Brasil x Alemanha



A pedido da CBF, a empresa que organiza os amistosos do Brasil já fez dois contatos com a federação alemã para enfrentar a Alemanha em amistoso no ano que vem.

A ideia é realizar o jogo, que serviria como despedida de José Maria Marin da presidência da CBF, em março.

Na avaliação de Marin seria uma maneira de ele sair por cima, caso o Brasil vença a revanche, já que os 7 a 1 marcaram negativamente sua gestão.

Dias depois do amistoso, ele passaria o bastão para Marco Polo Del Nero, que vai substituí-lo no comando da entidade.

Os alemães, porém, só devem dar uma resposta em novembro, depois dos dois jogos que o Brasil fará na Europa, pegando Turquia e Áustria.

Num primeiro momento, a CBF pediu para o jogo ser no Brasil (o objetivo era atuar no Maracanã, estádio que não viu a Seleção na Copa), mas a Alemanha disse não. Discute-se, então, a possibilidade de os dois se enfrentarem na própria Alemanha ou na Inglaterra. Um novo contato entre as duas partes deve ser feito ainda nessa semana.

Seja como for, com ou sem amistoso e independentemente do resultado da possível revanche, nada apagará os 7 a 1, que aconteceram em jogo de Copa do Mundo e foram a pior derrota da Seleção em sua trajetória já centenária.

Ao contrário do que quer Marin e do que disse o zagueiro David Luiz, para quem os 7 a 1 são passado e já estão cicatrizados, eles seguem muito presentes em nosso futebol. E devem continuar sendo lembrados por tudo o que representam. Especialmente as falhas no modelo de gestão. Que, lamentavelmente, parece que não vai mudar.



  • Mario

    verdade é q saiu de campo o fantasma de 50 (Uruguai) e entrou em campo o fantasma de 2014 (Alemanha) , os 7×1 vão ser comentados eternamente .

    Falar de futebol desanima , a unica salvação do futebol seria se o proximo presidente/a do Brasil surta-se mandasse a policia Federal prender os cartolas por sonegação fiscal , o imposto de renda fazer um pente fino nos clubes , mas isso não vai acontecer .

    • janca

      Mas em 1950 pelo menos o Brasil deixou saudades, inclusive pela goleada fenomenal diante da Espanha. Em 2014, infelizmente, não. Fomos mesmo mal em campo e não apenas diante da Alemanha e da Holanda, não.

  • Maiorino

    Janca, concordo com vc, para que houvesse “revanche”, teria que ser um mata-mata em uma Copa do Mundo, na Alemanha e de goleada. Resumindo, jamais. Eu não acho que o futebol tem tanta importância quanto damos, como por exemplo, influenciando em uma campanha eleitoral, mas quando assisto os debates e vejo nas mãos de quem o País está (seja situação ou oposição), vejo que os 7×1 são reflexos de muitas outras coisas e não apenas o futebol. O futebol é apenas um espelho da falência da nossa sociedade.

    • janca

      Que o futebol apenas reflete o que se passa na sociedade, concordo. E nenhum dos dois candidatos tem proposta para melhorar a situação do futebol e do esporte brasileiro.

  • reinaldo de barros

    A coisa é simples de se ver, a quanto tempo nos estamos vendo que o Brasil é super desorganizado em tudo ? A seleção só estava servindo para ser vitrine de jogadores para empresários ligados à CBF, patrocinadores ligados à Globo, na verdade quem esta mandando na CBF é a Globo, faz até tabelas dos jogos, teve jogos da libertadores em que não haveria jogos numa quarta feira e a Globo mexeu os pauzinhos com a CBF e fizeram o Santos a antecipar um jogo contra a um time da Bolívia a 8 mil metros de altitude sem nenhuma preparação enquanto o coríntias que ia jogar aqui ficou descansando, não seria mais óbvio o coríntias ter antecipado aqui já que não pegaria a altitude ? Certas coisas é marmelada mesmo e reviolta a agente.

    • janca

      O calendário brasileiro tem que mudar. Veja o que aconteceu com Atlético-MG, Corinthians, Cruzeiro e Botafogo na semana passada, desfalcados pela convocação da Seleção. E o Tardelli ainda conseguiu atuar pelo Galo, o que foi até desumano depois de uma viagem tão desgastante. Atuou terça cedo em Cingapura, no horário brasileiro, e quarta à noite em Minas pela Copa do Brasil. Não dá.

  • Marcel Zanini

    É piada essa história de revanche contra a Alemanha só pode Janca!
    Caso o Brasil vença ele fica com a taça da copa do mundo? Creio que não.

    Um “amistoso” seria o termo certo a ser usado. Com essas atitudes o povo brasileiro vai ludibriando-se com as palavras de quem controla nosso FUT, dirigentes e políticos.
    Não use o termo revanche, pois não cabe, quem sabe uma revanche possa de fato ocorrer numa copa futura, mas até lá será apenas um amistoso e nada mais.
    Se você e outros comentaristas esportivos disseminarem a palavra “revanche” para um jogo Brasil X Alemanha estão fazendo exatamente o que os corruptos da CBF querem, aparecer bem na foto.

    • janca

      Quem usa o termo revanche é Marin. E lendo meu post vai ver que debocha dessa história de revanche. Ninguém apaga os 7 a 1, que não estão cicatrizados não, ao contrário do que disse o David Luiz, um atleta que respeito muito, aliás.

  • Josué

    Bom dia, Janca, como disse o Maiorino, para ser revanche, teria que ser na Alemanha e em copa do mundo, enfim, quanto a esta partida eu não tenho dúvidas que os PILANTRAS da cbf já propuseram uma MARACUTAIA para que assim o vivaldino maria marim saísse em grande estilo. Sinceramente espero que eu esteja errado, mas quando esse sujeito está envolvido, eu não duvido mais de nada.

    O Janca, quanto ao Lucio “roda-presa”, parece que o Jorginho tinha razão. o que vc acha??

    abraços….

    • janca

      Acho que o Lúcio vem decepcionando cada vez mais e não acredito que haveria combinação de resultado num eventual amistoso Brasil x Alemanha. Que jamais apagará o que aconteceu na Copa. Abs.

      • Josué

        Muito bem, Janca, também não quero crer nisso…. mas e a copa de 78, já ouvi algumas vezes que havia interferência do governo por um resultado (acho que o sistema naquela época era ditadura) quanto ao LADRÃO DE MEDALHA E DE ENERGIA parece que comunga do mesmo sistema…..mas, são questões que me pergunto, mas também não quero acreditar…. mas como disse não me surpreenderia
        abraços….

        • janca

          Sobre a Copa de 78 quem deve explicações é a Argentina. A ditadura militar dos nossos vizinhos. E João Havelange, que presidia a Fifa na época. Abs.

  • Roberto

    Que mané revanche,a vergonha está estabelecida e jamais será descontada ou esquecida.

  • paulo cesar oliveira

    Essa pretensão de cartolas metidos a políticos é que deveria ser freada de uma vez. O que aconteceu foi que fizemos uma copa para a qual a FIFA pediu 8 estadios nós oferecemos 12, obviamente pro causa das obras e consequente liberação de verba , sendo que um estadio foi construido para o Corinthians com a desculpa esfarrapada de que S Paulo não tinha estadio a altura (!!???? o que faz o Morumbi lá ?), muito dinheiro rolou e ninguem se deu conta de que o time mequetrefe do Felipão – com dois jogadores titulares que não jogavam há mais de uma ano , Fred e Julio Cesar, de chinelagem ! – não daria conta da empreitada mais importante : o fato de que há 64 anos perdemos uma copa aqui dentro, era necessario entrar para ganhar todas as partidas com a faca nos dentes ! Foi o que se viu, e como a CBF não se preparou convenientemente, como é do seu feitio lavou as mãos e a comissão técnica foi deletada, mas tinha que cair a cúpula da CBF e seu sucessor também. Não honraram o valor que tem o futebol para o povo brasileiro, faz parte da nossa cultura e nunca se desprezou tanto uma jornada. Para mim está bastante claro que todo mundo ficou feliz e recheado, esqueceram que havia 1950 no curriculo, mas agora temos a Geração 7 a 1 estampada na memoria, dinheiro nenhum vai apagar isso. Ficaram todos ricos, até politicos graúdos encheram a burra de dindin, a FIFA andou envolvida no escandalo dos ingressos , assunto que misteriosamente sumiu da imprensa , mas vamos ficar com a vergonha pior de nossa historia. E para um pais que produzia 10 Neymar por ano, agora é um Neymar a cada 10 anos, que já estamos no CTI não existe duvida alguma, basta ver como acabou o campeonato do ano passado , a volta olimpica foi dada por advogados em tribunais. Revanche ? hahahaha! Deveria ficar calado o Marin e sair de fininho. Se saiu pior que o Havelange e o Ricardo Teixeira, o que eu pensava impossivel.

  • Zico

    Uma coisa que acho que não pode parar , são as reportagens , posts ou blogs sobre a humilhação sofrida nos 10 x 1 . Gostaria que fosse mais divulgado os 10 x 1 , pois fica parecendo que foi somente os 7 e que foi um apagão , como queriam impor.
    Não podemos esquecer e sempre que possível voltar nessa humilhante passagem na copa do mundo. Não devemos cair nessa de que ´´já passou e bola pra frente“ e somente outra partida eliminatória em copa com uma goleada igual ou maior fará esquecermos um pouco.

    • janca

      Temos que insistir na tecla, sim. Porque esquecer o que aconteceu interessa apenas a alguns… Os que comandam o futebol brasileiro. E o jogo contra a Holanda foi um terror mesmo.

  • kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

MaisRecentes

Santos em SP



Continue Lendo

Fuga de patrocínio



Continue Lendo

Verdão vai às compras



Continue Lendo