Uma vitória memorável



De parabéns a seleção brasileira que ganhou a Copa das Confederações e conquistou a torcida no torneio.

Apesar dos críticos, Luiz Felipe Scolari foi firme em suas convicções e conseguiu fazer do Brasil um time de futebol. Talentos tínhamos de sobra, o que faltava era fazer que jogassem como uma equipe. E isso finalmente aconteceu.

Júlio César, mais uma vez, defendeu como poucos. David Luiz, genial na defesa, esbanjou garra e evitou um gol certo dos espanhóis. Fred, oportunista como sempre, foi decisivo no ataque. E Neymar mostrou que joga muuuito, muuuito mesmo, mesmo sem ter estreado no Barcelona.

Para quem dizia que só conseguiria enfrentar defesas europeias depois de passar a atuar no Velho Continente, a resposta talvez esteja aí. Não só no olé contra os espanhóis, mas nas partidas contra a França, a última antes da Copa das Confederações, e contra a Itália também.

A autoestima foi resgatada. E esse título significa muito, especialmente por ter sido contra a tão badalada Espanha, dona do melhor futebol do mundo, ao lado da Alemanha. E, por que não, de Brasil e Argentina também?



  • Flavia

    Como eu já disse em outros posts, o Felipão foi a melhor escolha como técnico do Brasil. Essa história de Pepe Guardiola na seleção não tem nada a ver. Agora nós temos técnico vencedor no Brasil.

    • janca

      Apesar do sucesso na Copa das Confederações e da carreira mais que vitoriosa do Felipão, eu gostaria de ver Pep Guardiola treinando a seleção. Ele também é um técnico vencedor e que admira as raízes do futebol brasileiro. Poderia nos ajudar aa resgatá-las. Mas também gosto de Felipão. Nunca concordei com os que o julgavam ultrapassado. O que não dava era o Mano Menezes, todo assustado no banco de reservas, comandando a equipe. Felipão e Parreira passam muito mais confiança. Experiência e bagagem nessas horas contam muito.

      • Flavia

        O Pep Guardiola não tem bagagem para assumir uma seleção Pentacampeã do mundo.

        • Bruno

          Tá de brincadeira né? Títulos do Guardiola:

          No Barcelona
          Copa do Mundo de Clubes da FIFA: 2009, 2011
          Liga dos Campeões da UEFA: 2008–09, 2010-11
          Supercopa da UEFA: 2009, 2011
          Campeonato Espanhol: 2008–09, 2009-10, 2010-11
          Copa del Rey: 2008–09, 2011-12
          Supercopa da Espanha: 2009, 2010, 2011
          Copa Audi: 2011
          Troféu Joan Gamper: 2008, 2010, 2011

          Prêmios Individuais
          Treinador do Ano da FIFA: 2011

          Vai ler um pouco mais vai.

        • janca

          Eu acho que tem bagagem e capacidade. Quem não tinha nem bagagem nem capacidade era o Mano Menezes.

          • Flavia

            O Felipão tem mais condição de montar uma seleção competitiva do que o Guardiola porque o estilo de jogo do futebol brasileiro hoje se adapta melhor ao estilo Felipão do que o tic-tac do Guardiola.
            Porque o Brasil não tem jogadores com características para executar o toque de bola que o Barcelona faz e isso levaria anos para ser implantado e não temos tempo para isso.

          • janca

            Mas um bom técnico é aquele que não fica preso a um único esquema de jogo. Não tem que adaptar os jogadores a seu esquema, mas montar um que aproveite o máximo possível as peças que tem em mãos, Flavia.

    • Daniel

      É isso aí! O mais engraçado é que este monte de profetas do apocalipse, que são nossos cronistas esportivos, agora está elogiando. Se ele tivesse perdido o jogo, já estariam perguntando quanto tempo falta para ele ser demitido; além de lembrarem que o Luxemburgo e o Muricy estão disponíveis.
      Parabéns, Filipão. Mais uma vez calaste a boca de muita gente, como fizeste em 2002.

      • janca

        Se tivesse perdido o jogo não, afinal era contra a Espanha. Mas se tivesse fracassado na Copa das Confederações, eliminado na primeira fase, certamente teria muita gente pedindo sua cabeça. Não diziam que ele era ultrapassado e que derrubou o Palmeiras ano passado? Cadê os críticos agora?

        • Tato I

          Eu continuo achando ultrapassado. Ganhou? Parabéns, é isso que nós esperamos da seleção brasileira. O maior mérito desse time foi o de jogar com raça e vontade, impulsionados por cerca de 80 mil torcedores, com ganas de vencer, certamente influenciados pelas ondas de manifestações por mudanças no Brasil inteiro. O momento que vivemos é único, que bom que a seleção assimilou e correspondeu dentro de campo contra a melhor seleção do momento – eles tremeram, quem diria… Foi de arrepiar e de levantar a auto estima de nós brasileiros.

          • janca

            Concordo sobre sua análise a respeito da conquista do Brasil e da atuação da seleção, influenciada pelo momento político-social que vivemos. E achar o Felipão ultrapassado é um direito seu. Eu discordo, mas entendo quem pensa assim. Não estou fechado em relação a essa questão.

  • Sem esperança

    Campeão se grita em português…. Que jogo espetacular a seleção fez hoje, nao deixou o time espanhol tocar a bola… Perfeito!!!! Resgatou-se a confiança, vlw felipao e jogadores… Parabéns, estamos no caminho para a copa!!!!!

    • janca

      Sensacional mesmo. E você passa de “Sem Esperança” para “Com Esperança”. Pelo menos quando o assunto é futebol e seleção brasileira. Porque hoje demos um baile na Espanha.

  • Marcus

    Olá Janca!

    Foi uma grande vitória!! Além dos jogadores que você citou, acrescento o Luiz Gustavo e Marcelo, que jogaram muito nesta Copa das Confederações.
    Mas acredito ainda que os maiores desafios para esta seleção será enfrentar seleções como a Argentina e Alemanha, que não tem jogo tão previsível como a Espanha, e outras de menores mas que marcam muito bem. O que você acha?

    Abraços!

    • janca

      Concordo com você, Marcus, Luiz Gustavo e Marcelo jogaram muito. Mas em relação à Espanha só uma discordância. Por mais que o jogo deles possa parecer previsível, a Espanha tem um toque de bola incrível, que hoje conseguimos anular. Não é fácil. De 2010 pra cá ninguém conseguia isso. A Itália, na quinta-feira, em parte. Gostaria de enfrentar a Alemanha, sim, e outros seleções que marquem bem, que joguem atrás, isso também é importante. Mas não reservas da China, Iraque, África do Sul, aqueles times que vínhamos enfrentando sob o comando de Mano Manezes. Aí não. Grande abs. Janca

  • haghios

    Bastou .. um Treinador … que entende do Babado … a Seleção está ganhando jeito de Time …. quem ainda … não deslanchou foi o Oscar …. mas quem sabe depois deste Titulo .. ele deslanche …ainda falta um cara que cadencie o Jogo na hora do sufoco … creio que este cara seria o Ganso … mas .. que ainda não se recuperou .. mas que o Felipão .. tem cara de Seleção isto tem …agora .. são os Netos do Vovo Scollari …

    • janca

      Discordo de um ponto. Ganso não tem vez na seleção. Seja pelas contusões, seja pelo que não vinha jogando no Santos e tampouco vem jogando no São Paulo. Nem para treinar para a Olimpíada mostrou vontade na seleção… O time precisa de jogadores que queiram jogar e se doem em campo. Como Fred, Neymar, David Luiz, Júlio César e tantos outros que hoje honraram a camisa da seleção.

      • Fabio

        Janca,

        Esse David Luiz é muito violento, fez faltas e tomou cartões totalmente desnecessários.
        O pênalti então foi ridículo e quase tirou a gente da copa…tomemos cuidado com ele…

        • janca

          Oi Fabio. Concordo que faz faltas desnecessárias, errou feio no pênalti que quase nos tirou do torneio, mas mesmo assim sou fã do futebol dele. Com os pontos positivos e negativos que ele tem. Mostra uma raça impressionante. Mas entendo sua preocupação. Abs. Janca

  • CARLOS

    A MIM NÃO ENGANA ESSA VITÓRIA, HOJE ASSISTINDO ESSE JOGO VOLTEI A 1998, MAIS UMA DO FUTEBOL QUE VAI AFASTANDO O POVO DO FUTEBOL, TUDO BEM JOGOU BEM, MAS UMA SELEÇÃO QUE ESTÁ A MAIS DE 03 ANOS INVICTA JOGAR SÓ ISSO. RIDÍCULO, PODERIAM AO MENOS DISFARÇAR. MAS…O POVO GOSTA DE SER ENGANADO, MAS O POVO ACORDOU, A FIFA ACHA QUE PEDINDO PRA ESPANHA PRATICAMENTE ENTREGAR A TAÇA PARA O BRASIL, O POVO VAI DEIXAR DE PROTESTAR CONTRA ESSA BANDALHEIRA, CORRUPÇÃO, ESTÃO REDONDAMENTE ENGANADO…..

    • janca

      Então quer dizer que a Fifa “pediu” para a Espanha entregar para o Brasil? Então tá. Lá vem nova teoria da conspiração. Como em 1998. Como se a França não tivesse tido méritos em 1998 e atropelado o Brasil e como se nós não tivéssemos tido méritos ontem e em toda essa Copa das Confederações.

  • Edson – Santo André

    Olá Janca!

    Separando por partes, acho que o Brasil jogou muito bem hoje, foi campeão com méritos, evoluiu dentro da competição.

    Acredito de verdade que elogios são sempre bem vindos, porém se tornam perigosos quando nos deixam em uma zona de conforto e as críticas, quando são construtivas, podem nos ajudar muito a melhorarmos.

    Isto posto, acho que não podemos nos iludir com esse título de hoje, pois vimos vários fatores extracampo que indiretamente foram favoráveis a Seleção:

    Uma logística muito mal feita especialmente com as Seleções Uruguaia e Espanhola, sendo que a primeira não tinha nem centro de treinamento definido para treinar, tinha que passar por um verdadeiro lamaçal para chegar ao campo de treino, a segunda fez cinco partidas e teve que percorrer mais de 3000 km em 15 dias, da semifinal para a final teve um dia a menos para se preparar, etc.

    Também um capítulo especial para o clima no nordeste, onde as equipes italiana e espanhola sentiram muito o calor e a alta umidade relativa do ar, mesmo no inverno brasileiro. Todos os profissionais da área esportiva de alto rendimento relatam que os europeus sofrem demais com o clima tropical, já que em seus países dificilmente a temperatura fica superior a 20º.

    Em relação aos jogadores, eu fui crítico do futebol do Neymar por acreditar que ele não utilizava toda a sua técnica e habilidade de forma inteligente e mais objetiva, fora que usava demais do expediente de ludibriar a arbitragem simulando faltas. Me parece que ele amadureceu um pouco, não está “firulento”, está conseguindo servir mais seus companheiros com passes para gols, ajudando a defesa com desarmes e marcando muitos gols.

    Espero que ele continue neste ritmo de evolução, continue entendendo a sua importância para o futebol brasileiro, melhore sua parte física, pois ainda tem dificuldade em fica de pé em lance de jogadas divididas. Lógico que ele não joga sozinho e não é certo jogar toda a responsabilidade de insucesso nas costas dele.

    Quanto ao Felipão, apesar de algumas idéias um tanto quando ultrapasadas, a sua simplicidade em montar uma equipe de futebol e o seu poder de motivação já surtiram um efeito positivo em um curto prazo.

    Que ele e os jogadores não se iludam com este resultado. Comemorem agora esta vitória importante contra a Espanha, sabendo que ainda a verdadeira batalha está por vir, e que esta seleção espanhola não estava em suas melhores condições físicas, técnicas e de aclimatação, porém que sirva de motivação para buscar melhorar para 14.

    Finalizando, finalmente a torcida dentro do estádio se conscientizou que tem um papel fundamental quando apoia o seleção desde o momento do hino nacional (espetáculo a parte) até o final da partida.

    Deculpe me estender demais. Grande abraço!

    • janca

      Oi Edson. Não acho que a logística montada para Uruguai e Espanha justifique o sucesso brasileiro. Em relação ao Neymar, merece um capítulo à parte. E todos aqueles que diziam que só jogaria bem na seleção quando fosse atuar na Europa? Ainda não foi e jogou um bolão. Felipão é outro que mostrou competência e calou muitos de seus críticos. Ultrapassado? Atropelou quatro seleções campeãs do mundo em menos de um mês: França, Itália, Uruguai e Espanha. Mas concordo com você que ano que vem a história é outra. E Mundial é muuuito mais complicado do que Copa das Confederações. Portanto temos de colocar a cabeça no lugar, pois não somos os favoritos pra ganhar a Copa. Somos uns dos favoritos. Há outras equipes muitíssimo boas, caso da própria Espanha, Alemanha, Argentina, Inglaterra e outras mais. Grande abraço e ótima semana pra você, Janca

    • Ariel

      Edson, bom dia irmão!
      Cara, na questão dos deslocamentos, o Brasil também teve grandes distâncias. De Brasília para Fortaleza, depois Salvador, Belo Horizonte e por último o Rio. É bastante também.

      Em relação ao clima, é complicado para os Europeus sim, mas não tem como fugir disso. Na Copa teremos seis sedes nestas condições: Manaus, Fortaleza, Recife, Natal, Salvador e Cuiabá. Eles vão ter que encarar isso, não vai ter jeito. Se não se adaptarem, paciência.

      Abs!

  • Victor

    Estranho esse jogo… Xavi e Iniesta estavam irreconhecíveis, a defesa espanhola falhou mais do que a do Taiti, Casillas não se esforçou em defender as bolas dos gols brasileiros, Sergio Ramos bateu um pênalti totalmente despretensioso…
    Muito conveniente uma vitória “sem contestações” em um momento político tão conturbado como esse que estamos vivendo no Brasil. Até parece que somos um povo que pelo futebol esquece todos os males e se alegra com a “seleção canarinho” como se fosse a vingadora de todos os problemas sociais.
    Muito estranho também a mídia não mostrar as agitações ocorridas do lado de fora do estádio, será que havia um direcionamento da exibição?
    Opa! Não é estranho! Acabei de me lembrar: estamos no Brasil! Agora está tudo explicado!
    P.S.: triste saber como nosso povo ainda é alienado e facilmente ludibriado, talvez esses que estão lutando por uma causa nas ruas estejam perdendo tempo…

    • janca

      A própria Globo mostrou várias vezes as manifestações e as confusões fora do estádio. E acho que o povo está entendendo que a seleção é uma coisa, a situação político-social do país e as reivindicações, outra bem diferente. Não é uma conquista da seleção que vai melhorar o transporte público do país. Sem falar que quem estava no estádio ou recebeu convite ou tinha muita grana. Infelizmente “enbranquiçaram” as arquibancadas. Mas isso não tira os méritos da seleção.

  • PAULO CESAR

    O JOAO,CONCORDO QUANDO VOCE FALA SOBRE JOGADOR TER QUE JOGAR NA EUROPA PARA EVOLUIR TAO FALANDO POR MUINTAS FIGURAS DO FUTEBOL,DOS MAIORES DESTAQUES DA COMPETIÇAO VEJA,PAULINHO,FRED E NEYMAR ESTAO JOGANDO NO BRASIL.ENTAO O QUE SE PRESISA PARA JOGAR BEM E TER UM TIME MINIMAMENTE ORGANIZADO.ESTE DISCURSO DE QUE SO SE EVOLUI JOGANDO LA FORA,NAO E BEM ASSIM,O LUCAS EVOLUIO TANTO QUE FEZ UM GOL EM 06 MESES E FOI DE PENALTY.

    • janca

      Eu nunca disse que jogador tem que ir para a Europa para evoluir. Outros setores da mídia e da torcida é que defendiam essa tese.

  • Mario

    Parabens para Seleção voltou ao caminho das vitorias , todos os titulos devem ser valorizado mas grande titulo com ctz não é pois se não ganhar a copa todos vão esqueçe-lo como copa das confederações de 2005 e 2010.

    o Felipão pode ganhar a copa q continuara sendo um tecnico superado , retranqueiro e colocando o nosso futebol no caminho errado.

    • janca

      Mas no momento fez um bem ao nosso futebol, que tinha de melhorar a autoestima. Nem nós acreditávamos mais em nosso potencial, que é ótimo. Sempre defendi que temos estrelas de primeira grandeza, mas o Mano não sabia montar uma seleção. Foi um desastre. Felipão, com todos os problemas que possa ter, é diferente. E mostrou isso na Copa das Confederações.

  • Rogerio

    Um bom dia pra quem dizia que:

    Neymar é pipoqueiro;

    Neymar só faz gol no Bragantino

    Neymar é só mídia

    ETC, etc, etc, etc!!!!!!

    Acho que vc que dizia issso dormiu de cabeça inchada essa noite, não?

    Salve Neymar o maior jogador de futebol do mundo!!!!

    • janca

      É… Vão dizer o que agora?

  • PARABÉNS FELIPÃO E JOGADORES VCS CALARAM A BOCA DOS CRÍTICOS DE PLANTÃO!!!!!!!!!!!!!!!!

  • Victor

    Olá Janca, concordo em partes com você: a Globo mostrou o que não dava para esconder, pois a manifestação se estendeu muito além do que foi divulgado. Outra coisa: será que o povo sabe mesmo separar política de paixão futebolística? Não estranharei se a partir de agora tivermos um apoio do público maior à realização da copa.
    Mas que foi estranho a forma como a Espanha jogou isso foi…
    Abraço!

    • janca

      A Espanha jogou mesmo muito abaixo do esperado, o que não tira os méritos do Brasil. Que vinha embalado na Copa das Confederações. Em relação às manifestações, houve até por parte dos voluntários dentro do gramado. E isso está noticiado, pelo menos por vários veículos de comunicação. E acho _ou espero_ que o povo sabe diferenciar paixão futebolística e o resultado da seleção no torneio das reinvindicações políticas, inclusive ligadas à realização da Copa. Abs. Janca

  • francotimao

    Ola, João, é claro q torci pra seleção vencer, nunca torci contra e nunca vou torcer, mas antes de começar a copa das confederações eu postei aq, q a seleção iria naturalmente melhorar com tempo pra treinar e os jogadores focados na disputa as nossas chances aumentariam e muito e foi o q ocorreu, mas sou reticente com relação a essa final achei q a Espanha “devolveu o presente de 1998”, ao menos foi essa a minha impressão, mas de qualquer forma temos q comemorar sim e muito…ABs!!!!!!!!!

    • janca

      Não foi a minha, Francotimão. Em 1998 o Brasil teve um apagão com a colapso de Ronaldo e a França jogou muito. Ontem a Espanha não foi mesmo a Espanha, mas contra a Itália tampouco foi. E o Brasil voltou a ser Brasil. Isso que é bom. Abs.

  • “Voltou, a alegria de te ver (seleção), VOLTOU!”

    http://www.portaltanaarea.blogspot.com

  • Lucas macedo

    O Brasil soube aproveitar a fragilidade da defesa espanhola que sem o puyol nao e a maior maravilha do mundo. O Arbeloa e fraco e o Alba extremamente ofensivo. O Busquet tem um bom passe porem e burocratico. Quando xavi e iniesta sao bem marcados o time espanhol nao consegue evoluir tao bem visto q nao tem o Messi que dribla 3 e quebra a defesa desequilibrando. A verdade q a italia mostrou o caminho e o Brasil utilizou esse atalho para vencer a multi-campeao espanha.

MaisRecentes

Goleiro são-paulino



Continue Lendo

Protestos à vista



Continue Lendo

Ajustes no São Paulo



Continue Lendo