Barcos em queda?



Quando chegou ao Grêmio, em fevereiro, Barcos tinha o status de ídolo e era nele que o marketing do Grêmio apostava boa parte de suas fichas. A camisa de número 28 logo começou a disparar nas vendas e a ideia era usar o argentino em outras campanhas de divulgação do clube gaúcho, especialmente as ligadas à Libertadores.

Com a eliminação precoce primeiro no Estadual e em seguida no torneio sul-americano, além das atuações de Barcos consideradas abaixo do esperado, o marketing tendo por tema o pirata ficou um pouco pra trás. Tanto que o próprio jogador, com a saída de Marcelo Moreno para o Flamengo, recebeu outra camisa, a de número 9, deixando a 28 de lado.

Depois de um início  promissor nas vendas, o atacante sofre forte concorrência de Vargas e Zé Roberto, cujas camisetas têm tido até maior demanda.

Se no marketing Barcos já não faz tanto sucesso não é apenas pela expectativa parcialmente frustrada até aqui, mas pela fase do time como um todo. É verdade que amanhã, diante do São Paulo, tem a chance de conseguir três pontinhos, terminando melhor a etapa do Brasileirão antes da pausa para a Copa das Confederações, mas segue oscilando muito, sem convencer seu torcedor.

Com vitória ou não contra o São Paulo _acho que o Grêmio entra como favorito no jogo_, a diretoria quer aproveitar õ intervalo no Brasileiro para fazer uma avaliação da equipe em geral e do trabalho de Vanderlei Luxemburgo em particular. Luxemburgo, diga-se de passagem, que antes de assinar por dois anos com o clube era o queridinho da torcida. Ao final do primeiro semestre, não é mais.

Em relação a Barcos, considero-o um bom jogador, embora longe do craque que ele pensa que é. Bem fez o Palmeiras em aceitar sua saída, já que não adiantava tentar segurar um atleta descontente e que claramente não queria disputar a Série B.



  • heusner

    Em se tratando de negócio, o Palmeiras entregou quase de graça um jogador que valia, naquela fase de boas atuações, pelo menos uns R$ 30 mi. E quanto às exigências dele,
    será que no fundo não havia o descontentamento por não receber salários?

    • janca

      Pelo que ele dizia não era apenas a questão salarial. Ele queria exposição para ser convocado para a seleção argentina e achava que na Série B não teria a visibilidade necessária. Deixou claro que queria sair ainda em 2012, quando a queda foi se consolidando. E o Palmeiras não podia ficar com um jogador insatisfeito e ainda assim com dificuldades pra quitar seu salário.

    • vitor

      30 MI DA ONDE se nao sabe faze conta mesmo.

    • eduardo

      Heusner, é quase impossível alguém pagar R$ 30 milhões em um jogador com essa idade.

    • Murillo

      30 milhões ? kkkkkkkkkkkkkkk vc é louco!

    • Policastro

      Pare de sonhar, acho que você é o irmão dele, como 30 milhões? Não vale nem a metade disso,o Palmeiras é muito maior do que esse cara, veja onde ele está, logo vai para o banco.

    • geraldo santos

      Caro Heusner , se ele valia 30 milhões por que ninguém bancou e contratou ?? Pq não valia , alguns jogadores pegam uma boa fase e já se acham a ultima coca cola do deserto , não vale , não valia e nem valerá , jogador médio , nada mais !! se fosse bom jogaria na Europa e não em times do segundo escalão da América do Sul , no Palmeiras que é grande , teve projeção , deu o que tinha , Abs.

  • RAFAEL OTAVIO SERRA

    O NEGOCIO DESTE TRAÍRA É GRANA , SE ELE TEVE ALGUMA VISIBILIDADE , FOI NO PALMEIRAS , SUA TRAJETÓRIA JÁ ACABOU , PERDEU VISIBILIDADE , PALMEIRAS É PALMEIRAS EM QUALQUER SÉRIE , EM QUALQUER LUGAR NO MUNDO DA BOLA , VEJA O CASO DO GAROTO LEANDRO , UM MES NO PALMEIRAS E JÁ FOI CONVOCADO PRA SELEÇÃO , PRECISA DIZER MAIS ALGUMA COISA

    • janca

      Também acho que, se formos pensar bem, em termos de visibilidade teve muito mais no Palmeiras do que está tendo no Grêmio. De certa forma acho que ele cuspiu no prato que comeu, como costumam dizer po aí.

      • Mario

        tenho duvidas se ele realmente cuspiu no prato ou fugiu da bagunça dos cartolas palmeirenses .

        • janca

          Mas o Palmeiras mudou a gestão. A nova pelo menos parece estar preocupada em equilibrar as finanças. O que já é um começo.

          • Ces@r

            Tbm acho….Junte-se um mercenario a um clube que nao honra seus compromissos, tinha q acabar assim…..

          • Marcos Benites

            Ces@r,
            Olha, não é que não honra, que é algo bem diferente, não honrar é que mesmo que você tenha dinheiro, mesmo assim não paga, isso é não honrar.
            No caso do Palmeiras é diferente, ele quer pagar, mas não tem como, pq não tem dinheiro.
            E acho que fez bem em ter mandado esse cara embora, já que ele iria fazer de tudo para não jogar na série B e com certeza não teria uma oferta melhor do que essa.
            Agora ele está vivendo a praga que a torcida jogou nele, e parece que pega, pois veja o exemplo do Keirrison, que sumiu depois de ter forçado a saída do Palmeiras para ir para o Barcelon.

  • Josué

    Olá, temos alguns “pofexores” que vivem de glórias passadas, não evoluiram, estão defasados, o Luxa, Felipão, Muricy…. ficaram para traz, assisti o programa em que o Autuori era entrevistado… fiquei impressionado… positivamente, com a visão tática dele…. voltando aos MEDALHÕES pelo que estou vendo muito em breve estarão treinando equipes secundárias ou se aposentarão….

    • janca

      Mas até aí o Autuori tampouco deu um mínimo padrão de jogo ao Vasco. Por mais que o time seja limitado espera-se que um bom técnico consiga fazer trabalhos interessantes não apenas quando tenham grandes talentos em mãos. O que Luxemburgo, aliás, tem e até por conta disso decepciona em 2013, Josué.

      • Josué

        Estou de pleno acordo contigo, porém no caso específico do Vasco, já esta dando certo, muito lento, a passos de tartaruga em camera lenta é verdade mas isso se dá por que o clube não tem grana e e elenco AINDA não tem plena confiança…. pode apostar, Janca, futuramente ainda falaremos deste assunto….

        • janca

          Futuramente ainda falaremos desse assunto, Josué. Pode me cobrar. E é bem possível que você esteja certo. Mas aguardemos… Abs.

          • t.

            desculpe me meter na conversa, mas não entra aí também o nível educacional dos jogadores? porque até inteligência do jogo em si, os jogadores brasileiros parecem ter cada vez menos. então, de nada adianta o técnico falar, explicar, usar de uma linguagem simples etc.

  • Mario

    claro q a falta de vitorias e bons jogo atrapalha qualquer projeto de marketing , mas p/mim o marketing esportivo no Brasil ainda esta na idade da pedra lascada.

    sobre o Barcos concordo q é só um bom jogador , mas o apelo do pirata poderia ser melhor aproveitado p/gerar dinheiro.

    o Luxa faz um pessimo e caro trabalho no Gremio e nem essa parada da copa das confederações vai mudar as coisas , ali a unica alternativa seria uma troca de tecnico.

    • janca

      Não acho que seja um péssimo trabalho, mas esperava muito mais do Luxemburgo neste início de ano. E o trabalho é caríssimo mesmo, inclusive pelos jogadores que o Grêmio tem.

      • Edemilson

        O Luxa não está conseguindo fazer o Grêmio jogar! Neste caso, lamentavelmente precisa de um técnico de pulso firme para fazer o Grêmio decolar. Jogadores para isso tem! Abraços

  • Cleibsom Carlos

    Os jogadores deveriam ser avaliados por um período maior de tempo…Ganso, Barcos e Montillo jogaram bem 1 semestre, se tanto, e logo foram alçados a posição de craques. Dos 3 o Ganso é o melhor, mas ele é apenas um bom jogador. Quanto a Barcos e Montillo, são jogadores de médio para baixo. O fato dos dois terem sidos convocados para a seleção Argentina só pode ser encarado como piada de mau gosto. Reclamamos tanto do Hulk aqui, imagina o que os hermanos tem que aturar com estes pernetas!

    • janca

      Não considero Barcos e Montillo de médio para baixo, Cleibsom. Acho o Barcos de médio para cima. Ou um bom jogador, digamos assim. Mas craque não. E o Ganso apareceu muito bem no Santos em 2010, mas faz tempo que está devendo. Tanto que foi cortado da seleção pelo Mano Menezees, saiu brigado com o Santos e no São Paulo apresentou bem pouco até aqui. E já faz mais de um semestre que está no time do Morumbi.

      • Cleibsom Carlos

        Janca, acho que o Barcos não passa de um Finazzi hermano…Os dois são até parecidos fisicamente.

        • janca

          Mas o Barcos é melhor.

          • janca

            Menos, Cleibsom, menos _rs.

  • Andre Luiz

    Sem querer descobrimos que o Janca é um grande palmeirense daqueles que guardam rancor de jogador e que ficam atentos a qualquer deslize para lembrar que se estivesse no seu time de coração remando em uma série B, salários atrasados e um time ridículo ao seu lado seria a melhor escolha. Ninguém lembra que Barcos saiu do Palmeiras e realmente anda sumido no Gremio, apenas os Palmeirenses guardam isso na memória.

    • janca

      Apenas os palmeirenses? E os gremistas? E quem gosta de futebol?

  • francotimao

    Ola, João, realmente tivemos no episódio Barcos uma clara e consistente prova de que jogador consegue ser melhor em uma equipe do q em outra, no palmeiras o cara conseguiu até ser ídolo em contrapartida no Grêmio q teoricamente tem um elenco “melhor” ( mas na pratica não se esta vendo) ele sumiu, se apequenou, não sabemos quais as razões pra ocorrência deste fato uma vez q não vivemos o dia-dia do clube, mas é notório q o futebol dele não esta emplacando ou entrosando…qto ao Luxa é outra prova viva de q bons jogadores não garantem um time forte e competitivo, é necessário tempo e mudanças pontuais na tática ou msm de atleta, continuo achando o Luxa um ótimo técnico, mas como técnico necessita de tempo pra conseguir encaixar as peças, o problema são a torcida e a diretoria terem paciência pra esperar, pois além da pressão natural o custo do elenco e do técnico são muito altos…Abs!!!!!!

  • Ton

    Olá Janca. Realmente não dá pra entender o que passa na cabeça de certos atletas, acredito que o Barcos estava bem melhor no Palmeiras, onde ele era considerado o principal jogador, parece que os atletas se esquecem de uma coisa chamada “adaptação”. Nem todos os lugares vão proporcionar a mesma condição para um determinado profissional se adaptar e ter o mesmo rendimento. Além desse caso do Barcos, tem o caso do Martinez, ex- Corinthians, saiu alegando que sendo reserva, não teria chances na seleção argentina, foi para o Boca, continua reserva e nem aparece nas listas dos convocados do técnico Alejandro Sabella, para mim tanto Barcos como Martinez fizeram uma tremenda cagada!

    • janca

      Como jogador também acho que o Barcos vinha se destacando mais no Palmeiras, mas agora pelo menos está recebendo, ao que tudo indica, em dia. E isso também deve ser levado em conta.

  • manolo

    CHUPA BARCOS TRAÍRA…ISSO É PRAGA DE PALMEIRENSE…

  • manolo

    CHUPA BARCOS TRAÍRA…ISSO É PRAGA DE PALMEIRENSE…kkk

  • lupuz

    Será outro K9(cadê o malaquias ?), praga verde faz os mercenarios pagarem os ”pecados”’.KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

  • jonas

    Acho que em queda,não mas corpo mole para uma possível demissão do Vanderlei acho que o time inteiro esta nesse barco.

  • uma coisa é certa, o BARCOS só ficou conhecido mundialmente e chegou até a seleção de seu pais, a seleção argentina, graças ao PALMEIRAS….. foi pra time pequeno, vai acabar no ostracismo….. de um argentino desconhecido no futebol equatoriano, para um jogador cobiçado e de seleção na SOCIEDADE ESPORTIVA PALMEIRAS….. contra fatos não há argumentos….. É FIM DE FEIRA….. QUE FIQUE POR AI, PIRATA PARAGUAIO, OU MELHOR PIRATA ARGENTINO, NO FIM E´TUDO FALSIFICADO, MESMO

  • Vaz

    Apenas uma correção: não é o craque que ele pensa que é, eu diria não é o craque que pensavam que ele era.
    Janca muita gente vem jogando confetes em vários e vários jogadores rotulando os caras como craque, prefiro ainda e sou deste tempo que a palavra craque só era utilizada depois de muitos quilometros rodados pelo atleta inclusive com mudanças de técnico (não tão díficil assim hoje em dia) bem como de companheiros e esquemas táticos além até de mudança de equipe e participação em seleções.
    Atualmente o cara surge em um time, encaixa-se bem dentro de uma filosofia de trabalho e esquema de jogo mas quando sai deste universo, nunca mais repete as grandes atuações.
    Penso ser a hora de menos euforia e mais realismo. Deixe-mos as expresões, craque, gênio, e comparações com objetos de valor como pérolas, diamentes e outras jóias ou mesmo em expresões para explicar a grande capacidade de jogar do atleta para o futuro quando realmente comprovarmos que o cara é bom. Por enquanto, menos, menos.

    • janca

      É… Talvez tenham banalizado o uso do termo “craque” mesmo, Vaz. Como você bem disse, “menos, menos”.

      • Cleibsom Carlos

        É verdade…Estou de saco cheio de ouvir o Neto falar que qualquer cabeça de bagre é um BAAAAIIIITTTÁÁÁÁÁÁ jogador!!!!!!!!! ( rs )

  • Marcão Mengão

    O Barcos tem que jogar no time que o faria realmente virar um grande craque: o Mengão! Com a raça e disposição que o cara apresenta e a força de nossa torcida, a Maior e Melhor do Mundo, não ia ter erro! Moreno e Barcos no ataque ia fazer a zagueirada por aí tremer!!!

MaisRecentes

Saída de Lucas Lima



Continue Lendo

Dorival bombardeado



Continue Lendo

A grana de Nuzman



Continue Lendo