A reestreia de Dunga



Confesso que gostei do reinício dos trabalhos da Seleção.

O Brasil não é mais protagonista, é verdade, a Colômbia tomou conta do estádio em Miami, fez um jogo parelho com os agora comandados por Dunga, mas a Seleção não se intimidou, mesmo com a violência do rival, e mostrou personalidade e entrega. Muita entrega.

Pelo segundo tempo, fez por merecer a vitória.

Neymar, mais uma vez, brilhou, levando os brasileiros ao resultado positivo. Bate muito bem falta, assim como David Luiz, que quase fez o seu.

Sem um centroavante fixo, o time se mexeu bem na frente e Jefferson, lá atrás, deu a segurança que Júlio César não ofereceu, tirando o jogo do Chile, na última Copa do Mundo.

Mas foi apenas um amistoso. E que serve pra mostrar que não somos mais os melhores do planeta. O futebol está muito equilibrado. Muito equilibrado mesmo. Tanto que os colombianos não mostraram o respeito de outrora pelos pentacampeões.



  • Victor

    Achei o jogo muito fraco. Não vi mudança nenhuma da Copa pra cá. O futebol brasileiro tá mal das pernas. Colômbia entrou como favorita. Não respeitam mais a amarelinha.

    • janca

      Como favorita talvez seja exagero nosso. Mas que o respeito pela amarelinha não é mais o mesmo, claro que não é. E com razão.

  • Victor

    Mais: alguém duvidava que Dunga ia fazer alguma coisa dessas? Tipo cortar um jogador como Maicon pra mostrar que “aqui tem hierarquia, comando e disciplina”. Exército deles. Voltou o regime militar.

    • janca

      Mas o regime militar nunca saiu da CBF… Agora não esperava que acontecesse algo assim logo nos dois primeiros amistosos… E duvido que o próprio Dunga esperasse uma coisa dessas.

  • Cleibsom Carlos

    O jogo foi sofrível…A seleção é muito dependente dos lampejos individualistas do Neymar e isso é muito pouco para o ex-melhor futebol do mundo! Quanto ao corte do Maicon, é ridículo ver “jornalistas” publicando que o atraso ocorreu por causa de uma confusão com o fuso horário como o sr. Mauro Betting está fazendo. É melhor não publicar nada do que vir com uma versão dos fatos fantasiosas dessas!!! Será que esse “jornalista” acha que somos todos imbecis!?

    • janca

      O Mauro é um ótimo jornalista, desconheço a questão do fuso horário… Agora a CBF tem obrigação de esclarecer o que aconteceu ou de apresentar uma versão dos fatos, se não joga o atleta na fogueira e dá margem a inúmeras especulações. Fora que o jogador fica sem o direito de se defender… E calar todo mundo da delegação não dá. A época do “cala a boca” e da ditadura acabou. Ou não? Eis o “xis” da questão. Acho que não…

MaisRecentes

Galiotte cobrado



Continue Lendo

Palmeiras ferve



Continue Lendo

Cuca continua?



Continue Lendo