Atuações de Paulo André



Espero que o zagueiro Paulo André, que recebeu o terceiro amarelo e está fora do próximo jogo do Corinthians, não seja pego para Cristo da atual fase que o time atravessa.

Um dos idealizadores do movimento que se intitulou Bom Senso F. C., pedindo mudanças no calendário do futebol brasileiro, ele tem incomodado a atual direção corintiana que o considera mais preocupado com questões extracampo do que em jogar futebol, o que acho injusto. Muito injusto, aliás.

Substituído no intervalo do jogo de ontem, quando o Timão levou de quatro da Lusa, não foi o único que se saiu mal. O Corinthians, como um todo, esteve irreconhecível. Mas, ao lado de Alexandre Pato, Romarinho, Emerson Sheik e Guerrero, todos atacantes, menos o próprio, acabou sendo um dos alvos da torcida.

Vale lembrar que o ex-presidente Andrés Sanchez, apesar de ver o Bom Senso F.C. com simpatia e uma oportunidade de minar o trabalho de José Maria Marin e Marco Polo Del Nero na CBF, está longe de ser fã de Paulo André. Há algum tempo acha que o zagueiro está mais focado em se promover como figura política do que em jogar bola.

Discordo. Paulo André fez muito pelo Corinthians, especialmente no ano passado. Não tem culpa se o time caiu de produção e tem todo o direito de continuar com o movimento contra o calendário da CBF para 2014, movimento que, diga-se de passagem, não é só dele, não. Tem lideranças em outros clubes e é absolutamente legítimo.

Só acho que, para dar frutos, o Bom Senso F.C. não pode se esquecer dos jogadores que estão longe da elite e passam pelo menos metade do ano desempregados. Pois essa também é a realidade do futebol brasileiro. E espero que o movimento não vire palanque eleitoral para ninguém.

Seja como for, não é Paulo André o culpado pela má fase do Corinthians, mesmo focado em questões extracampo e tentando conseguir mais apoio de seus companheiros para o Bom Senso, o que é um direto dele. E não é isso o que fez o Corinthians parar de jogar bola. Longe disso, aliás.



MaisRecentes

Nova caminhada



Continue Lendo

O desabafo de Cuca (ainda)



Continue Lendo

As críticas de Cuca



Continue Lendo