O Santos e o Pacaembu



A Prefeitura de São Paulo, como já fez nos tempos de Gilberto Kassab, deve retomar as conversas com o Santos a fim de convencer o time praiano a atuar mais vezes na capital, usando o Pacaembu.

Acho a ideia boa, já que o Santos tem muita torcida em São Paulo e poderia pensar em se revezar entre a Vila e o Pacaembu, negociando com a Prefeitura, inclusive, alguns benefícios por atuar em São Paulo.

A preocupação da prefeitura paulistana, na verdade, não é com 2013, mas está voltada a 2014, depois da Copa no Brasil, quando o Corinthians passará a mandar seus jogos na arena em Itaquera e o Pacaembu perderá seu maior cliente.

Além de conversar com a direção santista, Celso Jatene (PTB), secretário municipal de Esportes, quer encontrar nos próximos meses um parceiro para administrar o estádio, que segundo seus assessores segue dando prejuízo, como teria acontecido no ano passado, mesmo com o Corinthians mandando seus jogos ali.

Vale lembrar que shows estão proibidos no local. Vale lembrar ainda que o estádio é considerado patrimônio histórico da cidade e do Estado e qualquer reforma tem de ser aprovada por dois conselhos, um municipal e outro estadual, o que será levado em conta nas conversar com qualquer possível futuro parceiro, claro.

Para o torcedor santista, porém, acho interessante a oportunidade de usar mais vezes o Pacaembu. A temporada de 2013 do time da Vila começou ali, num amistoso contra o Barueri, atraindo mais de 16 mil torcedores numa noite chuvosa _muita chuva, aliás_ e com ingressos que custavam até 80 reais, o que não é pouco, não. E hoje foi no Pacaembu que o Santos levantou seu primeiro troféu do ano, vencendo a Copinha. Sua equipe sub-20 promete, sinal de que o trabalho na base segue bem realizado. E o garoto Neilton termina o torneio como destaque. Pacaembu à parte, parabéns aos garotos do Santos. O futebol brasileiro agradece.



  • Mario

    sou contra essa ideia ,o santos tem q jogar na vila, de q adianta ter estadio e não usar.

    Pacaembu da prejuízo, então crie um imposto p/a associação Viva Pacaembu pagar ,um beeeeeeeeeeeeeeem salgado.

    • janca

      Mas o Santos é um time que extrapola _e muito_ as fronteiras de Santos. Então não vejo a ideia com maus olhos. E pode _apesar das taxas e do aluguel_ lucrar fazendo alguns de seus jogos em São Paulo. Inclusive porque há um enorme público consumidor na capital paulista ávido por ver o Santos jogar e comprar produtos da equipe praiana.

      • Mario

        só q a cidade de Santos não fica tão longe assim da capital tanto q conheci pessoas q moram lá e trabalham em SP(tera dias q sera mais facil chegar em santos do q na arena Corinthians) o problema é q a vila e o paca estão se tornando estadios superados .
        mas seria interessante levar os jogos do paulistinha p/outros estados tipo Corinthians x Palmeiras no castelão, Santos x SPFW na arena Amazonia.

        • janca

          Aí não. Não tem sentido nenhum.

          • Mario

            sera?

            no norte/nordeste que realmente é longe existe uma fatia de torcedores dos 4 grandes paulistas q não é explorada, e já q não existe datas p/os times excursionarem, por q não usar as datas do paulistinha p/fazer 1 jogo por ano lá?

            por quando o Santos poderia vender os ingressos p/o povo ver Neymar , Corinthians Pato , SPFW RC , Palmeiras Barcos nesses jogos?

            no Br/12 foi ventilada a possibilidade de SPFW X Corinthians ser no maranhão

          • janca

            Não acho descabível eles jogarem lá e até mandarem, se acharem que é o caso, um ou outro jogo do Brasileiro lá _mas aí tem que ver a questão da viagem, desgaste dos atletas etc. etc. etc. Só que isso não vale para o Paulista, que afinal é um campeonato estadual e os jogos têm que ser no Estado de SP, seja na capital, seja no interior. Ou litoral, claro.

          • Mario

            no Brasileirão não , só seria valido se fosse no campeonato estatual q é um campeonato q perdeu seu valor e sua razão de existir.

  • Ton

    E aí Janca, tranquilo? O Paca é um estádio de difícil acesso, mas é um campo de futebol muito legal, eu já vivi grandes emoções lá e não gostaria que não houvesse mais jogos no local. Como o Timão terá sua “casa própria” a partir do ano que vem, o Verdão irá finalizar sua Arena e o Tricolor tem o Murumbi, o Estádio Municipal ficará esvaziado mesmo, eu achei que quem poderia usar era o Audax SP. Eu concordo que o Santos tem torcida na capital e seria benéfico para o peixe mandar alguns jogos. Enfim, eu considero o paca um dos pontos turísticos de Sampa e se está dando prejuízo tem que se fazer um estudo minucioso pra ver como esta sendo administrado, mas os paulistanos carecem de jogos lá, pois é um estádio de todas as torcidas. Grande Abraço e Bom final de semana!

    • janca

      Não acho que seja de difícil acesso, não. De difícil acesso é o Morumbi. E a Vila, no caso de torcedores do Santos que moram na capital paulista _e não são poucos. Ótimo final de semana pra você também, abs. Janca

  • Davi

    Vejo na Associação Viva Pacaembu, um dos maiores problemas para a utilização adequada de um estádio, tanto para jogos, quanto para eventos não ligados ao futebol. Eles conseguem criar barreiras de tal maneira, que é difícil viabilizar eventos, o que torna tarefa ardua encontrar quem queira ser parceiro da prefeitura, nesta administração.

  • renato

    Enfim… os moradores do Pacaembu e redondezas conseguiram o que queriam… o fim do estádio. Dificilmente o Santos ocupará o Pacaembu de forma definitiva. Pode até compartilhar jogos durante dois, cinco anos, mas logo o pessoal da baixada reformará a vila ou construirá um estádio, pra ficar quite com os três da capital.

    Pacaembu servirá para a final da Copinha, todo dia 25 de janeiro… como é tombado não irão vender a área… acredito que o Museu do Futebol irá ser ampliado… Será o único museu de futebol que tem um estádio em suas dependências… e não o contrário.

    Pena… sem dúvida um dos melhores estádios pra se ver jogos…

    • janca

      Não sei qual a saída, mas alguma deve ter. Tem que ter. Em relação à questão dos shows, não sou contra o veto. Mas se você pensar bem a própria Prefeitura de SP incentivou, inclusive com benefícios públicos, a construção do estádio do Corinthians em Itaquera e pode terminar com um elefante branco. Mas o Pacaembu é parte da história de SP e uma solução, como disse, tem de ser encontrada. E concordo que é um dos melhores estádios para ver jogos, fora que considero de fácil acesso, é na região central.

MaisRecentes

Contas corintianas



Continue Lendo

Timão em 2018



Continue Lendo

Verdão aflito



Continue Lendo