Gobbi defende estatuto



Pelo menos para interlocutores mais próximos, o presidente Mário Gobbi, do Corinthians, diz ser contra a mudança do estatuto do clube para as eleições de 2015, quando sairá do comando _seu mandato abrange o período de 2012 a 2014.

Pelo atual estatuto, Gobbi não pode ser candidato à reeleição nem seu antecessor, Andrés Sanchez, poderia sucedê-lo. A reeleição foi vetada com o novo estatuto, aprovado em 2008, o mandato do presidente ampliado de dois para três anos e quando o mandatário deixa o cargo tem que ficar dois períodos sem concorrer. Com isso, Andrés só poderia ser candidato em 2018 e Gobbi, em 2021.

Na semana passada, declarações de Andrés deram a entender que pode haver mudança no estatuto, segundo a qual um ex-presidente teria que ficar apenas um mandato fora, sem poder concorrer. Se tal alteração acontecer, ele poderá tentar voltar ao comando no Corinthians.

A oposição já disse que é contra alteração no estatuto e Gobbi, pelo menos por enquanto, também. Mas o discurso a amigos pode ser um, o público, eventualmente, pode mudar. Até porque Andrés tem muita força especialmente com a torcida do Corinthians. Seja pelo estádio, seja pela manutenção de Tite como técnico, seja pelas inovações no marketing. Embora os títulos da Libertadores e do Mundial tenham sido conquistados na gestão de Gobbi, que era o candidato de Andrés, muitos atribuem a ele o sucesso de 2012.



  • Mario

    não acredito q o Sanches apoie a mudança no estatuto e volte a ser presidente do Timão mesmo q perca eleição na CBF ou fracasse na criação da liga, acho q ele ira seguir carreira politica se candidatando a deputado ou algo do genero.

    • janca

      Apesar das declarações que ele deu na semana passada sobre o estatuto, não descartando uma mudança, também acho que tende a tomar outros rumos, talvez até o da política, Mario.

    • Oscar de Melo

      Tomara que esteja certo,seria decepcionante ver o criador da nova democracia corinthiana,retroceder em sua próprias benfeitorias.

    • Michael Joshua

      Mario,Janca e Oscar,o Andrés também falou que era contra alterar o estatuto para que ele saia candidato,mas…caso a maioria resolva faze-lo,ele poderia sim sair candidato!
      Eu como bom corintiano,admito que o Andrés fez muito bem ao Corinthians,mas o homem tem que honrar a sua palavra!
      Espero que ele volte sim ao comando do timão,mais na época certa (2018).
      E espero que quem entre em 2015,não jogue fora tudo aquilo que ele (Andrés) lutou junto com o Gobbi,para transformar o nosso Corinthians n que é hoje (exemplo de organização para todos os outros clubes) abraços!

      • janca

        Sim, Michael, de acordo com o estatuto uma possível volta de Andrés teria que ser nas eleições de 2018, não de 2015. Espero que não mexam no estatuto para beneficiar A ou B. E o Corinthians tem bons nomes para administrá-lo. O próprio Gobbi foi quem conquistou a Libertadores e o Mundial, mas parece que muitos se esquecem disso. Fez um primeiro ótimo ano de gestão e iniciou bem o segundo.

  • Oscar de Melo

    Péssima idéa do Andrés de mudar o estatuto.À priore,a grande maioria dos Corinthianos,da qual também faço parte,gostaria e torce por Andrés novamente no poder.Porém,a mudança do estatuto,abre um precedente perigoso,e quase sempre nocivo,pois o que se muda uma vez pode ser mudado varias vezes,só depende da vontade de quem estiver no poder,e mudar em tempos de vacas gordas,pode parecer vantajoso,se tivéssimos a certesa,que nunca haveria tiríodos de vacas magras,o que é impossivel prever,quando e se ocorrer esse infeliz período,ninguém irá festejar uma continuação de mandato.Portanto,não se deve mudar o que deu a Andrés,a confiaça do torcedor,que viu em seu mandato,o fim da ditadura no Corinthians.

    • janca

      Tampouco acho interessante uma mudança no estatuto agora, especialmente se for feita para viabilizar candidatura A ou B, Oscar.

  • Joe LHP

    Incrivel como parte da imprensa é maliciosa e manipuladora, distorce os fatos e impõe os seu ponto de vista conforme os seus interesses, eu vi a entrevista do Andrés e o mesmo deu a entender que defende o estatuto do jeito que ai está, o que a mesma imprensa não fala é que o interesse em alterar o estatuto vem da parte podre do PSJ, vem de pessoas como André Negão, Mané da Carne entre outros notaveis, esses por sinal andam incomodados com a perda de poder na gestão Gobbi.

    • janca

      “Como bom democrata, se a maioria achar que é preciso mudar o estatuto, vamos mudar”, disse o Andrés.

      • Joe LHP

        Sim,porém o mesmo declarou que se houvesse uma mudança de estatuto ele não se canditaria, mas a maioria no PSJ é contra a mudança e como disse isso é de interesse de uma minoria que teve seus interesses afetados e tem no Andrés uma esperança de reaver o que foi perdido, por isso esse burburinho.

        • janca

          Pode até ser, mas gostei de saber que o Gobbi, pelo menos a seus interlocutores mais próximos, tem defendido o atual estatuto. Mudar agora seria tumultuar e acredito que a limitação de mandatos foi uma boa para o Corinthians. Promove a rotatividade do poder, novas ideias, enfim, evita dirigentes eternos como foi o Dualib, por exemplo.

          • Rodrigo

            Janca, a frase (“Como bom democrata, se a maioria achar que é preciso mudar o estatuto, vamos mudar”) e o tom não foram de temos ou quero mudar isto. Acho que a celeuma que parte da imprensa esportiva faz é a de sempre (muito barulho e pouco foco no que é importante: por exemplo a bagunça do calendário e termos um ex-governador da ditadura no poder da CBF e outro constrangedor de pessoas por escuta telefônica).

          • janca

            Mas a declaração é de abrir uma brecha para mudar o estatuto. Como não? O que o Gobbi, felizmente, aliás, rechaça, já que defende o estatuto atual, pelo menos é o que tem dito a seus interlocutores mais próximos. Não acha que teria sentido uma mudança para beneficiá-lo ou beneficiar o Andrés. E concordo com ele. Espero que siga nessa linha.

          • janca

            Sendo que de Marin e Del Nero tenho tratado muito neste blog, mas no caso de possível mudança no estatuto corintiano não é algo em que os dois estejam envolvidos.

    • Corinthians minha história, minha vida, meu amor

      Lei e estatuto existem para serem mantidos, ou modificados, atualizados ou melhorados. Desde que seja para o bem do clube, por que não?
      Se fosse assim jamais acontecerá uma reforma fiscal e tributária no Brasil, as leis penais continuariam as mesmas de 50 anos atrás, etc…
      O que não pode é permitir mais de um mandato seguido, o que não é o caso. Só o fato do próprio Andrés ter sido responsável pela mudança anterior (muito benéfica) já joga à favor dele.

  • reinaldo

    Janca,
    Acho que a torcida do Corinthians adquiriu um grau de maturidade muito grande, e mesmo que seja o Andrés o defensor desta ideia, a torcida não irá apoiar de jeito nenhum.

    • Flavio Rodrigues

      Pior que a maioria apóia Reinaldo… infelizmente…

  • Corinthians minha história, minha vida, meu amor

    Penso que o próximo presidente poderia ser o Ronaldo ou o Lula e o Andrés voltar depois de um desses.
    Mas se é para o bem do Corinthians, que mude novamente o estatuto, desde que os responsáveis aprovem de comum acordo, é claro.
    Andrés Sanches foi o melhor presidente de clube de todos os tempos, o Corinthians só tem a ganhar com ele.
    O Juvenal e os bambis devem estar treeeemmmeeennnddooooo.
    Volta Andrés.

    Para os antis pirarem mais um pouco, segue aomenagem do rapper americano ao Timão, inclusive está passando na MTV americana. E não adianta os antis dizerem que ele é desconhecido, porque é um dos mais famosos rappers amercianos:

    http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=CmLquobDgik

    • Corinthians minha história, minha vida, meu amor

      Claro que eu quis dizer “a homenagem”.

    • Flavio Rodrigues

      Não se esqueça que o Juvenal também foi um bom presidente para o SPFC, mas, a partir do momento que o cara quer virar dono do Clube, pode ter certeza que não fará uma boa administração… O mesmo acontecerá com o Andrés se voltar agora… o Andrés revolucionou o clube, isso não acontece duas vezes… se voltar estará pensando apenas no próprio umbigo!

  • Marcos Marcelino

    A volta do Andrés é normal, afinal o Corinthians está onde está por causa dele…ou estou mentindo!? O que eu não quero é correr o risco de ver o Timão nas mãos da turma do Antonio Roque Citadine e Paulo Garcia e do Duallib…

    • Flavio Rodrigues

      Ninguém é Deus… o FHC acabou com a inflação, acha pouco?! aí veio o segundo mandato, foi um Deus nos acuda, ninguém aguentava mais ele… algo parecido aconteceu com o Lula e o PT que já está saturado de denúncias de corrupção… muito tempo no poder nunca é bom, a história mostra isso!

  • Flavio Rodrigues

    Bom dia! Não vi a entrevista, eu preciso ver pra saber o contexto em que ele disse, pois, isso quase sempre é distorcido. Sempre defendi o Andrés, acho que de certa forma ele é perseguido, fez uma administração extremamente competente, tá certo que com muita politicagem em favor do clube ou mesmo de si próprio. Sim, isso pode ser discutível, mas eu nada vi com relação a denuncias ou coisa parecida, como muitas vezes deixam no ar alguns jornalistas, e falo em denúncias sérias, pois, aquela perseguição da Record foi algo ridículo e claramente uma retaliação ao episódio do C13… A mudança que fez no estatuto logo que assumiu, pra mim, foi a melhor atitude dele na presidência do Corinthians, agora se ele defender essa tal alteração no estatuto, mostrará que em nada é diferente dos outros, e será péssimo para o Corinthians, que estará dando um enorme passo para traz. E espero também que o Gobbi não apoie isso, pq no que diz respeito a gestão do futebol, ele está fazendo um trabalho ainda melhor do que o Andrés… Se acontecer, perderei a fé em dois dirigente em uma tacada só…

    • janca

      Sinceramente acho que não mudam o estatuto. Mas vale esperar… O Gobbi, pelo menos, tem sido contra. E espero que siga assim.

  • francotimão

    Ola, Janca, também sou contra a mudança do estatuto neste momento ou em outro momento, não é salutar retroceder em avanços e, claramente é isto q irá ocorrer caso se torne verdade, se optaram por uma vacância de dois períodos q seja assim, acho (salvo melhor juízo) q o Andres tenha vislumbrado nesse caso uma possibilidade politica de vencer pra presidente da CBF, não sei se isso seria possível em função das datas das eleições ou msm numa proxima eleição da CBF depois de 2014, Abs!!!!

  • Victor Dunstan

    Andrés inventou que foi convidado a integrar a pásta de esportes em SP,se queimou,PT ficou sem saber,já que a pasta não cabe a si…o abacaxi é Pro na arte de inventar assuntos!!!

  • MUDAR O ESTATUTO É EMBAÇADO….. MAS COMO DISSE ANDRES SE A MAIORIA QUISER

    AI JA É DEMOCRACIA……… E OUTRA SE É P O BEM DO CLUBE..TRAZER O MELHOR

    CARTOLA DO PAIS DE VOLTA….EMBORA TIMÃO TRAZ O HOMEM…QUE OS RIVAIS JA TREMEM.

    QUANDO O MOTIVO É O BEM …EM QUALQUER SEGUIMENTO..DEVE SE FAZER,,,,,,,,,,,,

    ANDRES JÁ…E SEMPRE…………………

MaisRecentes

Pela saída de Levir



Continue Lendo

Apoio a Jô



Continue Lendo

Os preços da Seleção



Continue Lendo