Entre os vândalos



As cenas de selvageria envolvendo torcedores do Atlético-PR e do Vasco, em Joinville, já correm o mundo. Imagens foram pedidas por emissoras de TV da Alemanha, Dinamarca, França, Inglaterra, Suíça e Estados Unidos, entre outros países que já as exibiram no exterior.

Incrível como tem torcedor que vai para o estádio simplesmente para brigar, como se o estádio fosse palco de guerra. E às vezes, como aconteceu em Santa Catarina, é mesmo.

Num jogo de extrema importância para os dois times é espantoso ver tantas falhas na segurança também. Havia pouco policiamento e a segurança privada contratada pelo Atlético-PR não deu conta do tumulto. O despreparo foi geral e o resultado todos pudemos ver pela TV.

Os torcedores, que podem ser identificados pelas imagens que correm o planeta, não devem ficar impunes. Nem os organizadores desse espetáculo lastimável.

O rebaixamento do Vasco acaba ficando em segundo plano, pois a vida está longe de ser só futebol. Infelizmente também é violência, um reflexo da nossa sociedade. Mas deveria ser _e também é_ bem mais que isso.

Nunca esteve tão atual livro do norte-americano Bill Bufford intitulado “Entre os Vândalos” e lançado nos anos 90 depois de ele passar um tempo entre os hooligans ingleses. Na Inglaterra algo foi feito. Aqui, pelo jeito, muito pouco, quiçá nada. Até quando?



MaisRecentes

Tite questionado



Continue Lendo

A falta de um líder



Continue Lendo

Haja coração!!!



Continue Lendo