A lógica no Paulistão



Deu a lógica no Paulistão, com Santos, Mogi Mirim, Corinthians e São Paulo avançando às semifinais. Agora, no entanto, a história pode ser outra, pois a lógica é…

Se me perguntarem, vejo ligeiro favoritismo de Santos e Corinthians para avançarem às finais.

O Santos, apesar de jogar fora de casa contra o Mogi, tem mais time, tradição e chances de avançar à decisão. Mas o Mogi se mostrou uma equipe entrosadíssima na primeira fase e arrasou o Botafogo nas quartas, enfiando 6 a 0 no time de Ribeirão. Pode complicar, embora eu ainda acredite que o Santos entre com mais chances na partida.

Já São Paulo e Corinthians têm tudo para fazer um grande jogo. O São Paulo terá a vantagem de jogar com apoio de sua torcida, mas a reação da galera dependerá muito do que acontecer quinta, pela Libertadores, na partida contra o Galo. Que tende a ser dificílima, aliás. O Corinthians pega o Boca, um dia antes, e tem de controlar a soberba, como bem colocou Tite. Tem uma equipe mais entrosada, um elenco mais ajustado, mais opções ofensivas e, pelo menos em tese, pode passar à final, com a vantagem de folgar na semana seguinte, enquanto o São Paulo, já na quarta, terá novamente o Galo pela frente.

Se fosse apostar, iria de Corinthians x Santos na decisão, embora não ficaria nada surpreso de São Paulo e Mogi avançassem para a final. Mas o São Paulo tem que apresentar mais bola e força de vontade do que ontem diante do Penapolense… Contra o Corinthians, que massacrou a Ponte em Campinas, a tendência é essa.

E por falar em Ponte, de que adiantou a campanha na primeira fase? Em um jogo, acabou engolida e eliminada do Paulistão. Também com esse regulamento, dizer o quê?

Pior é em Minas ou no Rio, onde Galo e Cruzeiro e Botafogo e Fluminense atropelaram seus adversários no final de semana. A disparidade entre grandes e pequenos está cada vez maior, o que tira um pouco da graça das competições estaduais. Que devem ser repensadas, como venho insistindo há tempos. Boa semana a todos, João



MaisRecentes

Seleção no divã



Continue Lendo

Seleção magoada



Continue Lendo

O emocional, de novo



Continue Lendo