O discurso de Lula



O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva resolveu sair em defesa do governo e rebater as críticas contra o excesso de gastos públicos para a realização da Copa.

Diz não temer os protestos nas ruas, lembrando que vivemos em uma democracia, e esperar que o Brasil, diferentemente de 1950, ganhe a Copa em casa.

Se vencer, acha que o país fará uma tremenda festa mas se perder aí sim diz que o povo irá às ruas reclamar.

Sua linha de pensamento (ou discurso) é de que o principal é o Brasil não dar o que chama de “vexame de 1950”, quando perdeu a final para o Uruguai em pleno Maracanã.

Discordo do ex-presidente, inclusive porque não acho que demos vexame em 1950. A seleção chegou à decisão depois de arrasar a Espanha, uma atuação histórica do Brasil, e acabou fracassando na última partida, quando entrou como favoritíssima ao título e deixou escapar uma conquista dada como certa.

Perder em campo faz parte do jogo. O que não deveria fazer parte era essa bagunça na organização, tudo deixado para a última hora, a notícia de que seis estádios da Copa terão falhas na internet e no serviço de dados, os custos subindo a cada dia, elefantes brancos para administrar depois e um legado muito menor que o esperado a um preço muito maior.

Lula diz que não ter ideia de quanto dinheiro vai entrar por conta do Mundial e que isso não importa, o que interessa é “o Brasil mostrar sua cara do jeito que é”.

E continua dizendo que dois dos momentos de maior alegria de seus governos foram quando o país foi escolhido sede da Copa, em 2007, e depois da Olimpíada, em 2009.

Não sei se Fifa e COI ainda pensam assim, nem mesmo boa parte do povo brasileiro. Tampouco, confesso, acho que Dilma Rousseff pense assim. Ficou com um baita abacaxi em mãos em ano de eleição.

E apesar de ela insistir que faremos a Copa das Copas, continuo com minhas dúvidas. Acho que em campo talvez sim, mas fora dos gramados sigo cético, vendo o descalabro que virou a organização do evento. Ou seria desorganização?



  • Natanagildo

    Bom dia Janca.
    Eu acho que a Copa tá no preço, esse evento custa caro mesmo. Se a não realização da Copa resolvesse os problemas sociais, aí tudo bem, mas não é o caso. Com Copa ou sem Copa não mudaria nada e os problemas sociais seriam exatamente os mesmos.

    Pelo menos a Copa gerou empregos. Em relação à desorganização e incompetência todos já sabiamos.

    Acho covardia fazerem protestos durante a Copa, pois a Copa é do Mundo e não do Brasil. Seria o mesmo que convidar o mundo todo para uma festa de casamento e arrumar uma briga no meio da festa.

    Só discordo do Lula quando ele diz que estamos vivendo uma democracia. Na realidade o País caminha a passos largos para uma Teocracia, já que a igreja está tomando conta de tudo, só não vê quem não quer. Já temos quase 80 deputados e 3 senadores evangélicos no Congresso.

    De uma forma ou de outra, estamos ferrados e nada mudará isso. O pior de tudo vai ser engolir a omissão da Dilma por mais 4 anos.
    Felicidades.

    • janca

      Mas não dá pra dizer que no tocante à desorganização e incompetência todos nós já sabíamos e ficar tudo como está. Sobre protestos durante a Copa, desde que pacíficos, não vejo problema nenhum. Abs.

    • Giuseppe Bonella

      O direito de opinião deve ser respeitado ainda que seja contrário ao que pensamos….Mas enxergar a copa do mundo da forma que o Sr Natanagildo está vendo é compartilhar com o superfaturamento que está sendo praticado para a sua realização e não é exatamente isso que devemos aceitar, a finalidade do dinheiro público não é para bancar eventos dessa natureza, afinal existe outros meios para financia-lo e isto que estão fazendo é uma verdadeira sangria ao contribuiente brasileiro e num pais sério diante de um povo exigente não haveria esse tipo de ocorrência, mas isto é brasil e todos dizem amém.

      • Jérsão

        Também acho importante que todos possam colocar suas opiniões, sempre com respeito ao próximo e ao contraditório. Também entendo que não deveríamos por $ público em um evento privado, mas parece que já faz parte da cultura empresarial brasileira ter sempre o Estado como sócio para garantir os resultados, o chamado capitalismo sem risco. Isenções, incentivos, proteções, cláusulas que garantam rentabilidade mínima, está tudo presente há muito tempo nos contratos que, sem isso, parece que nossos empresário não se arriscam a investir. A copa do mundo foi só mais um caso…

    • Na boa Natanagildo não tenho intenção de ofender nem brigar com ninguém, só descordar com educação.

      A comparação com a festa de casamento é pertinente, porém teríamos que levar em conta que os noivos tem problemas de saúde, são semi-analfabetos, vão morar de aluguel, resolveram dar uma festa no Copacabana Palace para comemorar e financiaram a lua de mel Em Las Vegas em 80X.

      Que sejam felizes para sempre, mas oh falta de prioridades!

      • Godofredson

        Bem lembrado Marcio, os noivos não estão em condições de casarem. Acho que nesse caso deveriam esperar mais um pouco para realizar o casamento, talvez algumas décadas. O que nao pode é fazer desfeita para os convidados, ja que os convites foram enviados.

    • sardu

      Natanagildo, me diz ai esse seu casamento é feito com dinheiro do povo (educação, saúde e segurança). Ou foi feito com dinheiro dos próprios noivos.

      Se é feito com dinheiro publico, todo cidadão tem o “direito” de reclamar do mau uso do dinheiro.

      • Godofredson

        O dinheiro do povo sustenta tudo desde sempre, não é só esse casamento, que é feito com o dinheiro dos noivos sim, já que a Copa é para todos. Quando o Brasil se candidatou todo mundo ficou contente.
        Nós sustentamos até as igrejas, elas tem isenção fiscal. Alguém reclama das igrejas?
        Na hora o povo vai deixar tudo de lado para ver a Copa.
        Acho outra covardia misturar os problemas sociais com a Copa. Nos últimos 64 anos não tivemos Copa e os problemas sociais só aumentaram.

        • carlos

          Godofredson ,ai pelo seu pensamento pode torrar dinheiro público !!!(não sei se vc paga impostos mas dinheiro meu e de todos que pagam) e quando falo torrar digo roubar pq esses estádios estão custando o triplo, e ai sim podemos falar de hospitais ,escolas (para melhorar a inteligência do povo para não votar em ladrão e viver de esmola(bolsa tudo))segurança e tudo mais que falta nesse pais ,parece que vc é desses que aprovam os politicos que (rouba mais faz) a e quanto aos últimos 64 anos ,pioraram pq tem gente que aprova o que esse bando de ladrões fazem dando a desculpa que a muito tempo é assim, e se é assim não precisa mudar !!!

    • Oscar de Melo

      O brasileiro saiu às ruas para protestar contra o aumento nas tarifas de transporte público.Outros protestos produtivos e populares eclodiu em meio as massas revoltadas com os desmandos políticos generalizados.Porém,como tudo que envolve política em qualquer canto do mundo,os próprios políticos viram a opurtunidade de orquestrar manifestações contra seus rivais,e enterraram mais uma vez as chances de ouvirmos a vóz do povo(penso que a única representação válida do povo é o das urnas).Portanto,o mesmo acontece com os protestos contra a copa,que só existe por rivalidade política ou clubística,Sãopaulinos revoltados com a exclusão do Morumbí,alguns palmeirenses e santistas,e os tucanos fanáticos que não aceitam que o voto alheio valha o mesmo que o seu.Protesto de classe não pode ser e não é incontestável,assim como nenhuma opinião particular é incontestável.

  • saul ramos de oliveira

    Quando olhamos para as necessidades do “povo” brasileiro e ficamos sabendo das grandes fortunas gastas em estádios que depois ficarão parados, não dá para acreditar, só um governo que se preocupa em aparecer para fazer tão grande besteira.
    O futebol é bonito, é importante? Claro! Mas; a esse “preço”, quantas favelas, e os hospitais, e os rios da periferia com toda a sujeira que encontramos, não são mais importantes?
    Só torcer para o Brasil ganhar, acho difícil! Saul

    • janca

      E foi o Brasil que bateu o pé nas 12 sedes. Pela Fifa teríamos menos.

      • Godofredson

        Acho que deveriam ser 13 sedes, faltou uma em Florianópolis.

      • Pedro Salomão

        Não foi o Brasil que bateu o pé!! Foi o LULA e o PTralhas que queriam e querem fazer política com a copa.

  • Giuseppe Bonella

    Infelizmente não temos pessoas encajadas ou comprometidas com os problemas brasileiros que são muitos no que diz respeito a parte saúde, educacional e segurança. Entra governo sai governo e a situação não muda, aliás muda para pior….Gastar bilhões num evento esportivo levando em consideração a real condição do brasil e de seu povo e mesmo assim aprova tal ação isso é tipico e bem caracteristico do politico brasileiro cujo comprometimento é consigo mesmo e seus pares pois aqueles que o elegeram não tem a menor importância não precisam qualificar melhor sua condição de vida pois estão acostumados a viverem no rodapé da pirâmide mas é preciso mudar essa mesmice basta tanto basta esse mesmo povo acordar, é dificil acreditar que isso aconteça mais existe essa possibilidade de o despertar de um povo.

    • janca

      Sempre fui a favor da Copa no Brasil, mas não do jeito que está sendo “conduzida”. Poderia ser catalisadora de mudanças, discussões e projetos, o tal do legado, mas assim como aconteceu com o Pan esse último acaba sendo minimizado enquanto os custos vão às alturas. E a promessa era de que teríamos uma Copa da iniciativa privada, quando não se vê outra coisa que não dinheiro público em jogo, inclusive nos estádios. Alguns dos quais, depois do evento, não sei como serão mantidos…

      • Ana

        Fala sério que você acreditou que seria bancada pela iniciativa privada.
        Vai me dizer que também acredita que as Olimpíadas serão bancadas pela iniciativa privada?
        Santa inocência, Batman!

        O fato é: não era a hora de o Brasil estar aí querendo organizar essas coisas. Faltou visão a respeito das reais prioridades do país. E sobrou arrogância e prepotência de quem forçou a barra pra isso acontecer. Megalomania pura.

        • janca

          Não, não acreditei, mas acreditei que, mesmo bancada prioritariamente por dinheiro público, poderia deixar um legado para a população, como aconteceu na Copa da Alemanha, em 2006, ou na Olimpíada de Barcelona, por exemplo.

  • Alan Miguel

    Janca, a tal organização do evento nunca existiu, principalmente depois que injetaram bilhões de reais de dinheiro público pra conclusão das obras. Planejamento, por aqui, é artigo de luxo que se molda de acordo com o cenário que se apresenta enquanto é executado. O tal legado, seja no âmbito social ou esportivo, praticamente não existirá por pura falta de vontade política dos “queridos” governantes e dos dirigentes de clubes e federações deste país. E ainda tivemos que aturar o presidente do Corinthians (vulgo fantoche de Andrés Sanchez, que é um declarado lambe-botas do tal “Molusco”), ao ser questionado sobre o atraso na entrega do estádio do seu time, responder, com espantosa naturalidade, que o atraso acontece “porque estamos no Brasil”. E assim, vai se desenhando o panorama da “Copa das Copas”, onde a presidente (outra que deve muito de sua popularidade ao padrinho “Molusco”) se viu obrigada a fazer média com os dirigentes da CBF e demais políticos ligados ao futebol por saber que o ano da Copa é ano de eleição por aqui. Não quer perder sua popularidade e seu eleitorado a 5 meses da época de votos. Que venha a Copa/2014 e as Olimpíadas/2016. Afinal de contas, se a coisa apertar, nossos impostos darão um jeito, pois, segundo Mario Gobbi, “estamos no Brasil”.

    Grande abraço, Janca!!! E bom texto!!!

    • janca

      Oi Alan. E você tocou num ponto importante. O tal do legado, inclusive em relação ao esporte, praticamente não existe, o que é uma pena. Grande abraço, Janca

  • walter papa

    é a copa da mutretagem, copa feita nas coxas, governo sem vergonha.

  • Tambem, olha a preocupação dele, oito anos de governo, filho um dos maiores empresários do setor agropecuário, apartamentos em nome da família, nos melhores lugares e mais caros do país, os amigos na prisão, ao qual foram homens de verdade em não revelar a fonte, do desenfredo MENSALÃO, e a bomba tinha que estourar nas mãos de uma mulher que politicamente não sabe o que faz no governo, entregam tudo pronto e ela só le o que está escrito, fica fácil ser manuseado e bajulado por alguem fora do governo, entre outras coisitas másssss…..

    • Jérsão

      Cara, vamos tentar manter o nível.

    • Ademir Santino de Lima

      OS AMIGOS DO LULA ESTÃO NA PRISÃO. PARABENS POIS O GOVERNO NÃO INTERFERIU NAS INVESTIGAÇÕES DA POLICIA FEDERAL. PIOR SÃO OS AMIGOS DO FHC. CONTINUAM SOLTOS… CUIDADO AMIGOS. O BRASIL NÃO TEM OPOSIÇÃO. TEM OPORTUNISTAS…

  • Giuseppe Bonella

    O fator liberdade de expressão é algo tão fundamental em nossas vidas que o equiparo ao alimento que recorremos em nosso dia a dia, mas quando se trata de Brasil os veiculos de comunicação em geral por serem concessão do governo dificilmente faz criticas ou tolera críticas sobre o mesmo, qualquer comentário nesse sentido não é aceito. Mas faço a pergunta que não quer calar, por que então abrir um forum de debates a respeito se o que comentamos não será exposto para que todos compartilham ou não da mesma opinião. Fica-se a impressão que tal abertura só é permitida para elogias e/ou o equivalente e no exercicio da democracia isso não funciona por direcionar apenas uma via de mão única fato que nos leva a real condição em que toda a população se encontra nos dias atuais pois aqueles que deveriam zelar pelo comprometimento, respeito e responsabilidades são alheios, omissos e subservientes e não é dessa forma que vamos ser uma grande nação justa e respeitada.

    • janca

      ???

  • Ricardo Ximu

    O famoso “Pão e Circo”…

    E o pior, é que todos nós adoramos esse Circo…

    • janca

      Não sei se todos adoram, não. Mas é o famoso pão e circo, tanto que muitos acham que, caso o Brasil ganhe a Copa, o país entra em onda de euforia e esquece todas as suas mazelas. José Maria Marin, presidente da CBF e do Comitê Organizador Local da Copa, está nesse corrente, Lula, pelo jeito, também.

  • j.p.alvarenga

    veja bem se faz reclama se não faz tanbem reclama, o BRASILsera em breve o maior pais do mundo porem os politicos a corrupção,leis brandas e ultrapassadas para os dias atuais, altas
    cargas tributarias,porem o pais cresceu muito nos ultimos dez anos
    construir estadios ferrovias, aeroportos,auto suficiencia energetica e EDUCAÇÃO levara o
    o
    pais para seu devido status
    pais justo e soberano

  • sardu

    Vamos esperar todo mundo na Rua, fazendo protesto contra os gastos da copa.

  • Victor Dunstan

    Fala Janca…só ver o estádio da Juventus-Itália…que ergueu o estádio novo por 100milhões de euros…mais ou menos 310 milhões de reais…o itaquerão vai custa bem maiss do que isso,e é um lixo perto do que foi feito na itália que tem shopping center,hotel 5 estrelas e outras benesses…no itaquerão e muitos outros estádios o superfaturamento é provável caixa2 do PT,envolvido sempre com as mesmas empreiteiras…ahh não podemos esquecer que o salário na italia é maior que aqui eaqui teve inúmeras isenções de impostos!!

  • leonardo

    Sou médico e trabalho em 2 emergências do rio de janeiro, e afirmo: NÃO FOI FEITO NENHUM INVESTIMENTO NAS EMERGÊNCIAS. NÃO ESTAMOS PREPARADOS PARA NENHUM ACIDENTE OU CATÁSTROFE,CASO ACONTEÇA. Não tivemos simulações, não houve treinamento, não há protocolos, em caso de médio-grande vítimas. Não sabemos como atender, por ex, casos de acidentes químicos. Temos deficit em vagas de CTI, setor de tratamento de queimados, e nenhum setor especializado em tratamentos de acidentes químicos. Como fazer em caso de pacientes graves se no momento há uma falta de vagas em CTI? Vai no jeitinho, né?! O investimento na saúde foi zero.

  • Mauricio Eliezer cruz Duarte

    Para o PT a copa do mundo vai ser um tiro que vai sair pela culatra.

    • janca

      Depende muito da reação da população e do nível das manifestações. Mas também começa a acreditar que terá influência o desempenho da seleção, algo que não achava antes. Se ganhar a Copa talvez muitas mazelas sejam empurradas para baixo do tapete. É um assunto que pretendo retomar mais para a frente.

  • Robson Furtado

    Qualquer coisa que este governo faça os caciques do PT defendem com unhas e dentes, por que
    “” NUNCA NA HISTÓRIA DESSE PAIS TEVE UM GOVERNO TÃO CORRUPTO “” . Amigos leitores, um pequeno exemplo e a reforma do maraca, aonde colocaram mais de 800 milhões ?

  • saulo

    lula, NUNCA MAIS!!!

MaisRecentes

Contas corintianas



Continue Lendo

Timão em 2018



Continue Lendo

Verdão aflito



Continue Lendo