Vantagem do Mengão



Antes do início das semifinais da Copa do Brasil, apesar de muitos não conseguirem apontar favoritos para chegar à decisão, eu apostava num final mineira.

Depois do que vimos no Maracanã, com o Flamengo fazendo 2 a 0 no Atlético, as coisas mudam de figura. A não ser que acabe bobeando feio como o Corinthians, o time do Rio passou a ter mais chances de ir à final. Não apresentou um grande futebol, mas fez o suficiente para bater o Galo, muito tímido no Maracanã.

No outro duelo, o Cruzeiro dominou no primeiro tempo, fez 1 a 0, mas aparentemente cansou na fase final, deu espaço para o Santos, que até poderia ter chegado ao empate.

Na Vila sigo considerando os mineiros favoritos, mas o Santos, mais do que qualquer um dos semifinalistas, com a molecada que tem, além da experiência de um Robinho, por exemplo, pode surpreender. Para o bem ou para o mal.

Jogos que prometem semana que vem.



  • Rafael

    Janca, o Flamengo t não tem plantel para o Brasileirão, mas em confrontos de mata-mata é duro jogar contra o mengão. O Flamengo não teve a posse de bola mas teve pelo menos três chances claríssimas de gol no primeiro tempo salvas pelo Vitor, o Atlético teve apenas uma boa chance. É muito difícil alguém se criar contra o Flamengo quando o Cáceres está em campo, o Paraguiao tem um poder de marcação fenomenal, tá jogando muito a bastante tempo. Canteros dá compactação ao meio de campo e acerta lançamentos importantes e Gabriel está em uma fase iluminada, jogando muito. Everton também está muito bem, assim como o Paulo Vitor. O time tem suas limitações mas é aguerrido e sabe jogar mata-mata.

    • janca

      Gosto muito do Cáceres também, Rafael. Concordo com sua análise sobre o time do Flamengo, mas apesar de ter se transformado em grande favorito não vai ser fácil jogar em Minas. O Corinthians que o diga. O Mengão tem suas limitações, mais do que o Galo, a meu ver, mas tem a vantagem de no Brasileirão estar no meio da tabela, podendo relaxar um pouco e focar na Copa do Brasil. Os mineiros, que brigam pelo G-4, não podem fazer isso. E se a decisão for para os pênaltis o goleiro do Galo é complicado. Sou fã do Vitor. Boa quinta pra você, Janca

  • Cleibsom Carlos

    Depois de assistir ao jogo de ontem entre Flamengo x Atlético me bateu uma depressão imensa. Uma partida sofrível onde os times não conseguiam trocar 03 passes consecutivamente e de técnica nula. Me lembrou as piores “peladas” em que jogo aqui no bairro. Se as pessoas querem apenas correria, raça e força de vontade, tudo bem, mas o futebol moderno não é apenas isso e tecnicamente parece que o futebol brasileiro perdeu o bonde da história. Triste!!!!Janca, pelo que aconteceu ontem até que enfim os cartolas e o bom-senso vão partir para a briga de vez. Tô estranhando a pouca repercussão do novo posicionamento dos cartolas na imprensa…Espero que a presidenta Dilma perceba que essa raça é do MAL e que mande os cartolas e suas “novas exigências” pastarem!

    • janca

      Tive a mesma impressão que você. Confesso que não vi no jogo todo, fiquei assistindo também a Cruzeiro x Santos no mesmo horário, com duas TVs ligadas, e também achei ruim tecnicamente a partida em Minas. O Cruzeiro dominou o primeiro tempo, mas começou a sumir no segundo… E o Santos na fase inicial não existia. Apareceu na final mais por cansaço do time mineiro do que qualquer outra coisa. Não vi criatividade em nenhum dos quatro times ontem. Uma decepção. Mas que o Flamengo conquistou uma vantagem importantíssima, conquistou. Eu, que acreditava numa final mineira, hoje acho que os cariocas e o Cruzeiro têm mais chances de avançar. Mas esperemos a próxima rodada. E, quiçá, um melhor futebol.

  • Zico

    Claramente o Luxa colocou o time pra não tomar gol . Não gosto de esquema defensivo que joga por uma bola . Mas entendo o Luxa , já que olha pro elenco e vê Alecsandro , João Paulo , Amaral , Luiz A e no mínimo mais 5 .
    É marcar forte , e sair no contra ataque . Não foi um jogo bom , assim como o anterior contra os potiguares , mas teve momentos interessantes.
    Uma coisa é jogar na retranca , com um técnico MUITO MEDIANO , com jogadores que não sabem marcar (corinthians) , outra é ter um técnico que hoje é bom e já foi o melhor do Brasil , com jogadores que marcam muito ,Cáceres Canteros e Everton . E convenhamos , peso de camisas muito diferentes!!!!

    • janca

      Também entendo o Luxemburgo e a preocupação de não levar gol. Mas o time jogou por uma ou outra bola e foi feliz. Agora discordo sobre o que você coloca em relação ao time do Corinthians. Prima pela marcação, embora tenha sido um fiasco em Minas. E não dá pra dizer que o peso das camisas são diferentes… O Corinthians ganhou tudo. Brasileiro (recentemente), Libertadores, Mundial… Menos clubismo, Zico.

      • janca

        Agora em relação a técnicos claro que o Luxemburgo entende muito mais de futebol do que o Mano. Em relação a isso não tenho dúvidas, inclusive porque, apesar de toda a polêmica em relação a Luxemburgo, pude acompanhar de perto a carreira e o trabalho dele em momentos em que esteve no auge. Mas também na queda. De campo, porém, ele entende muito. Nisso concordamos. O problema é quando quer mandar em tudo e ser “manager”, digamos assim.

MaisRecentes

Saída de Lucas Lima



Continue Lendo

Dorival bombardeado



Continue Lendo

A grana de Nuzman



Continue Lendo