Pato ou Sheik?



Há tempos venho observando a torcida pegar no pé de Alexandre Pato, apesar de achar que ele não vinha jogando mal. Ok, podem dizer que tampouco estava jogando bem, mas o futebol do Corinthians, como um todo, tinha problemas. O time seguia eficiente, mas atuando abaixo das expectativas em boa parte dos jogos.

Ontem, finalmente, voltaram a fazer uma grande atuação o Corinthians e Pato, em particular, auxiliado pelas assistências precisas de Douglas. Marcou o primeiro dos quatro gols corintianos e depois fez um golaço, o segundo do time.

Jogador de talento e ótimo senso de colocação, foi uma boa contratação do Timão, seja pelo que apresenta dentro de campo, seja pelo seu potencial de marketing. É sempre uma opção interessante, quando começa jogando ou mesmo quando entra no segundo tempo.

Como Guerrero vem bem há tempos e já cavou seu lugar no time e Tite gosta do futebol de Romarinho, será que Pato e Sheik vão brigar pela outra vaga? Ou será que vão disputar com o própro Romarinho um lugar no time? Tudo pode ser.

Entre Pato e Sheik, confesso que gosto dos dois, apesar de achar o primeiro mais talentoso. Sheik, porém, é mais brigador. E não acho que a decisão tenha que ser necessariamente um ou outro. Podem até se revezar algumas vezes, mas Romarinho também pode iniciar no banco. E quem fica como opção para a fase final não deixa de ter sua importância, já que, quando entrar, pode fazê-lo para mudar o rumo do jogo.

Seja quem forem os titulares, a boa notícia é que o Timão tem um elenco forte. E que ontem finalmente fez uma grande apresentação. Auxiliado pela apatia do Mengão, ok, mas não deixa de ter feito um grande jogo. Foram 4 a 0 para colar no G-4 e a torcida poder sonhar forte com a Libertadores. Via Brasileirão ou até via Copa do Brasil, por que não?



MaisRecentes

O escândalo de Platini



Continue Lendo

Fernando Diniz na berlinda



Continue Lendo

Deuses da Bola



Continue Lendo