador não sabia que seria julgado? O técnico não sabia do julgamento? Há muitas coisas a esclarecer. E já poderíamos ter mais novidades no caso, que completa um ano logo mais, se houvesse interesse real em investigar o que aconteceu.

          • Janca , é exatamente por não ter novidades que classifico a matéria do Estadão como repugnável . Tratada como uma “bomba” , na verdade de novo só a forma irresponsável como o jornal indica dois suspeitos ( um , certamente – ou , quem sabe , os dois – é inocente ) , provocando um desnecessário desgaste de imagem sobre duas instituições seculares . Além disso a matéria aborda os prováveis valores pagos , o que foi tratado posteriormente pelo promotor como boato . E se a escalação do Heverton foi provocada por uma falha ou desleixo ? Dá para descartar categoricamente essa hipótese ? Pois é Janca , acho que alguns jornalistas precisam ser menos afoitos . Isso , como já disse , depõe contra o futebol brasileiro , pois cria uma onda de desconfianças muitas vezes infundadas . Por fim , concordo com vc que o MP vem falhando , até mesmo em conceder infirmações durante a fase investigativa . Isso deveria ser evitado ou , até mesmo , proibido . Abs .

  • vaz

    Janca, para mim nada de novo mas uma coisa sempre me chamou a atenção e me levou desde o início a questionar a Lusa e a história de vitima de tapetão, muitas vezes aqui na sua página, não acreditando em tamanha incompetência. Aos 20 mais ou menos do segundo tempo, o Flu já tinha dançado, os demais jogos não ameaçavam nenhum dos dois e com um resultado que deixava o Grêmio garantido direto na Libertadores não correndo mais riscos, Portuguesa também ficava na série A teve início então um joguinho sem graça onde a torcida vaiou os dois clubes diante dos toquinhos de lado no meio de campo e ninguém querendo mais jogo fazendo hora para acabar. Virou jogo de compadres e diante dos resultados que deixavam Flu na segundona e Grêmio garantido, ninguém estava mais a fim de se expor diante da tranquilidade do resultado que beneficiava Lusa e Grêmio em um dos mais vergonhosos segundo tempo que já assisti.
    Por que raios o técnico colocou o Hevérton? Tivesse feito isso no início do 2º tempo quando a Lusa corria riscos de sofrer um gol, teria entendido mas depois que o Grêmio e Portuguesa passaram a deixar o tempo correr e até o mais alienado já havia percebido que terminaria 0 x 0.
    Desculpe mas acho que tem muito mais gente que sabia e não era só dirigente.

    • Meu caro . Quem disse que permanecer no banco inocentaria a Lusa ? Bastou o jogador estar estar relacionado ( banco ) para caracterizar a infraçào . Sinto muito por te decepcionar .

  • Robert

    Janca, pq excluir a possibilidade de ter sido o vasco, que com uma vitoria simples sobre o atl pr (que não veio) e a queda da lusa teria se salvado.Ao contrario do flu, que mesmo com a queda da lusa ainda precisava de dois resultados: sua vitoria contra o bahia (que veio) e o vasco não vencer o atl pr (que tb veio).Certo é que vasco e flu tinham interesses opostos ou seja, pelo menos um dos dois cairiam, com chance de cairem os dois.Seria uma tragedia p/ o futebol do rj. Quem perderia muito com isso? o futebol carioca. Essa artimanha lusa-heverton foi tão bem elaborada que acho dificil ter vindo de mentes tão limitadas como cartolas vascainos, tricolores e rubro negros (não esqueçam, o fla ficou na berlinda após o jogo de sábado). Assim tudo converge p/ fla, flu ou até vasco. O q os 3 times tem em comum? são cariocas e submissos (essa é a palavra) à federação de futebol do rj, denominada FERJ. opa, agora falamos de entidade profissional, e sorrateira nos meandros e sujeiras de bastidores do futebol. Minha opção de culpado (tá melhor q filme do Alfred Hitchcock ou livro de agatha christie): FERJ, a FEDERAÇÃO DE FUTEBOL DO RJ. é profissional da sujeira e viu-se em sinuca de bico, onde uma tacada de mestre salvaria quem sabe pelo menos 2 de 3 times do seu estado. Possivelmente a FERJ agiu sem conhecimento dos clubes. THE END.

  • Natarelli

    Como você bem disse, no início do ano o MP, na patética figura do procurador Senise, disse que haviam fortes indícios de que houve suborno a Lusa para a escalação do jogador Héverton.
    Quase um ano depois, o discurso é o mesmo, houve corrupção, mas não se descobre quem foram os beneficiados (corrompido(s) e corruptor(es)).
    Sinceramente alguém acha que algum dia saberemos o que aconteceu? Claro que não! Um ano de investigação é tempo demais não para se juntar provas, mas sim para diluí-las.

    Esqueçam, como já fizemos tantas outras vezes, aliás somos campeões de esquecimentos, alguns por seletividade e conveniência, outros por omissão mesmo, o campeonato seguiu e continua seguindo em frente.

    Em tempo (1): Governos já foram destituídos em menos de 24 horas.
    24 horas é tempo de sobra para se resolver um problema que iria gera alguns milhares de dólares em prejuízo.

    Em tempo (2): Vale brinde para uma visita pelas bandas da Alemanha.

    • janca

      Também acho que a história tende a não ir para a frente. O MP não avançou nada do início do ano pra cá. Indícios de suborno o promotor já dizia haver no começo do ano. Agora o discurso é o mesmo. Mas quem pagou? Quais as pontas? E já, já imagino que o caso volte mesmo ao esquecimento, como você bem colocou. Uma pena.

MaisRecentes

O título do Timão



Continue Lendo

Tricolor acuado



Continue Lendo

A volta de Felipe Melo



Continue Lendo