A força de Romário



Eleito senador pelo Rio de Janeiro com mais de 4,6 milhões de votos, Romário foi procurado tanto por representantes do PT quanto do PSDB, todos interessados em ter seu apoio no segundo turno da eleição presidencial.

O “Baixinho” não teve contato direto com a presidente e candidata à reeleição pelo PT, mas Aécio, por intermédio do ex-atacante Ronaldo, um de seus principais cabos eleitorais, já sinalizou que quer conversar pessoalmente com ele.

Ontem o candidato do PSDB não pôde falar com Romário pois tinha agenda apertada em São Paulo, onde participaria de um comício e se encontraria com lideranças tucanas. Depois se reuniria com o dono de um dos principais jornais do país, em São Paulo, para discutir, entre outros pontos, o segundo turno da eleição presidencial e a linha do veículo de comunicação. O encontro seria num restaurante de luxo da capital paulista e não na sede da empresa.

Hoje, porém, Aécio quer falar com Romário, que é do PSB, mas vive às turras com o próprio partido. O ex-jogador não é simpático ao governo Dilma e pode apoiar a oposição.

O PSB, mesmo alfinetado por Romário, que se sentiu abandonado na campanha e mesmo assim recebeu uma avalanche de votos, tenta se reaproximar do craque. E até cogita vê-lo candidato a prefeito do Rio em 2016, hipótese que o ex-atacante não quer discutir por enquanto.

No Senado Romário quer ser uma pedra no sapato da CBF e do COB, como vinha sendo, aliás, na Câmara Federal. Vai dar trabalho, vai dar trabalho… E é bom que dê mesmo. A cúpula que comanda o esporte no Brasil e não quer largar o osso tem que ser sair da zona de conforto, não?



  • Mario

    o Melhor para a imagem do Romario é ficar de fora e não dar apoio a ninguem , o Aecio tem o apoio do PTB(Marin/CBF ,sem esquecer sua amizade com o RT ) e a Dilma tem o apoio do PC do B q comanda o ministerio dos esportes q puxa o saco da CBF e do COB .

    • janca

      Sei que ficar neutro também é uma forma de se posicionar, mas há outras. E no segundo turno o eleitor pode escolher o “menos pior” se achar que é o caso. Alianças complicadas os dois lados têm. E acho que o Romário tem muito mais peso político do que um Marin da vida. Caso opte pelo Aécio, digo, o que parece ser a tendência se não ficar neutro, Mario.

    • concordo si eu fosse ele deixava esses partidos para la
      isso vai estragar a imagem dele como um bom politico q raro no brasil

  • Zico

    Vamos esperar pra ver se o baixinho vai continuar ´´em cima“ dos cartolas da cbf , pra mim o maior desafio que temos hoje. Não precisa apoiar um ou outro , apenas esperar …

    • janca

      Eu tenho certeza de que não vai dar mole, não. Espero não me decepcionar…

  • Marcus

    Prezados colegas. O Sr. Romário foi eleito Senador, Um representante do Estado, isto é muito mais do que apenas esporte, o melhor, apenas futebol. Ele pode ,e deveria se posicionar em favor de um projeto que melhor atenda aos anseios do povo, o mesmo povo que o elegeu-aliás estou inserto neste quantum do povo- e que seja o melhor para o Brasil. Vamos trocar o termo neutro por em cima do muro, isso é que não pode. Compreendo que ele, por seu passado, tenha uma identificação com o Futebol, porém, para merecer nossa confiança, tem que atuar além disso apenas. É o que nós que o elegemos esperamos dele. Se tomar uma decisão, e, no final das contas não der certo, não tem problemas. O erro faz parte, o que não podemos admitir é que ele se comporte como muitos indivíduos que vivem em cima do muro, oportunamente, esperando o desenrolar dos fatos para pular para o lado que seja mais conveniente aos seus interesses pessoais.

    • Ailton

      Caro Marcus

      Ele pode se posicionar que nem projeto do PT nem do PSDB atende aos anseios do povo., mesmo assim você acha que ele deveria se posicionar a favor de um ou de outro?

      Abraços

  • jOBINHO LauLau

    A vantagem do Romário é essa: ele não tem rabo preso com ninguém, nem com seu partido, então faz o que acha certo.

  • Janca, estou na mesma expectativa que você.

    Espero que o Baixinho continue não perdoando nenhuma “bola” que passe na sua frente.. Acho também que escolher um dos lados, não significa concordar com tudo, não vejo problema, contanto que continue sua luta por tirar todo o poder que a CBF tem sobre o futebol hoje em dia, que nosso futebol seja tratado como o patrimônio que é..

    Abs,
    cademeucamisa10.com

  • NÃO MISTURE COM ESSE POVO, VOCÊ ESTÁ FAZENDO A DIFERENÇA !!!!!!!

  • Luiz Felipe

    Acho que ele deveria pedir algo em troca, no senado ele pode sim dar trabalho a CBF e ao COB mas tem gente mais graúda em cima, se caso ele opte em dar apoio que dê o apoio com uma objeção “Quero ser MINISTRO DOS ESPORTES” bom ai sim ele vai ter autonomia e poder suficiente pra dar trabalho para as entidades dos esportes brasileiros e não só a CBF e ao COB, como A FIVB, NBB, CBFS e etc.
    Que acha Janca?

    • janca

      Se a Marina fosse eleita presidente havia a possibilidade de o Romário ser ministro do Esporte. Agora não. E não tem sentido trocar apoio por cargos, mas pode exigir uma plataforma na área de esportes interessante, plataforma pela qual, aliás, vai lutar no Senado. Como maior transparência das entidades esportivas, fincar o pé na limitação de mandatos, favorecendo rotatividade no poder e um novo tratamento para a CBF, que trata a Seleção como se fosse dela. Sem falar na questão da situação econômico-financeira dos clubes e do chamado Jogo Limpo Financeiro, que eu também defendo. Contrapartidas dos clubes, inclusive democratizando a CBF, são fundamentais.

  • Cleibsom Carlos

    Tanto o PT quanto o PSDB já deixaram claro que não desejam mudança nenhuma no esporte nacional. Esperar que Dilma ou Aécio peitem as confederações esportivas e alterem de fato a estrutura arcaica do esporte nacional é, para ser educado, “ingenuidade”. Não existe “gestão de ministro” em qualquer ministério que seja e sim “gestão de presidente”…Se Romário ou qualquer ministeriável que seja espera que ao assumir um ministério terá carta branca para fazer o que quiser está enganado!

    • janca

      Também não sinto vontade política nem de um nem de outro partido que chegou ao segundo turno para mudar a condução do esporte no país. Mas no Senado Romário pode fazer barulho e não só na seara esportiva.

  • sampaio

    ACREDITO QUE ROMARIO ESTA PENSANDO EM MUDANCA, SE ELE PENSAR ASSIM COMO SENADOR , COM DEVERES NAO SO COM O FUTEBOL PARA O POVO, ELE OPTARA POR MUDANCA
    E ESSA MUDANCA NO MOMENTO CHAMA-SE AECIO, SE E O MELHOR PARA O PAIS, SO O TEMPO
    DIRA MAS, E MUDANCA, CHEGA DE CONTINUISMO.

  • Lei de Responsabilidade Fiscal do Esporte vai provar que time GRANDE é aquele que não tem dividas, assim a Portuguesa(SP) volta para a primeira divisão no lugar do Flamengo.

    • (STJD) FLAMENGU Caloteiros com Dividas de mais de R$ 800.000.000,00 (Oitocentos Milhões de Reais) Cada ano pegam mais dinheiro emprestado dando calote geral, Dinheiro este oriundo dos ladrões da PETROBRAS com uma torcida desqualificada sem conhecimento o que é Futebol, apenas simpatizantes pela mídia global mulambrada sem qualidade onde quantidade nunca foi sinônimo de qualidade a prova está aí, simpatizantes não é torcedor seus idiotas, se os URUBUS tivessem o numero que o IBOPE mostra de torcedores atuante os FLALIDOS não terias um DIVIDA MONSTRUOSA, como diz o ditado o papel aceita tudo e o que colocam no papel sobre a torcida dos Flalidos é MENTIRA, pois se fosse contar só os que torcem de verdade o Flamengu teria menos torcida bem longe da PORTUGUESA (SP) que não tem dívidas e colocaram eles na 2º Divisão no Lugar do Flamengu, Acordem seus Otários sem NOÇÃO.

      • Smith

        Paulo, menina, não gaste o seu poucos miolos com sua preocupação com O Maior do Brasil. Fica feio pra vc confessar suas mentiras aqui no Blog do Janca. Além de escrever besteira sobre 33, agora inventa de 29/31??? Qual a próxima mentira, seu viceîno invejoso? O mesmo STJD q puniu o Flamengo injustamente, é o mesmo que está fazendo de tudo pra livrar a cara do curintia de punição no Caso Petrus. Em matéria de dívida, o Fla é o único clube no Brasil que fez uma auditoria INDEPENDENTE e mostrou pra todo mundo. Pq o seu timeco não faz o mesmo??? Qto a essa besteira de torcedor ter 2 times, vai no interior de SP, e verá q a maioria torce pro Oeste e pro curintia, pro Botafogo de Ribeirão e pro S. Paulo, pro Bragantino e pro curintia, então é a mesma coisa… Quem lhe enganou, afirmando q a Lusa não tem dívida? Onde um imbecil como vc tirou, q a Petrobras deu 800 milhões ao Flamengo?
        Chora não invejoso, vc é que é Mulambento…

    • janca

      ??? Mais endividada e quebrada do que está a Lusa, já com um pé e meio na Série C?

  • (STJD) A HISTÓRIA DO FLAMENGURUBU É TRISTE, Só não vê quem não quer, FLAMENGO É O TIME MAIS SUJO DO BRASIL. Pior que ser beneficiado todo ano para não cair ainda é covarde e cara de pau de ficar culpando os outros pelas suas falcatruas, quer dizer que o que é bom para o flamengu não vale para os outros, dois pesos ou duas medidas, O Flamengus sempre fizeram marketing nas costas dos outros pra levar a melhor, isso são atitudes de vigaristas mafiosos. PAGUEM O REBAIXAMENTO DA SÉRIE “B” DO CARIOCA DE 1929/31 e 33. VERGONHA.. E DEVOLVAM O TITULO DO CARIOCA AO VASCO, A COPA DO BRASIL AO CORITIBA, E A 1º DIVISÃO A PORTUGUESA… E A LIBERTADORES PARA O ATLÉTICO(MG) DE 1981 QUANDO O MESMO FOI ASSALTADO PELO JOSÉ RATO WHITE, LEMBRAM DO ASSALTO.

    • Smith

      Chora Paulete invejosa… Vc não sabe como é bom ver que existem pessoas como vc. Que morrem de inveja das Glórias do Mengão! Como vc é um chorão, deve ser um Viceíno da Gama, que na série B, não consegue nem liderar, mesmo sendo ajudado por todos os juízes… Eu tenho é pena de um imbecil como vc. Coitado, como deve sofrer, vendo o Fla dever 800 milhões, ter um time ruim, mas encher o Maracanã, ser campeão da Copa do Brasil, ser campeão Carioca por méritos, e sem dúvida alguma, voltar à final da CB2014, com grandes chances de ganhar novamente o título!!! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
      O seu chororô imbecil e agourento não adianta nada. Time grande não cai. Morra e se rasgue, que a maior Torcida do Brasil vai continuar a catar na sua cara!!!
      “Vamos Flamengo, vamos ser campeão, vamos Flamengo, minha maior paixão, vamos Flamengo, e esta Taça vamos conquistar”!!!!

  • Peraí Janca, uma coisa tá passando despercebido nesse seu post… quer dizer que o Aécio se reuniria num restaurante de luxo com um importante Jornal de SP para definir “a linha editorial’ do segundo turno?

    O que é isso? É a confissão de que a imprensa é partidária em prol do PSDB do Aécio, concorda?

    Esse jornal é a Folha ou Estadão, ou os dois, que claramente fazem campanha para o Aécio, não é isso?

    Depois vem falar de imprensa livre. Essa nossa imprensa é partidária, e por isso a regulação tem que acontecer para ontem. Por defender isso que o PT e Dilma são odiados e massacrados diariamente.

    Mas não vai adiantar. Regulação já!

    Por favor, publique, não pratique a censura usual dos nossos “independentes” meios de comunicação.

    Obrigado!

    • Smith

      Qual o problema do Estadão ou a Folha defender o Aécio?
      o jornaleco chamado BRASIL DE FATO, Carta Capital, Brasil 247, vivem malhando o PSDB e defendendo os pilantras do PT, o safado, vagabundo e apedeuta LULA, e a imbecil da Dilma… Não vi ninguém dizendo ou reclamando deles em defender os seus “acionistas”…
      Nâo vi também o Jornal “Brasil de Fato”, pedir punição aos diversos assaltos cometidos pela gangue do PT à Petrobras!

      • Smith, não vou me referir a você com termos agressivos, apesar de você merecer, pois não é possível o que você escreveu.
        Leia novamente e veja se você mesmo concorda com essas sandices.
        Como é que pode um candidato se reunir com jornais de grande expressão nacional para definir qual será sua linha editorial.
        Esses que você citou são blogs e outros meios independentes, como existem diversos em torno do PSDB, e nem se compara aos meios de comunicação dominante do nosso país.
        Que a grande mídia está em torno do aécio e contra o PT isso é evidente, mas essa cara de pau de nem esconder, de fazer reunião para definir claramente o tom que será norteado a campanha, aí é demais.
        Não se pode defender uma coisa dessas independente do lado que se está. Isso é nojento.

        • janca

          Definir é uma coisa, discutir é outra. Mas que há jornais e revistas de grande expressão engajados na campanha de Aécio sinto que há sim. Basta ver algumas manchetes… O que não quer dizer que, durante a campanha, não tenham aparecido denúncias sérias envolvendo os dois partidos. E o próprio Aécio. Vide a história do aeroporto em Minas.

    • janca

      Para discutir a linha editorial do veículo no segundo turno, entre outros pontos… Se o encontro aconteceu ou não, não sei. Em relação á regulação, sou contra. A imprensa tem que ser livre, inclusive para apoiar A ou B. O “Estadão”, por exemplo, já avisou publicamente, em outra ocasião, que queria ver candidato tucano na presidência, o que é um desejo legítimo. Assim como fazem jornais americanos, posicionando-se favoravelmente a candidato A ou B. Sobre a mídia ser partidária, boa parte dela é mesma. Boa parte da grande mídia, aliás, defende o Aécio, isso pode ser notado nas entrelinhas (e muitas vezes não só nas entrelinhas). E nunca acreditei na neutralidade absoluta da imprensa, porque ela simplesmente não existe. É conversa pra boi dormir. Ou pra vender mais jornal. Pelo menos é como eu vejo, Samuel.

      • Cleibsom Carlos

        Janca, quem não é idiota sabe que os veículos de mídia dos “tubarões” querem o Aécio na presidência e os dos “nanicos” querem a Dilma. Não há independência nenhuma na cobertura jornalística seja nesse assunto ou em qualquer outro! E os veículos têm todo o direito de serem “parciais”, o que eles não podem fazer é divulgarem notícias tendenciosas contra o PT ou à favor do PSDB, ou vice-versa, se escondendo atrás de uma suposta imparcialidade que não existe e nunca existiu!

        • janca

          Mas vejo notícias e denúncias contra os dois partidos, PT e PSDB.

      • Janca, regulação não é controle. Praticamente todas as atividades econômicas de interesse público tem regulação. Isso acontece nas telecomunicações, nos transportes, na saúde, nos bancos, etc…. porque só a mídia não pode ter?
        Regulação no sentido de democratizar, de ter mais espaço para outros órgãos de comunicação, pois hoje o que temos é um verdadeiro oligopólio, controlado por 3 ou 4 famílias, e que decidem em bloco, como nesse caso, onde estão do lado do candidato que defende seus interesses, e massacram o do outro lado, como mostra o “manchetrômetro” desenvolvido pela UERJ.
        Vários países do mundo existe a regulação de mercado da mídia, como nos estados unidos e na europa, e isso é essencial para a democracia e para a qualidade da informação.
        Quem for justo e correto não tem o que temer.
        Valeu!

        • janca

          Porque, com todo respeito, Samuel, o seu conceito de justiça e correção pode ser diferente do meu, por exemplo. Acho que a imprensa tem de ter liberdade para se manifestar e trabalhar. Caluniando, difamando, o que for, o veículo (e o jornalista) pode ser processado por isso, claro. Não gosto desse termo regulação da mídia porque para mim cheira a controle, sim, basta ver o que acontece em muitos de nossos vizinhos sul-americanos. Agora que a mídia é controlada por três ou quatro famílias poderosíssimas que dão as cartas (ou ajudam a dar as cartas) isso, infelizmente, acontece. Mas temo que façam no Brasil o que vimos na Argentina com o “Clarín”. Enfim… Abs. pra você

          • Valeu Janca, obrigado pela riqueza do debate, grande abraço!

      • Jonas

        Janca, é um desejo legítimo um veículo de alcance nacional, formador de opinião, apoiar candidato ou partido X? À isso damos o nome de imprensa? Jornalismo é isso? Olha a margem que se abre numa situação dessas, abre um precedente gigantesco para uma perda de credibilidade por parte desses veículos, tudo passar a ser feito por interesses e influências, é justamente contra isso que devemos lutar, e não assistir passivamente. Olha o poder que a grande mídia possui nas mãos, olha quantas vidas ela pode influenciar, olha quantas decisões são tomadas baseadas em informações, olha quanta responsabilidade há nisso tudo, e você me diz que acha legítimo? Qual a diferença entre quem faz jornalismo pautado em interesses, e política pautado em interesses? Como podemos cobrar algo de um político, se nossas atitudes já são prostituídas, corruptíveis, passiveis de compra.

        • janca

          Claro que é legítimo um veículo se posicionar, como já fez o “New York Times” em eleições norte-americanas ou o “Estadão”, salvo engano na última eleição presidencial. E assumir sua posição é muito diferente de tomar atitudes corruptíveis, termo que você usa inadequadamente.

          • Jonas

            Certo, então me explique a diferença por favor.

          • janca

            Você quer que o governo regule a mídia como acontece em muitos de nossos vizinhos sul-americanos? Prefiro uma imprensa livre, nem que seja hipoteticamente, a uma regulada pelo governo. Se bem que a relação entre governos e imprensa em geral já tende a ser complicada. Ou você não acha que as verbas publicitárias do governo podem influenciar a cobertura de A ou B? Neutralidade absoluta não existe, é utopia, não canso de dizer, e não sou contra uma imprensa engajada. Desde que saibamos que ela é engajada. Mas regular, não.

    • Jonas

      Samuel, também reparei isso. Muito bem levantada a questão. Difícil engolir essas coisas.

  • Thiago

    Boa tarde Janca.

    Faz tempo que não dou minha opinião aqui no seu blog e resolvi passar aqui pra dizer que virei Fã do Romario politico, mais até do que o Romario genio da bola. Alem de bater de frente com a CBF ele fez diversos projetos voltados inclusive para a area de tecnologia.

    Acredito que a filha caçula dele tenha colocado algum juizo na cabeça do craque, pq genio da bola ele sempre foi e depois que virou deputado mostrou que não seria apenas mais um boleiro garantindo a aposentadoria…uma pena que não votei nele pois sou de SP.

    Agora estou torcendo por uma dobradinha Romario/Sanchez pelo menos pra atormentar a vida da CBF, acho que pelo menos pra isso os dois podem se unir…

    O que vc acha dessa dobradinha??

    Abs

    • janca

      Um vai estar na Câmara, outro no Senado. Acho que o Romário vai mandar bem no Senado e espero que o faça, em relação ao Andrés, sei não, sei não. Confesso que tenho muitas dúvidas e duvido que faça dobradinha com Romário. Abs.

MaisRecentes

Alerta a Raí



Continue Lendo

Os erros do Verdão



Continue Lendo

Vencer ou vencer



Continue Lendo