O vexame do Mineirão



Pegou muito mal na Fifa e virou notícia no Brasil e no exterior o vexame que foi a reabertura do Mineirão, um dos estádios da Copa das Confederações e do Mundial do ano que vem.

Faltaram água e papel higiênico nos banheiros, os bares estavam fechados e os torcedores reclamaram da dificuldade de parar o carro para ver Cruzeiro x Atlético-MG. A Minas Arena, responsável pela administração do estádio, pediu desculpas ao público. Diz que a tendência é melhorar para os próximos jogos, mas será que a arena oferecerá boas condições em partidas de grande público, como foi o caso de domingo?

A Fifa já pediu explicações ao Comitê Organizador Local da Copa, que diz que providências serão tomadas, embora não tenha explicado quais.

O pior de tudo foi a chegada ao estádio, algo que não diz respeito diretamente à Minas Arena, mas ao poder público e ao governo de Minas Gerais. Transporte público é péssimo, pouco foi feito no tocante à mobilidade urbana, o trânsito estava caótico e o torcedor sofreu, inclusive nas mãos dos chamados flanelinhas, fora a falta de segurança fora do estádio. Um exemplo a não ser seguido, enfim.

Na semana anterior fora a vez do Castelão, que apresentou menos problemas _havia água, papel higiênico e bares abertos. Fora do estádio, no entanto, o trânsito também foi complicado, inclusive porque o investimento em mobilidade urbana acabou sendo menor do que o prometido.

No caso do estádio de Fortaleza, porém, a preocupação é o que fazer com ele depois da Copa, já que até a direção da CBF admite que ele tende a ser deficitário. E José Maria Marin, presidente da entidade e também do COL, limita-se a dizer “vamos ver, vamos ver”, mais preocupado que deve estar com a eleição na CBF. Que será em abril do ano que vem, antes da Copa, portanto. E seu candidato tem nome desde que assumiu a confederação: Marco Polo Del Nero, que é quem tem dado as cartas na CBF. Mais do mesmo, mais do mesmo. É a velha política de sempre. Seja no futebol, seja no Congresso Nacional.



MaisRecentes

A matemática do futebol



Continue Lendo

A melhor do mundo



Continue Lendo

Aprender a perder



Continue Lendo