Restam dois



Depois de São Paulo, Palmeiras e Corinthians chegou a vez do Grêmio. Derrotado pelo Santa Fé, por 1 a 0, foi eliminado da Libertadores. Não jogou bem no Sul, apesar da vitória por 2 a 1, e entrou para segurar o 0 a 0 fora de casa. Estratégia arriscada e que, no final, acabou não dando certo.

Para piorar, Barcos saiu de campo, substituído nos últimos minutos, reclamando da alteração. O atacante argentino pelo jeito continua achando que é um craque, quando não passa de um bom jogador.

Não quis ficar no Palmeiras, recusando-se a disputar a Série B, mas em Porto Alegre não está aquela coisa, não.

E Vanderlei Luxemburgo que se cuide. As cornetas contra ele já não eram poucas e agora devem aumentar. Perdeu o Gaúcho, com o Inter ganhando os dois turnos, e foi mal na Libertadores. Teve problemas na fase de grupos e agora parou nas oitavas de final.

Dos seis representantes brasileiros sobraram dois: Galo e Fluminense. Quartas de final melancólicas para quem esperava mais do nosso futebol. E dos dois apenas um tem jogado muita bola: o Atlético-MG, porque neste ano o Flu, apesar da classificação, até aqui tem deixado a desejar.



  • Ton

    Galo e Flu que fiquem espertos com a arbitragem no seus jogos. Ridículo o Elano tomando chuva de moeda na cobrança de escanteio e ainda dizendo na entrevista ” bem vindo a Libertadores, isso é normal”. É normal porque ninguém faz nada para mudar. Tomara que nenhum clube Brasileiro ganhe mais essa competição, até que os clubes aprendam a se unir e boicotar essa competição de várzea até que as coisas mudem. Não vou ser hipócrita de falar que não torço para os rivais do meu time perderem, torço sim, mas torço para perderem na bola e não no apito! É muito tristes ver pessoas mais interessadas na eliminação de seus rivais do que em combater o jogo sujo, o vandalismo e a péssima arbitragem.

    • janca

      Concordo sobre o discurso equivocado, digamos assim, de alguns jogadores considerando “normal” algo que não pode ser visto assim. Caso de Elano e de Zé Roberto ontem. Mas o Grêmio não perdeu por conta da arbitragem. Perdeu para seus próprios erros e que não se restringiram ao jogo de ontem, Ton.

      • Mario

        mas é normal , a libertadores é varzea , mas no Br tambem é quase varzea outro dia teve chuva de cachirolas no Bahia e Vitoria , chuva de moedas no Ganso , erros bizarros de arbitragem , anormal é quando não acontecem essas coisas.

  • Mario

    normal , afinal o futebol é um dos poucos esportes q o mais fraco tem chances de vencer o mais forte , principalmente qnd o mais forte é incompetente.
    sobre o Gremio a verdade é q o Luxa ganha muito e o trabalho é ruim logo vai ser despedido com justiça .

  • César

    Janca,

    Acho que dos favoritos só o Corinthians não passou, pois o Grêmio não tinha a confiança nem da imprensa gaúcha, o São Paulo teve sua pior campanha de primeira fase,(além de pegar o Atlético no primeiro mata-mata) e o Palmeiras estava com um pé na Libertadores e outro na série-b.

    Eu era contra esse discurso sobre boicotar a Libertadores, até porquê é o torneio com maior visibilidade para os times brasileiros no mundo, mas está difícil: de um lado o nosso futebol melhora a passos de tartaruga, mas é inegável que existem melhoras. Já a Libertadores anda cada dia mais para trás. Cada jogo é uma polemica vergonhosa, coisa que põe em duvida se você deve jogar futebol ou ser um animal dentro de campo e nas arquibancadas, afinal, ganha quem bate mais, quem xinga mais e quem muitas vezes joga menos futebol.

    Creio eu que se não houver alguém na CBF que tome partido e reivindique melhorias na organização, segurança e melhorias no torneio a vaca vai pro brejo de vez: já pensou se o brasileiro começar a jogar pedra, moedas, bananas, cusparadas em adversários em TODOS os jogos de liberadores que aqui forem mandados ? Uma laranja podre contamina o saco, um saco de laranja podre para contaminar duas ou três é mais fácil ainda, veja o pensamento do Elano de quem já se acostumou, comodismo gera um revide igual e a Libertadores caminha para trás.

    • janca

      Mesmo assim eu considerava o Grêmio favorito contra o Santa Fé. E imaginava que mais do que dois brasileiros restariam nas quartas de final. E não acho que a Libertadores tenha andado para trás a cada dia, César. Acho que ganhou força nos últimos anos _vide a festa que fez o Corinthians no ano passado_, cada vez mais os brasileiros, a TV, a mídia e os patrocinadores ficam de olho no torneio, que tem uma série de falhas, claro, só que a tendência é que comecem a corrigi-las. Mesmo que lentamente.

      • César

        Janca,

        Sim, o Grêmio seria favorito contra o Santa Fé, mas favorito ao titulo eu acho que não. O Corinthians passaria pelo Boca, se não fosse o senhor Amarilla, mas enfim, águas passadas.

        Eu entendo que o nosso futebol está evoluindo e, por gostar da competição, nós brasileiros, fazemos festa, damos audiência, geramos mais patrocínio e isso faz a libertadores crescer.

        Mas ao mesmo tempo fica nítido que essa evolução não acontece por parte da organização.

        • janca

          Não gosto muito de falar em “se”, porque não deixa de ser especulação, César. Mas de fato o Corinthians poderia ter passado pelo Boca não fossem os erros de arbitragem. E pelo que vinha jogando o Grêmio não estava com futebol para ganhar a Libertadores. Foi uma decepção. Apenas esperava que passasse pelo Santa Fé. Não passou e tem que repensar o futuro.

  • francotimao

    Ola, João, Sem clubismos, acho q s. paulo, palmeiras e grêmio saíram por sua “própria conta”, ou seja se houveram erros de arbitragem em seus jogos, esses não poderiam ser considerados como decisivos ( salvo melhor juízo), mas o timão não saiu da libertadores e sim “saíram” com ele, pelo meus conhecimentos de historia e estatística da libertadores, nunca dantes na história da msm um arbitro teve um apito tão perfeito e empolgante a favor do Boca e da CONMEBOL, o q não seria difícil de se conseguir se considerarmos q o adversário do timão, o Boca é um time em qualquer circunstancia difícil de ser batido, acredito fosse qualquer outro adversário menos qualificado (em libertadores) a despeito das “bizarrices” do arbitro (me nego a proferir o nome dele) teríamos passado, mas passado é passado, o futuro nos espera…ABS!!!!!!!!!Bom Fim-de-Semana!!!!!!!!!!!

    • janca

      Bom final de semana pra você também, Francotimão. E aguardemos a final de domingo. Abs.

  • t.

    quando o cruzeiro era dirigido pelo cuca, o barça das américas, alguns assim se referiam, os brasileiros em massa foram eliminados da libertadores. o mesmo aconteceu nesta semana.

    pra muitos, isso não passa de coincidência; para mim, no entanto, é forte indício de como tem andado nossos clubes, nossa organização, nosso paradigma futebolístico etc., em suma, o futebol brasileiro e o que está sendo feito dele, do gandula ao presidente da cbf.

MaisRecentes

Apoio a Jô



Continue Lendo

Os preços da Seleção



Continue Lendo

O título do Timão



Continue Lendo