A Copa e a política



Em vez de ser tratada com seriedade, a Copa do Mundo segue conduzida na base do improviso no Brasil. Uma das áreas estratégicas para o Mundial, a Aviação Civil, foi entregue sábado a Moreira Franco, que ocupava a pasta de Assuntos Estratégicos, com a única finalidade de contentar o PMDB, aliado da presidente Dilma Rousseff para as eleições de 2014. Moreira Franco está longe de ser especialista na área, mas isso, para o governo, é o que menos importa. Acabou dispensado Wagner Bittencourt, o técnico que comandava a Aviação Civil e tentava colocar a casa em ordem. Mas como não tinha filiação partidária…

Também por interesses políticos, a Secretaria de Assuntos Estratégicos chegou a ser oferecida ao PSD, do ex-prefeito Gilberto Kassab, que recusou, fazendo jogo duro para entrar na base aliada e tentando aumentar o poder de barganha de seu partido.

Já a bancada do PR, que perdeu o Ministério dos Transportes depois das denúncias de corrupção que derrubaram Alfredo Nascimento, quer a saída do atual ministro, Paulo Sérgio Passos. De Dilma acaba de receber a oferta para controlar o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) e a Valec, estatal que cuida das ferrovias. Não por ter quadros capacitados para o setor, mas com vistas às alianças de 2014.

Mesmo o Esporte, nas mãos de Aldo Rebelo, longe de ser especialista na área, é uma pasta loteada há tempos pelo PCdoB. Também por interesses estritamente políticos. Antes de Rebelo, que trabalhava na reforma do Código Florestal Brasileiro, foi ocupada por Agnelo Queiroz, então representante do partido comunista, e Orlando Silva. O último, também representante do PCdoB, só deixou o ministério devido a denúncias de corrupção. Mas o partido continuou comandando o Esporte…

Com 39 ministérios e o fisiologismo imperando, as obras necessárias para a Copa seguem atrasadas e a oportunidade que o país ganhou em 2007 de receber o Mundial e usá-lo para melhorar uma série de setores, entre os quais o de mobilidade urbana, vai sendo jogada no lixo.

Um entre vários exemplos é o caso da Arena Pantanal, que teve o consórcio responsável pela obra desmontado e não sabemos quando ficará pronta. O governo diz que em outubro, a Fifa acha que não. O prazo, acreditem ou não, era dezembro do ano passado…

Sem falar que o que será feito de boa parte das arenas depois do Mundial até hoje é desconhecido, pois não há nenhum estudo sério sobre o pós-Copa. Se não houve para o pré, haveria para o pós? E depois vão reclamar se sobrar um elefante branco aqui, outro acolá…



  • Vaz

    O pior esta por vir. Até o final de 2014 o assunto será: pré-Copa e a discução sobre a porta que já foi arrombada e a fiscalização que não fizemos, durante a Copa o oba oba e o pós-Copa com as denúncias e declarações de inocência e acusações de perseguição política dos gatunos, para completar, temos eleição Presidêncial/Estadual.
    Vão descobrir em Janeiro de 2015 que faltará 1 ano e meio para a Olímpiada e novamente os sócios do alheio e as “construtoras/consultoras” amigas dos amigos ou seja, as mesmas, estão deitando e rolando a meses sem qualquer atenção do brasileiro. É a volta do pesadelo das obras atrasadas, superfaturamentos e recursos de emergência. Estamos falando de orçamento fantasioso de 15 BI que na prática se sabe é de 30 BI sem contar os desvios que vão fazer o dinheiro gasto na Copa parecer trocado de pinga. Enquanto isso tome discução sobre a polêmica do Autódromo e o Campo de Golfe em área de preservação (que de preservada não tem nada, já virou o areião faz tempo). São as versões Museu do índio/escola pública/pista de atletismo das Olímpiadas. Só servem para desviar a atenção.
    Dirão na ocasião que é inveja dos outros estados, bairrismos e outras bobagens depois vem a vergonha e a conta absurda que pagaremos todos nós brasileiros.

    • janca

      O exemplo do Pan está aí. Era pra não ser repetido, mas lamentavelmente a história está sendo parecida. O orçamento do Pan acabou multiplicado por dez, o legado, reduzido a quase zero.

    • alessandro

      O PIOR E QUE NAO VAZ,NO CASO DA OLIMPIADA O CRONOGRAMA ESTA SEGUINDO DENTRO DOS PRAZOS,OUTRO DIA UM REPRESENTANTE DO COMITE ATE ELOGIOU!!!!
      O QUE TA COMPLICADO E A COPA COM SEUS INUMEROS FUROS E ATRASOS.

  • Tri mundial doom

    O Brasil É o país do jeitinho, deram um jeito de recebera copa, deram um jeito de fazer os estadios mais ou menos cheios de problemas, só nao dao jeito no resultado, dar umjeito e fazer festa é uma coisa, dar jeito na coonta depois é outra…

    Mas tem muita coisa que dá pra fazer, só. que a maioria fora do futebol, o que vai danificar campo se for feito repetidamente e vai custar mais dinheiro publico…

    • janca

      Até acho que os estádios ficarão ok, Tri Mundial, mas a Copa poderia ser a catalisadora de outras coisas mais, como melhora na infraestrutura, nos aeroportos, no sistema de transporte urbano, no turismo, na capacitação de pessoal… E pouco foi feito neste sentido. Muito pouco, aliás. Fora que nem a forma como parte dos estádios será mantida depois foi discutida, o que é uma lástima. A chance de elefantes brancos é grande.

    • Oscar de Melo

      Tri mundial? É torcedor da Alemanha?

  • sandrofla

    Quando se pensa em um evento esportivo como este vem a imagem do legado que este deixará posteriormente à populção.
    Aqui em nosso país desde a bagunça que foi o Pan não consigo enxergar mais essa perspectiva, enxergo o legado que deixará para a construtora “a” ou “b” e seus padrinhos políticos.
    Uma realidade dura, triste!

    • janca

      Talvez haja algum legado para as empreiteiras, de fato não sei dizer, porque depois da bagunça do Pan poderiam ter feito tudo diferente. E parece que estão indo pelo mesmo caminho.

  • francotimao

    Ola, Janca, Não poderemos dizer nos surpreende tal estado de coisas referentes a copa do mundo, haja vista q os históricos brasileiros de corrupção e incompetência sempre imperou notadamente no meio politico e esportivo e, mais uma vez diante dos absurdos q presenciamos só nos resta lamentar…Abs!!!!!!!!

    • janca

      E o pior é que tivemos mais de cinco anos para nos preparar, a coisa, como muitos já esperavam, ficou pra última hora. Pouco mais de um ano para o início do Mundial, menos de três meses para a Copa das Confederações… Abs.

  • Edson – Santo André

    Olá Janca!

    O que mais me chama a atenção é ver poucas pessoas como você e poucas “pessoas comuns” não estão denunciando, reclamando e se organizando contra este “estupro” de nosso dinheiro público. Muitos, ao invés disso, preferem fazer criticar totalmente descabidas a lutar contra esse verdadeiro absurdo que é a “organização” para a Copa.

    O Povo Brasileiro pelo jeito só serve como massa de manobra mesmo, se alienando e fechando os olhos para o que interessa.

    Abs

    • janca

      E se a seleção ganhar a Copa, o que não parece muito fácil, talvez tudo termine em festa e caiam no esquecimento as mazelas da (des)organização do Mundial. Abs. e boa quarta pra você, Janca

      • Edson – Santo André

        Obrigado Janca!

        Parabens e continue sendo este ótimo profissional, independente, e que não esconde nem mascara as mazelas do nosso futebol como infelizmente muitos jornalistas chapa-branca fazem.

        Edson – Santo André

        • janca

          Valeu pelas palavras, Edson. Abs.

      • Rodrigo

        O pior é que se não ganhar vão ficar procurando o Felipe Mello da vez e periga dar na mesma.

  • Luis Figueredo

    Olá Janca,

    Concordo pnlenamente com a necessidade da reforma política no Brasil. Contudo, temos que ter calma na hora de criticar. A reforma política é essencial para o futuro do país, mas a governabilidade é mais essencial para o presente. Infelizmente, na estrutura política atual, o governo (independente de partido) deve abrir mão de cargos para poder governar direito (até votar o orçamento é díficil por conta da oposição as vezes).

    Agora, não podemos ser hipocritas às avessas ou alienados (como o Edson – Santo André imagina que todos são, com excessão dele, é claro). Vamos ter elefantes brancos no Brasil sim. Nem todas obras de mobilidade e bem estar urbano estarão prontas. OK. Temos que reclamar, e buscar soluções. Agora, ficar falando que é só no Brasil é apenas uma mentira, e se espelhar em outros países é apenas se iludir.

    TODOS os países que sediarào copa ou olimpíadas tiveram elefantes brancos. Atlanta-US é uma cidade sem nenhum legado das olímpiadas (apesar dos gastos astronomicos). A Inglaterra mais recente: Gastos para olímpiada em torno de 30 bilhões de libras (quando a estimativa era de 3 apenas). Wembley é o maior elefante branco do mundo! Um dos estadios mais caros do mundo usado 3x no ano!

    • janca

      Claro que não é só no Brasil que isso acontece, Luís, concordo com você, mas não é porque se erra lá fora, pra não usar outro termo, que temos de errar por aqui também. Que o Pan servisse de exemplo a não ser seguido. E governabilidade é uma coisa, politicagem, outra. Não é só o governo federal que faz esse jogo, não se trata de PT ou PSDB, ambos partidos bem semelhantes, a meu ver, governos estaduais e municipais também aderem à distribuição de cargos por interesses políticos e partidários, mas algo tem de ser feito. Uma reforma no sistema político, por exemplo. Se bem que não há interesse na Câmara, nem no Senado. De alguma forma a sociedade civil tem de protestar. E tem esse direito.

    • janca

      E o Pan do Rio não ficou três vezes mais caro. Ficou dez vezes mais caro. E o legado foi mínimo.

  • Ton

    Ontem vi uma reportagem no Jornal Nacional sobre a Arena Cuiabá e de 24 obras (incluindo a Arena) 21 estão atrasadas. Lamentável!

    E o trabalho do Aldo Rebelo é péssimo! O que ele entende de esportes? Ele nem é do meio….

    • janca

      Lamentável mesmo, Ton.

  • Vaz

    Concordo que o Rebelo é um zero a esquerda Ton e não querendo tirar a responsabilidade dele mas o responsável maior neste caso são a Prefeitura e Governo do Estado. São eles que elencaram as necessidades para evento, brigaram por ele, obtiveram recursos (e aí totalmente público) e para variar não conseguem ou não se interessam (o mais provável) em gerenciar o contratado. São eles que tem a obrigação de auditar a obra mas é evidente a discrepância entre o percentual de conclusão do estádio informado ao comitê organizador (só para ficar no exemplo) 60 e tantos porcento e o auditado por entidade independente e que não passa de 45%. É mentira e empulhação clara mas em vez de cobrados , a maioria da população prefere tomar o fato como ofensa pessoal ao glorioso estado X e passa a xingar aqueles que apontam as contradições , que entre outros estados, também estão com problemas, que é campanha contra e etc.. É assim de Norte a Sul do Brasil. Depois estranham como estes caras conseguem se reeleger.

    • Ton

      Aí é bem mais complicado Vaz…..Se eu fosse o Governador ou o Prefeito eu também iria brigar para que São Paulo fosse escolhida como sede de abertura ou pelos menos uma das sedes do evento. Acredito que seria vergonhoso para a maior cidade do páis ficar fora de um evento como esse. O Problema (aí eu concordo) não é o “que se faz” e sim “como se faz”, já que no nosso país se arrecada muito e se gasta mal também. O Estádio do Murumbi poderia ter sido escolhido, já que seria reformado e não construído do zero como a Arena de Itaquera, os valores poderiam ser menores, porém não é uma questão de cotação e sim um questão de interesses políticos. Entendo que não cabe mais a nós cidadãos, argumentar que “um país como o Brasil não deveria sediar uma copa do mundo” como muita gente ainda diz. Enfim, está definido! A Copa será aqui e nós por questão de cidadania temos que fazer nossa parte e colaborar para o sucesso do evento. Eu serei voluntário na Copa das Confederações e Copa do Mundo, farei minha parte porque bem ou mal, é a nossa imagem que está em jogo lá fora. Abs.

      • Oscar de Melo

        Morumbí ficaria em 630 milhões suas reformas,e mesmo assim não atenderia as exigências da FIFA,essa,rejeitou o velho e ultrapassado estádio,o que exime o governo de culpa na choradeira sãopaulina sobre a escolha do estádio.Em relação à verda do BNDES,também estava disponível ao Morumbí,que os cartolas do clube tentaram,e não obtiveram êxito,mas não por culpa do governo como prega a choradeira,mas sim pela falta de interesse de uma construtora de arcar com as garantias junto ao banco,regra essa,que vale pra todos,e que é justamente onde o estádio do Coríthians tem tido problemas na liberação do empréstimo,por conta da resistência da empreiteira em cumprir o acordo inicial.Portanto,a questão que prevalece na discução sobre a copa,é nitidamente clubística,principalmente para os torcedores rivais,que não admitem as escolhas feitas FIFA,e que apartir dessas escolhas,a copa,que até então era uma conquista para o país,passou a ser o evento mais odiado da história,e a torcida pelo fracasso espõe mais um velho hábito do torcedor,não só do Brasil,mas do mundo todo:a hipocrisia

  • alessandro

    BOA TARDE JANCA,QUERO VER SE CONTINUAR O IMBROGLIO QUANTO A LIBERAÇAO DO EMPRESTIMO DO BNDES PARA A ARENA DE ITAQUERA E O CORINTHIANS RETIRAR A ARENA DA COPA E RETORNAR AO PROJETO ORIGINAL.
    SERIA QUASE UM APOCALIPSE DA COPA,A IMAGEM DO BRASIL SERIA DESTRUIDA LA FORA!!!E SINCERAMENTE EU IRIA ADORAR QUE O CORINTHIANS FIZESSE ISSO SERIA UMA TREMENDA LIÇAO NESSES POLITICOS SAFADOS QUE SO TEM O INTERESSE EM AGREGAR SUA IMAGEM A DA COPA VISANDO FUTURAS ELEIÇOES E LOGICO FATURAR COM COMISSOES DEBAIXO DOWS PANOS!!!!

    • radamantys

      Rs… podia fazer isso mesmo dai veríamos onde o curinga iria conseguir dinheiro pra pagar o que ja foi feito (com dinheiro emprestado) e pra pagar o que ainda tem que ser feito (com dinheiro que terá q pegar emprestado). O curinga faz parte dessa bandidagem como qualquer um ai nesse meio. A Abertura da copa deveria ser feita no Mineirão, e Itaquera seria se ficar pronto com dinheiro do curinga com alguma partida, e assim não gastar mais dinheiro do povo.

  • Ateobaldo Castanheira

    Ja’ sai’ dai’ faz tempo….uma pena mesmo.

  • Edson – Santo André

    Caro Luis Figueiredo,

    Acho que você não entendeu o que disse. A alienação de nosso povo é evidente. É so olharmos ao nosso redor: Grande parte das pessoas (maioria mesmo) briga, se ofende e até chegam as vias de fato por conta de motivos irrelevantes como times de futebol, relegião, política e assim por diante. Aqui no próprio blog do Janca podemos ver isso por parte de muitas pessoas que deixam o bom senso de lado e agridem gratuitamente alguem que tem uma opinião diferente. Ai na hora que esse interesse deveria ser realmente externado, quantos brigam para reverter as coisas realmente erradas como essa fortuna gasta para realizar uma Copa do Mundo em um País cheio de problemas? Quantos? Agora vai falar que o time do fulano é melhor que o do beltrano para ver. Não é questão de me considerar melhor que os outros. É questão de opinião e da triste constatação que a situação de nosso povo poderia ser muito melhor se todos nós (me incluo nisso) fossemos cidadãos de verdade, que brigassemos por nossos direitos, fossemos mais politizados (não fazer política do jeito que é feito hoje). Tenho certeza de que você gostaria de viver em um País bem melhor do que o nosso (do modelo atual). Penso que as notícias que o Janca traz neste blog apesar de ser do segmento esportivo, reflete muito bem como é a nossa sociedade atual: Alienada sim, individualista sim, aculturada sim, salvo excessões infelizmente.

    Espero que você tenha entendido a minha colocação.

    Abs.

    • janca

      Você tem razão, pelo menos a meu ver, Edson, em relação ao comportamento de boa parte dos internautas que frequentam este e outros blogs. Eles se perdem pela paixão clubística, assim como alguns se perdem pela paixão político-partidária. São-paulinos xingando corintianos e vice-versa, assim como fazem militantes do PT e do PSDB, que não percebem (ou pior, talvez percebam) que são todos equivalentes, a tal “Revolução dos Bichos”. Ou, em outras palavras, farinha do mesmo saco. Abs. pra você, Edson, Janca

  • Victor Dunstan

    Janca,isso tudo é triste,pq ate o ronaldo chegou a citar a África,mais o que a África ganhou para a população,legado??
    E pensar quem em 2014 vamos ter eleições,torço pra que seja tudo um lixo,vamos tirar logo o PT do comando,só faz M….

    • francotimao

      Caro Victor, na minha opinião a questão politica brasileira não é partidária e sim institucional, pois PT, PSDB, etc… são apenas siglas o ruim é o q esta dentro (partidários), entendo q foram anos de ditadura (com perdão da redundância) dura e em seguida a Democracia veio e trouxe em seu bojo uma liberdade nunca experimentada q causou uma euforia compreensível, mas não justificável e hoje o q temos são políticos e politicas viciadas, já ha alguns anos me conscientizei q o melhor é votar nulo, sei q dirão q isso não resolve e concordo q o ato por si só não resolve mesmo, porém se tivermos 50, 60 % de votos nulos esse fato sera muitíssimo relevante e trara com certeza mudanças q acredito pra melhor no cenário politico e por conseguinte na sociedade como um todo…Abs!!!!!!!!

MaisRecentes

Brigas no Fla



Continue Lendo

Paulistas com medo



Continue Lendo

A mágoa de Ceni



Continue Lendo