Dilma aperta equipe



A presidente Dilma Rousseff tem apertado sua equipe de trabalho, pedindo providências e prazos para a conclusão das últimas obras ligadas à Copa.

Dos 12 estádios do Brasil para o Mundial, seis ainda não foram entregues, descumprindo promessa feita à Fifa de que todos estariam prontos até o final do ano passado.

O próximo a ser inaugurado será o de Natal, na semana que vem. O Beira-Rio, em Porto Alegre, ficará pronto até o final de fevereiro, mas Cuiabá, Curitiba, Manaus e São Paulo ainda não bateram a tecla quando o assunto é a data para a abertura.

Dilma quer ter uma resposta até semana que vem, quando vai à Suíça para o Fórum Econômico Mundial e deve ser cobrada em relação aos estádios.

Outros temas ligados à Copa preocupam a presidente, como o aumento abusivo no preço dos hotéis e dos preços em geral já que o setor de serviços quer se aproveitar do evento para faturar o que pode e o que não pode, a questão dos aeroportos, que terão mais voos liberados durante o evento, e especialmente a segurança.

O esquema para receber a seleção dos Estados Unidos durante duas semanas em SP, acionado assim que os norte-americanos chegaram à capital paulista, deve ser repetido com outras delegações na Copa.

Há, porém, receio de que manifestações populares e movimentos como o chamado rolezinho, que ganha os shoppings paulistanos e começa a ser copiado em outras capitais brasileiras, criem problemas indesejados no Mundial e prejudiquem ainda mais a imagem do Brasil, que apresenta problemas na área econômica.

Dilma, enfim, terá muito a explicar na Suíça e, a menos de cinco meses do início da Copa, quer ação e resultados de todos os setores envolvidos com o Mundial. Talvez seja um pouco tarde para começar a cobrar, já que tivemos quase sete anos para nos preparar para o evento, mas antes tarde do que nunca. Até porque o tempo passa… E passa rápido.



  • Mario

    Dilma se preocupa com a imagem, mas em resolver os problemas que causam o mal ela nem liga , é só mais um politico de m**** do nosso pais.

    as manifestações tem que aumentar por que a Dilma não ouviu o povo , agora aguenta as vaias e manifestações.

    bom vão aumentar os voos, mas vão sistema vai aguentar?

    • janca

      Em relação aos protestos do ano passado, acho que, pelo jeito, não foi só a Dilma que não os escutou direito. Ou se esqueceu tão logo deles pra voltar a se preocupar agora que começaram os tais rolezinhos. Sobre o aumento do número de voos espero que o sistema aguente, porque anda um caos. Acho até que na Copa funciona, mas depois voltamos à nossa realidade marcada pelo descaso das autoridades. Em relação à imagem do país é uma preocupação legítima, mas o governo deveria ter se preocupado com o legado que uma Copa aqui poderia deixar e pelo jeito não fez a lição de casa. De legado mesmo ficaremos, aparentemente, com 12 ótimas arenas, que usaram muitos recursos e benefícios públicos, algumas das quais, aliás, correm sério risco de virarem elefantes brancos.

  • Cleibsom Carlos

    É isso aí, presidenta, mostra para o mundo como as coisas funcionam no Brasil, independente de quem esteja no governo…Lentidão, superfaturamento, burocracia, corrupção, atrasos e obras mal feitas! Torço apenas para que não aconteça uma tragédia porque o caldo vai ferver nas ruas durante a copa e as manifestações virão com muito mais força e violência!!!Janca, e esta crise financeira do Corinthians, o time que mais arrecada dinheiro no Brasil? Será que a queda de rendimento do timão tem haver com os atrasos de pagamento dos jogadores? Segundo o Bom-Senso, após pesquisa no mercado, os únicos times que estão em dia com seus jogadores são Cruzeiro e Palmeiras…A bolha do futebol brasileiro já estourou, falta apenas a mídia noticiar o estado de pré-falência dos clubes!!!!

    • Vai Corinthians

      O Corinthians não tem salários atrasados. Está devendo apenas direitos de imagem do Pato, direitos economicos do Ralf (2 meses) e Rodriguinho (2 parcelas ao América), inclusive o clube tem poucos jogadores que recebem direito de imagem.
      O problema é que o clube não recebe há dois meses os valores do patrocínio da Caixa por empecilho burocrático que ocorre a cada 12 meses (renovação), que deve estar solucionado nos próximos dias ou mesmo hoje. E o clube está em dia com a situação fiscal. O Timão paga em dia desde 2007.
      Contratar o Pato por 45 milhões foi um erro, que o Santos cometeu agora com o Damião e isso vai comprometer as receitas futuras.
      Em 2013 o Corinthians arrecadou o dobro do segundo colocado e em 2014 continuará sendo o clube que mais arrecada.
      A Dilma vai terminar o mandato sem ter feito praticamente nada pelo esporte brasileiro.

      • janca

        De fato não vemos uma política pública para o esporte brasileiro, como não vemos uma política nacional de turismo. Acabamos perdendo duas grandes chances, que seriam a Copa e a Olimpíada no Rio. Como já perdemos com o Pan de 2007.

      • Cleibsom Carlos

        Vai Corinthians, a situação financeira do timão é desesperadora, um time que antecipa receitas televisivas de 2017 em 2014 não pode estar bem…Os salários estão atrasados sim, mas é óbvio que nenhum jogador virá à público para reclamar. E a tendência é a coisa piorar porque a construção do Itaquerão está bichada desde o começo e a Odebrecht está para abrir o bico porque a grana do BNDES está demorando para sair, tanto que em virtude desta demora o Corinthians terá de pagar, no mínimo, 100 milhões de juros…Você sabia disso?

        • Thiago

          Cleibson, a situação do Corinthians não é desesperadora, mas é delicada com certeza.

          A diretoria do Corinthians não confirmou a antecipação das receitas até 2017 e sinceramente não acredito que o Gobbi tenha feito isso, de qq forma deve ser estudado. Como disse nosso amigo Corinthiano em outro post o valor de R$ 10 milhões deve ser quitado rapidamente, porem, é inaceitável o presidente deixar isso acontecer. O clube que mais arrecada no Brasil não pode ficar devendo direitos de imagem de forma alguma.

          Quanto ao estádio realmente a conta esta aumentando, mas vc esta esquecendo de colocar as receitas que o estádio ira gerar, lembre-se que a carência para iniciar os pagamentos é de 3 anos e quem cuida do estádio é o Sanchez e não esse mané do Gobbi que deixou o Corinthians atrasar salários depois de muito tempo sem ver esse tipo de noticia no Parque são Jorge.

          abs

          • Cleibsom Carlos

            Thiago, eu ouvi uma entrevista do próprio Andres Sanches onde ele relatava a dificuldade quanto à liberação do dinheiro do BNDES para a Odebretch, que é a atravessadora do timão, e que, por causa disso, juntando multa e juros, o Corinthians teria que arcar com, no mínimo, 100 milhões à mais. O que me irritou foi que ele citou o valor com se fossem 100 reais e não 100 MILHÕES!!!Repito: 100 MILHÕES À MAIS APENAS DE JUROS E MULTA DEVIDO À UM ERRO ADMINISTRATIVO!!!!!O Corinthians e a Odebretch contavam com o dinheiro mas devido a burocracia, que qualquer um que trate com o governo sabe que existe, houve um atraso que ainda persiste e a bomba estourou na mão do timão!!!Cara, de boa, como um time como o Corinthians, que está em evidente crise financeira, deixa escorrer pelo ralo 100 MILHÕES e a imprensa não repercute?!Como elogiar o “administrador” Andres depois de uma cagada dessas?!

    • janca

      Confesso que desconheço esse estudo que você atribui ao Bom Senso, Cleibsom, mas acho que o movimento não pode ficar restrito apenas à questão do calendário e do fair play financeiro. Tem que ir um pouco além disso. Discutindo a própria estrutura do futebol, o papel da CBF, limitação de mandatos, rotatividade de poder etc. etc. etc. Em relação ao governo, o problema de fato não está apenas no nível federal. O que temos de escândalos estaduais _vide São Paulo_ e municipais não está escrito.

      • Cleibsom Carlos

        O Bom Senso está preocupado com tudo isso que você disse, Janca, o problema é que as mudanças só são imediatas quando o poder é tomado à força. A estrutura do futebol brasileiro é tão arcaica que não basta somente trocar o presidente da CBF, mesmo que quem assuma seja uma pessoa “do bem”. Será que o Bom Senso tem força política para cortar algumas cabeças e partir para a radicalização? Esperar que as estruturas mudem na base do diálogo e contentando à todos os envolvidos não é ingenuidade e sim burrice! Não basta apenas os jogadores quererem modernizar o futebol brasileiro, os clubes também têm de querer e, pelo menos para mim, está óbvio e evidente que 99% deles querem que tudo continue como está…

        • janca

          Óbvio que não são imediatas. Agora concordo com você que tem de partir para a radicalização se a CBF continuar fugindo do debate _e os dirigentes de clubes idem. E por radicalização eu me refiro à possibilidade de greve nos Estaduais.

  • Tiago Stoppa

    Não vai acontecer absolutamente nada, vocês até vão publicar uma foto dela com o Blatter rindo e ele como sempre dizendo que não foi aquilo que ele queria dizer…

    • janca

      O que ele queria dizer (ou não) não é o que importa. O que importa é que estão gastando muito dinheiro público para o evento e os benefícios (legado) para o povo brasileiro devem ser mínimos. Fora um ou outro elefante branco, que não é exatamente um benefício. Pelo contrário, aliás.

  • alessandro mendes

    Nossa querida presidente veio a publico no auge das manifestações e fez várias promessas, onde só cumpriu a dos médicos sem fronteiras. nosso país é o dá mentira, do jeitinho, da vergonha.

    • janca

      Ela estava meio aturdida. E de fato conseguiu emplacar o Mais Médicos, que parece estar indo bem e eu acho uma alternativa extremamente válida, mas além disso…

      • Andre

        O que a maioria dos brasileiros nao entendem e que este pais e uma democracia de tres poderes, acham que o Presidente da republica e o culpado falta de leis rigidas contra o crime, a demora nas apuraçoes e condenaçoes do judiciario, a total falta de vontade do congresso em alterar a legislaçao eleitoral para transforma-la em algo melhor. Nao adianta o governo ter a maioria do congresso, a unica forma e uma maniifestaçao unica e objetiiva para alteraçao da legislaçao eleitoral, reduzindo o numero de partidos e a forma de financiamento eleitoral, que hj esta provada ser fonte de.corripçao. Nao adianta um monte de maniifestaçao sem objetivo claro.

        • janca

          Temos mesmo crise grave nos três poderes, André, não é só no Executivo, não.

          • Luciano

            Tivemos algumas crises no Executivo na história do país e não me parece que há essa crise toda nessa esfera de poder, pelo menos no âmbito federal. Os tais rolezinhos citados nada mais são fruto de uma juventude carente de lazer nas periferias Brasil afora, muito deles filhos dessa nova classe social que ascendeu. Sinceramente, achei várias das manifestações de junho que vieram após das primeiras realizadas pelo movimento Passe Livre, apenas uma consequência da truculência policial. Acho que nem haveria esse tal “o gigante acordou” não fosse a violência policial. Tem uma certa parcela da nossa classe média ou alta que só pensa no “seu “e quando “percebe” qualquer coisa que foge do mundinho perfeito e seguro, exemplificado na assepsia dos seus corredores de shopping, se alarmam.

          • janca

            Algumas crises no Executivo na história do país? Para mim tivemos várias, mas isso é questão de opinião, Luciano. E essa história do “gigante acordou” também é algo bem controverso, tenho sérias dúvidas se não continua hibernando.

          • Luciano

            Algumas crises não, necessariamente, querem dizer poucas. Quis enfatizar que não vejo toda essa crise que se fala no governo federal. Não comentei sobre outras esferas de Executivo. Só acho curioso, Janca, que pra uma grande parcela da imprensa só não houve crise de qualquer monta, apenas no governo FHC. Crise ecônomica naquele governo, imagine então. Oras, se estava tudo bem, porque o caro então presidente não conseguiu convencer o eleitorado de suas façanhas? Sobre o legado público, nem incluo na conta estádios privados. Sobre esse assunto, uma matéria que li no sábado avalia sem extremismos sobre os tais legados, com opinião dos Sindicato Nacional da Arquitetura e da Engenharia. Nem 8, nem 80. Só acho que o brasileiro adora esse “o que lá fora vão pensar” ou “precisamos explicar no exterior”. Será esse o caso mesmo? E parabéns pelo blog e pelo espaço para troca de ideias…

          • janca

            Oi Luciano. Com todo respeito aí você está entrando naquela velha discussão (que parece a do clubismo) política. Partido contra partido, Lula/Dilma x FHC, e não é disso que estou tratando. Quando falo em crise no Executivo não é só no governo federal, veja o caso de SP, nas mãos há séculos do PSDB, o Rio, com Cabral… Não se trata de PT ou PSDB. E sobre a Copa não se trata do que vão pensar lá fora, mas o problema é conosco, que pagamos a conta e não temos o legado prometido, longe, muito longe disso.

          • Luciano

            Janca, talvez até já tenha lido, mas aqui a tal matéria sobre os legados. Acho que essa construção do legado tem que ser algo para não se voltar mais atrás, independente de Copa. Não precisa nem publicar esse post, pois contém link
            http://esportes.terra.com.br/futebol/copa-2014/infraestrutura-sera-o-maior-legado-da-copa-avalia-sinaenco,96506ce14db93410VgnCLD2000000dc6eb0aRCRD.html

          • janca

            Está aí publicado, Luciano, mas perto do prometido o legado será mínimo. Doze belas arenas, com preços bem acima do prometido, com muito dinheiro público, ao contrário do que tinha sido prometido, que seria uma Copa da iniciativa privada. Mobilidade urbana, política de turismo e tantas outras coisas mais que poderiam ser alavancadas com a Copa, infelizmente, acabam deixadas de lado. O Mundial poderia ser catalisador para uma série de mudanças, mas nada. Pelo menos é como eu vejo. Serviu, talvez, para agitar mais a população que saiu às ruas em junho passado contra o desperdício com algumas obras da Copa no chamado padrão Fifa.

  • Robert

    Caro Janca, uma noticia recente gostaria de ouvir sua opiniao:
    http://globoesporte.globo.com/blogs/especial-blog/bastidores-fc/post/ministro-do-stf-defende-decisao-do-stjd.html
    “Essa decisão tem um simbolismo enorme para o Brasil, o da premissa de que uma regra estabelecida é para ser cumprida. Vamos respeitar a regra do jogo, e isso implica segurança para todos”.

    Abraços e parabens pelo blog

    • janca

      Os ministros do STF divergem sobre muita coisa, basta ver o que se passou durante o julgamento do chamado mensalão. Para alguns lei (Estatuto do Torcedor) tem que ser cumprida, para outros regulamento tem que ser cumprido… Enfim, o que lastimo no caso do futebol é que virou caso de Justiça (ou polícia) e deixamos o campo para tratar de tribunais. Pena.

      • Robert

        Sei não Janca, o que observo é que na medida em que se aproxima a divulgação da tabela do brasileirao 2014, o entendimento dos ditos especialistas e juristas divulgados pela maior rede de comunicação do país vai convergindo:
        http://sportv.globo.com/site/programas/arena-sportv/noticia/2014/01/especialista-em-direito-desportivo-diz-ter-certeza-de-brasileiro-com-20-times.html
        Especialista em direito desportivo diz ter certeza de
        Brasileiro com 20 times
        Heraldo Panhoca afirma que decisão da Justiça Desportiva deve
        prevalecer, Heraldo Panhoca ainda garantiu que não vê possibilidade do
        Campeonato Brasileiro ter sua fórmula alterada com a presença
        de mais de 20 clubes na primeira divisão.
        – Tenho a absoluta certeza que não teremos um campeonato com
        20 times e que o poder judiciário vai manter a decisão do
        STJD, que é corretíssima – disse.

        Pessoalmente, entendo que a Lusa deve expulsar de seu quadro o elemento que levou $$ para escalar o Heverton
        Abraços e parabens pelo blog

        • Cleibsom Carlos

          Segundo investigação do MP, que curiosamente corre silenciosamente sem o mínimo interesse da imprensa em divulgá-la, o jogador da Portuguesa foi escalado de propósito para beneficiar o Flamengo após a cagada da escalação do André Santos contra o Cruzeiro. O que a Portuguesa, na figura de seu presidente, recebeu por isso e de quem exatamente ainda está sob investigação, mas a Lusa não é nada inocente nesta história. Se os indícios estiverem corretos a maracutaia foi armada por CBF, Globo, Flamengo e Portuguesa, sendo que o Fluminense foi o inocente perfeito para desviar o foco da situação real e ter que arcar com toda a culpa da “virada de mesa”. Se tudo vier à público, ainda mais em ano de copa do mundo no Brasil, estaremos diante do maior escândalo do futebol brasileiro! Você falará sobre este assunto que está fervendo nos subterrâneos da imprensa, Janca?

          • Robert

            Caro Janca, chama a atenção neste episódio, desde o início o total descompasso entre a diretoria lusa e seus torcedores.
            Veja a última:
             diretoria da Portuguesa apavorada. Torcedores prometem processar o Ministério dos Esportes que não fiscalizou o STJD. O medo é de represálias do ministro Aldo Rebelo e o clube ser alijado do Proforte

            Disponível aqui:
            http://esportes.r7.com/blogs/cosme-rimoli/a-diretoria-da-portuguesa-apavorada-torcedores-prometem-processar-o-ministerio-dos-esportes-que-nao-fiscalizou-o-stjd-o-medo-e-de-represalias-do-ministro-aldo-rebelo-e-o-clube-ser-alijado-do-profort-17012014/

          • janca

            Descompassos não faltam nessa história toda, Robert. É o futebol que deveria ser decidido no campo mais uma vez parando no tapetão. Lástima. Como bem diz o Juninho Pernambucano pode ser muito mais digno disputar a Série B do que ficar na Série A graças aos tribunais da vida.

          • janca

            E descompasso há entre torcedores de quase todos os times e seus dirigentes. Se todos os torcedores pensassem como os dirigentes… Meu Deus, como diria o Milton Leite.

          • janca

            Não vi isso na investigação do MP, que aliás exige explicações da CBF por ter descumprido o Estatuto do Torcedor. Mas se há isso o que você diz na história toda deveria ser tornado público. Até aqui não foi.

        • janca

          Mas qual a relação disso com o aperto que a Dilma tem dado em sua equipe em relação à Copa?

          • Sofia

            A relação não sei, sei que Cristiano Ronaldo pode não ser mais o melhor do mundo. Fluminense vai entrar no tapetão segunda e colocar o Fred no lugar dele. Bomba, bomba, bomba. Falou em tapetão, falou em Fluminense. MP investiga o caso e vai ajudar o Fred a ser o maior do mundo de 2013. Mesmo contundido e rebaixado kkkkkkk

          • Cleibsom Carlos

            Janca,seu blog é o único local em que toquei neste assunto e não fui censurado. Você, como jornalista bem informado que é, deve saber que nos subterrâneas as coisas estão acontecendo e parece haver um véu de silêncio sobre tudo que está ocorrendo! A maracutaia que tentaram armar acabaria de vez com a pouca credibilidade que resta no futebol brasileiro e nos assemelharíamos ao futebol italiano, um morto-vivo em que ninguém mais acredita e leva à sério devido às manipulações de bastidores. Repito: a Portuguesa escalou um jogador irregular propositadamente para que o Flamengo se safasse da 2ª divisão, isto é fato, o que falta ser descoberto são detalhes do acordo, os reais envolvidos e o que a lusa, ou seu presidente ou quem quer que seja do Canindé, ganhou nesta história toda. Nunca acreditei na imprensa e agora acredito muito menos. Como a Globo não falará nada sobre o escândalo por motivos óbvios e a imprensa esportiva está meio sonolenta, espero que a revista VEJA, o veículo de imprensa mais nefasto do Brasil, publique uma reportagem de capa sobre esta pilantragem. Só assim para as autoridades entrarem de fato nas investigações. É até irônico, mas a salvação do futebol brasileiro está na mão da revista VEJA, ou seja, o sujo pode salvar o mal lavado…

          • janca

            Com todo respeito, você não apresentou uma prova sobre o que declara aqui, uma acusação gravíssima contra Flamengo e Portuguesa. Nenhuma prova. Se tiver, a história muda de figura. Em relação à censura, tenho o hábito de não censurar comentários, mesmo que os que me agridem, que não são poucos. O que não quer dizer que eu concorde com eles, apenas acho que eles refletem muito o triste mundo da internet, de agressões, o atual estado da sociedade brasileira e mundial, o que as pessoas fazem escondidas num suposto anonimato, os palavrões, posts que dizem uma coisa, internautas que talvez nem o leiam e colocam apenas o que querem, atacando A ou B… Enfim, coisas que acontecem. Bom sábado pra você, Janca

  • Cleibsom Carlos
  • Carlos

    É muito engraçada essa visão de que estamos sempre devendo expliações para os países e instituições do antigo “centro do mundo”.
    Me parece que o antigo centro do mundo é que passa por grandes dificuldades econômicas…
    Mesmo o rolezinho é produto da elevação da renda de uma população que não não tinha inclusão digital nem moral de ir a um lugar de consumo.
    Sai dessa Janca o Brasil tem muitos problemas, mas não está essa draga em que o colocam…

    • janca

      Não estamos devendo explicações para o que você chama de antigo centro do mundo. O governo deve explicações para nós mesmos, que afinal pagamos a conta. E quem está preocupada com o chamado rolezinho é a própria Dilma, que tratou do assunto com sua equipe de governo. Sem falar no governador Alckmin, outro que anda preocupado com as manifestações em shopping.

  • paulo

    Existe algum comparativo com outros paises sedes ?

    Minha memoria e fraca , mas ocorreram problemas na grande maioria dos paises que organizaram tanto a copa como as olimpiadas

    • janca

      Salvo engano, em termos de atraso nas obras dos estádios o Brasil é o “campeão” pelo menos de 1978 para cá, embora esse esteja longe de ser, para mim, o maior problema. O maior problema é que teremos um legado mínimo, deixamos tudo para a última hora, ficaremos com alguns elefantes brancos, o uso de dinheiro público foi muito maior do que o prometido, os custos das próprias arenas não pararam de subir… Enfim, preocupante não para a Fifa, mas para o Brasil, que está desperdiçando uma grande oportunidade. Pois Copa e Olimpíada são grandes oportunidades para quem as organiza. Se as organiza bem, digo.

      • CONHECEDOR

        Quanto a legado, pensamos em estádios públicos. Os particulares serão pagos, não há nada que indique futuros benefícios, muito pelo contrário, as garantias são suficientes. Quanto aos públicos creio que se justificam em locais com pouco ou nenhum entretenimento popular. Quanto aos aproveitadores e oportunistas em inventar movimentos com viés político, os inocentes úteis aceitam bem e são engajados. Quanto a “teoria da conspiração” entre Flamengo, Portuguesa, veículo de comunicação, confederação, etc… até o momento não passa de “teoria”. Até acho que aproveitarão para enterrar o campeonato de pontos corridos, como é do interesse das transmissões, e podemos ter um campeonato de 32 times em 4 grupos de 8. Um turno (31 jogos), dois classificados por grupo com mata-mata até a final (mais 6 jogos). Um jogo a menos que no atual formato. Mata-mata entre os dois últimos de cada grupo para definir os 4 rebaixados. É uma hipótese forte.

        • janca

          Eu ainda acredito que teremos um campeonato com 20 times mesmo, com o Fluminense na Série A e a Lusa na B. Mas aguardemos. De resto concordo contigo sobre a tal da teoria da conspiração. Por enquanto as especulações não passam disso.

  • numca vi um povo tao idiota como o povo brasileiro todos embalista , musica,movimentos,manifestaçoes tudo copiado. eu queria saber apenas um nome de estabelecimento q nao deixaram essa cambada entrar se foram proibidos e pq queriam fazer baderna esses montes de estrumes, nao so eles como esses polilticos de merda q vcs mesmo colocaram onde eles estao .FAZ O SEQUINTE PQ VCS NAO FAZEM MANIFESTAÇAO EM FRENTE AOS ESTADIOS OU FAZ BAILE FUNK EM FRENTE A CASA DO PREFEITO, TENHO CERTEZA Q OS ESTADIOS DE FUTEBOL APRTIR DE HOJE VAO LOTAR SEUS DEMAGOGOS

    • Claudio

      Nouuuussa…que neLvolso…

MaisRecentes

Contas corintianas



Continue Lendo

Timão em 2018



Continue Lendo

Verdão aflito



Continue Lendo