Os europeus estão aí, sim



Criou-se um chavão que é dizer que os europeus não estão nem aí para o Mundial de Clubes no Japão, mas não acho que seja verdade. É lógico que eles acabam dando importância bem maior para a Liga dos Campeões, que é um torneio mais complicado e mexe com toda a Europa, mas até aí acho que ter ganho a Libertadores, que estava entalada na garganta dos corintianos, foi mais significativo para os torcedores do Timão do que será possível título domingo, em Yokohama.

O Chelsea tem dado atenção ao Mundial, sim, considera um torneio importante, quer capitalizar em cima de eventual conquista no Japão, como já fizeram outros clubes europeus, caso do Barcelona, que enfiou 4 a 0 no Santos no ano passado. E jogou com muita seriedade _o Barça, com Messi e Cia., dando dois shows em terras japonesas.

Houve até quem dissesse que os ingleses não acham o Mundial relevante, apontanto como exemplo disso o fato de o Chelsea só ter chegado ao Japão no domingo, cinco dias depois de o Corinthians ter saído do Brasil. Mas até aí o fuso horário da Europa em relação ao Japão é menor do que o do Brasil e a viagem, menos cansativa. Sem falar que o Corinthians estreou hoje, o Chelsea só estreia amanhã.

Se os europeus não dessem importância nenhuma não teriam vencido o Mundial de 2007 a 2011, deixando os sul-americanos em jejum, que o Corinthians tenta quebrar agora. Não vai ser fácil. Contra o Al Ahli teve problemas, especialmente no segundo tempo. Passou sufoco, mas venceu, que era o que interessava. E sufoco o Chelsea pode passar amanhã contra o Monterrey, que se jogar o que sabe pode muito bem ser o adversário dos brasileiros no domingo. E não por falta de atenção dos ingleses, que estão focados no Mundial, ao contrário do que dizem alguns, que gostam de diminuir os feitos dos brasileiros _como o do Inter, que em 2006 soube parar o Barcelona e se tornou o último sul-americano a levantar o Mundial.



  • Flavio Rodrigues

    Concordo contigo, interessados eles estão sim, mas é inegável que os europeus ainda não tem o mesmo interesse que o nosso, aqui tem uma certa idolatração ao mundial desde a Toyota Cup que pessoalmente não gosto, claro que é importante, mas acho um pouco exagerada, principalmente quando deixamos de dar importância aos nosso torneios caseiros (é praxe de torcedores de times que conquistaram o mundial, desvalorizarem os torneios nacionais e até parte da imprensa), mas acho que existe uma diferença do calendário que é bem relevante nessa questão, o fato de o Mundial ser no final da temporada antecipa o nosso foco. Os europeus tem outras disputas em vigor, pra eles é meio de temporada, a atenção é dividida com estes outros torneios, e acho louvável o interesse e valorização que eles dão a essas disputas…

  • Mario

    os europeus jogam serio e dão valor q tem dar , se ganham valorizam e comemoram,se perdem ficam chateados mas sem exageros ,mas defendo q o mundial aconteça nas proximas edições na europa p/os torcedores entrarem mais no clima e na america do sul p/facilitar nos vermos o mundial.
    Timão jogou mal ,mas com o Tite é sempre assim ,vamos lá sofrer e torcer

  • striknight

    Da lhe Chelsea !!!

    • Advogado65

      Caro Striquinia que, na realidade, deve ser uma Maria Purpurina: gostaria de saber porque só aqui no Brasil insistem em dizer que os jogos que se realizavam no Japão antes de 2000, e entre 2001 e 2004, era “mundial de clubes”. E faço a presente pergunta porque tive curiosidade de acessar os sites oficiais de Boca Juniors, Millan, Real Madri, Independiente (AR) e Peñarol (UR) e até mesmo Olimpia (PY) e todos eles, sem exceção, nomeiam o jogo “Dona Mitiko” como COPA INTERCONTINENTAL. Assim, faço outra pergunta: Quem no mundo, salvo no submundo chamado Brasil, reconhece aquilo como Mundial de Clubes??? Se alguém souber, por favor me dizer para que eu possa me retratar publicamente e reconhecer SPFW, Santos, Flalido e Gremio como campeões mundiais naquele torneio ….. KKKKKKKK Corinthians: 1º Campeão Mundial de Clubes da história do futebol.

      • CONCORDO COM TUDO QUE VC FALOU.
        FALAR QUE É CAMPEÃO MUNDIAL COM APENAS UM JOGO , É CONVERSA PRA BOI DORMIR .
        O FORMATO QUE O CORINTHIANS GANHOU EM 2000 É O + INTERESSANTE QUE O ATUAL, MAS FALAR QUE AQUELE UNICO JOGO QUE OS BAMBIS GANHARAM DUAS VEZES É MUNDIAL VAI ENGANAR OUTRO PQ EU NÃO .

  • striknight

    http://noticias.r7.com/blogs/o-provocador/2012/12/12/prefiro-hooligans-ao-bando-de-loucos/

    Até mesmo um corintiano é capaz de entender com facilidade por que seu time desperta tanta antipatia nas demais torcidas. É um clube que sintetiza muito do que há de pior no futebol.

    Claro que o Corinthians também possui imensas qualidades. Talvez desperte algum tipo de inveja inconfessável. Mas não estou nem um pouco a fim de falar sobre isso. Não faltam jornalistas muito bem remunerados para dar conta desse recado.

    E são esses aduladores profissionais os primeiros a dar vazão à histeria que cerca tudo que diga respeito ao “timão”. Talvez corrompidos pela audiência fácil que o bando de loucos proporciona, é raro encontrar uma voz crítica para apontar os exageros que cercam o Parque São Jorge.

    Aos jornalistas esportivos vieram se somar praticamente todas as autoridades deste país, a começar pelo ilustre ex-presidente Lula. Os milhões de dinheiro público gastos no Itaquerão, assim como o recente patrocínio da Caixa federal, ajudam a dimensionar o favorecimento escancarado.

    Não bastasse, seus torcedores passaram a acreditar que são seres abençoados pelos deuses do futebol. Mesmo quando foram rebaixados para a segunda divisão, agiram como uma seita de iluminados. Haja fogos de artifício para tanta devoção.

    Nesta semana em que a equipe disputa o Mundial de Clubes, a bajulação é tamanha que se tornou impossível não ficar sabendo da “invasão corintiana” (que, bem feito, não se confirmou). Só torcendo contra para amenizar esse coro tagarela e monocórdio.

    Sem grandes méritos, o clube estará na final de domingo. Pode até se tornar campeão mundial (pela primeira vez, de verdade). Se acontecer, vai ser insuportável. A arrogância, a gritaria, o carnaval e o cerco midiático vão sufocar qualquer resquício de racionalidade. Prefiro que os ingleses cuidem da euforia de seus hooligans. Vai ser bem mais saudável do que aturar essa turma do Andrés Sanchez.

    • Flavio Rodrigues

      Ual, belo texto, ofensivo, faz apologia a violência e a intolerância… sensacional, onde você achou esse deve ter outros ainda melhores… parabéns!!!

      • Mario

        Flavio ñ de atenção , são 2 frustados (o q escreveu e o q reproduziu)

        • striknight

          muito pelo cotrario bacana

        • Flavio Rodrigues

          Triste…

          • striknight

            Fica trsite não seu time ganhou vai comemorar !!!

    • corinthiano

      Belo texto temperado com pitadas de inveja. Parabéns ao autor.

    • Pedro

      grande strik.. sei lá o que!!!!, tá na cara que os nossos méritos jamais serão reconhecidos, é impressionante como o futebol revela a mediocridade e estupidez de um cidadão. Tudo que se refere ao TIMÃO tem que ser depreciativo, conquistas maravilhosas de outros clubes perdem o valor se TIMÃO também a conquistar. A rivalidade entre as torcidas é o ponto alto do futebol, mas, convenhamos, não precisa ser de forma tão estúpida!!!!!

      • Junior

        FALOU TUDO PEDRO….

        “o futebol revela a mediocridade e estupidez de um cidadão”

        Comemorar beneficios com $$$ publico pode?

        • corinthiano

          Eu comemoro… com tranquilidade… e vê se paga seu imposto em dia, que ainda temos que fazer o acabamento do estádio.

        • Adriano

          Cara, essas história do patrocínio é hipocrisia. Outros trocentos clubes são ou já foram patrocinados por empresas públicas. Inclusive o time do panetone.

          • Junior

            HIPOCRISIA É A QUANTIDADE DE POLICIAS MORRENDO NAS RUAS DE SÃO PAULO, CRACOLANDIA, TRANSITO HORRIVEL, PESSOAS MORRENDO EM FILAS DE HOSPITAIS…..
            COMO JÁ DISSE PARA O ADVOGADO65, PARA MIM QUANTO MAIS ALIENADO MELHOR E POR ESSA CAUSA GRITO TODOS OS DIAS ” VAI CURINTIAN”…. RSRSRSRRS

        • Advogado65

          Vai procurar seus direitos Mané, ao invés de ficar aki de mi mi mi mi bla bla bla….Ahhhh. Já sei…Não tem $$$ para contratar um advogado e rever para si a sua parte do $$$$ público??? Então se mata Mané……KKKKKKKKKKKKKKKK

          • Junior

            Não ADVOGADO65, obrigado… prefiro ficar aqui vendo toda a mediocridade e estupidez de pessoas como você que para mim, quanto mais alienado MELHOR

          • NfNW

            Ao invés de ficar de mimimi aqui na página dos outros, acho melhor vc prestar mais atenção em quem vc vota, antes de ficar falando groselha…
            É só prestar atenção… é o mesmo partido político no ESTADO DE SÂO PAULO há 18 anos e tudo isso que vc mencionou deveria ser proporcionado com os investimentos do nosso querido estado… mas ao invés disso… deixo pra vcs pensarem…

          • Junior

            NfNW, para mim quanto mais alienado melhor… votar para que?

            “vai curintian!!!!”

    • Anderson Souza

      Na verdade, pelas suas palavras, o Corinthians é culpado por ter ganho a Libertadores de forma invicta; culpado por ganhar ‘apenas’ de 1×0 na estréia da Mundial de Clubes da FIFA; de ter mobilizado mais de 10.000 pessoas para ver duas partidas de futebol do outro lado do mundo (uma das viagens mais caras, diga-se de passagem); etc.

      O que me causa mais aborrecimento neste tipo de comentário como o seu é que a sua indignação é sempre alusiva ao Corinthians. Essa arrogância que você tanto evoca é a mesma que você apresenta neste seu ‘desabafo’.

      ‘Sem grandes méritos’….é cada uma…como se vencer por 1×0 não fosse um placar digno. Se tivesse goleado esse time, teríamos de aturar o discurso ‘só porque venceu um time de péssima qualidade já está se sentindo o Barcelona’, blablablá…

      Ora bolas, deixe de anticorinthianismo e, se deseja fazer uma ‘análise isenta’ do futebol, lave as mãos antes de digitar e generalizar falando mal do Corinthians e a sua torcida; pense que além do Sanchez que você trata com desdém (problema seu e dele – Andrés) existem milhões de torcedores que torcem pelo seu Time e que tem senso crítico tão mais acurado do que o seu e que não é tão imparcial com vossa Insolência se apresenta neste seu texto.

      Exemplo de administração deve ser o do Palmeiras que caiu de divisão e o seu Presidente ainda não se deu conta; ou o do Santos que gasta todo o seu orçamento para pagar apenas um jogador e se vê em dívidas por causa disso; talvez o Fluminense que já está em dívida com os seus jogadores; talvez o Flamengo ou o Vasco onde salário virou artigo de luxo há muito tempo; ou SPFC com a sua ‘administração modelo’ DEMOcrática onde TODOS OBEDECEM DE FORMA DEMOCRÁTICA e apenas um se mantém no poder (neste caso é uma velha raposa – um ditador bom, em outras palavras.

      Se liga mané!

      • Vai a merda Anderson, quem é vc pra falar do clube A ou B??? Vcs só terão estádio pq o GOVERNO construiu pra vcs, patrocínio pq no GOVERNO só tem FDP ladrão do PT, se não fosse o GOVERNO e a GLOBO vcs não seriam nada além de um monte de merda, vcs são como o ” framengo”, um time de marginais e putas, apenas isso…

        • Sérgio

          Ai, ai, os antis e suas teorias da conspiração, chegam a ser dignos de pena.

          Engraçado como vocês adoram dizer que somos clubes pequenos, um monte de merda e blá blá blá, mas TODOS querem ser o arquirrival do Corinthians. Uma dica para você e sua patota: montem um time só Palmeiras, São Paulo e Santos chamado Anti FC.

          Chora anti, chora!

    • valter

      Texto escrito por um imbecil, recalcado. Uma pessoa que se acha superior, somente por talvez ter tido a oportunidade de ter nascido num berço de classe média(na opinião dele). Pessoas assim fazem um tremendo mal para todos seus “semelhantes”, (entre aspas sim), porque um indivíduo assim, não é semelhante de ninguém, pelo menos pra mim. O mundo não precisa desses idiotas. São seres de um nível inferior. São lixos que infelismente tiveram que voltar aqui na terra. Não acrescentam nada pra ninguém.

    • 30.000mil corinthianos no estadio e a invasão não se concretizou? aq

    • 30.000 corinthianos no primeiro jogo e a invasão não se concretizou? ah ta qualquer time leva isso em qualquer lugar do mundo né? ainda mais, la no Japão…coisa normal! ja que vc é tão preocupado com o dinheiro publico, oque vc esta fazendo para ajudar? ja denunciou alguem? para de se hipócrita. deve ser palmeirense.

    • rene

      Pior do que ser ignorante e se achar culto e escrever textos que me lembram aquelas frases filosoficas encontradas nesse banheiros sujos de posto de beira de estrada.
      Paixão não se mede (a não ser que sua paixão se materialize em um penis).A rivalidade, a mistica, o exagero,faz parte do futebol,inclusive é o que move o esporte no pais.Ou será que exaltar a tal COPA SULAMERICANA não é um exagero.
      Mais é sempre assim quando são os BAMBIS tudo é normal..quando é o corinthians é exagero..as vezes acho que a ignorancia é uma dadiva

    • Dudu Timão

      Striknigth, seu texto é um misto de admiração contida, inveja, ausência de conhecimento de causa e consuetudinarismo escancarado. É fácil criticar, falar que o Corinthians representa o que há de ruim no futebol, isso, aquilo, e aquilo outro. É fácil porque incomoda uma grande maioria que não atravessa o momento invejável e não compreende o amor que este bando de loucos demonstra pelo clube, mesmo nas horas mais difíceis.
      Referente a construção do estádio o incentivo fiscal não é exclusividade remetida ao Corinthians, haja vista que a construção do Cícero Pompeu de Toledo (Morumbi) recebeu incentivos e favorecimentos explícitos de Laudo Natel, ex-governador e são paulino declarado.
      Porém, as pessoas atacam quem ou aquilo que está em evidência, por isso, o Corinthians é tido com a Ovelha Negra do futebol paulista, quando na verdade, outros clubes também foram favorecidos em outros momentos.
      O futebol é algo que envolve amor, paixão, e sentimentos tão indescritíveis quanto imbecis por uma associação qualquer da qual muitas vezes nem fazemos parte, e optamos pela torcida de uma delas, na maioria das vezes por influência de pessoas próximas.
      O futebol é idiota, e eu sou mais idiota ainda por gostar tanto deste esporte!
      No que diz respeito ao patrocínio da Caixa, apesar de estatal é um banco, que concorre com outros bancos, e nada mais inteligente do que patrocinar um clube de massa para expor-se ainda mais, e não culpe o Corinthians, pois a Caixa já patrocinou também outros clubes com o Atlético PR.
      O problema do Corinthians resume-se a inveja dos adversários, pois esse é o nosso momento, e o sucesso de poucos incomoda e sempre vai incomodar muitos, é natural, coisa da raça humana.

      #IKECORINTHIANS

    • João

      Concordo com quase tudo que foi escrito no texto que você postou. Só acho incorreto afirmar que esse extremismo idiota se restringe ao time corintiano. Antes fosse, pois assim os problemas no Brasil seriam muito mais fácil de serem resolvidos. Na realidade, esse tipo de torcedor xiita, os quais, na minha opinião, são somente uns bobos, existem no Brasil inteiro, em qualquer clube de futebol. Muitos aqui falaram que o texto foi escritor por causa de inveja e recalque. Não sei se o autor é invejoso ou não, não posso falar pelos outros, mas da minha parte não existe qualquer sentimento de inveja. O único sentimento presente é de pena!

    • QUANTA IMAGINAÇÃO OS ANTI CORINTHIANS SE SUPERAM A CADA DIA .SÓ RINDO MESMO KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK!

    • NO DIA QUE UM HOOLIGAN NEONAZISTA INGLÊS ESPANCAR VC, SEUSA FILHOS OU ALGUM PARENTE SEU, QUERO VER SE VC TERÁ ESTA OPINIÃO, SEU BABACA INVEJOSO. SEI QUE TODOS OS JOGADORES TEM TORCEDORES VIOLENTOS E IMBECIS E NÃO COMPARTILHO DAS MESMAS AÇÕES DELES. MAS VC É IMBECIL, E INVEJOSO.

    • PAULO RPO

      é incrível como se pode falar tão bem sem falar absolutamente nada

  • Janca, a maior prova de que o Chelsea esta bem mais focado no Mundial do que os demais,esta na forma como eles se desviam de todo e qualquer espécie de oba-oba.
    Nao sao apreciadores do pao de queijo,mas estão comendo peixe com batatas bem quietinhos.
    Se o Corinthians jogar dessa forma como foi contra o time de Aboutrika ,vão entrar na sova e que ninguem se espante se o placar for largo.hein!

  • Marioh

    Janca,

    A verdade é que os europeus sentem-se envergonhados em jogar estes mundiais interclubes. Enquanto os clubes da Ásia,Africa, América do Sul e do Norte, Oceania jogam com jogadores do próprio país, os clubes europeus formam uma seleção de jogadores de vários países. Veja o time do Chelsea, tem tudo menos jogador inglës( um ou dois).

    • janca

      Os europeus sentem-se envergonhados de disputra o Mundial de Clubes??? De onde você tirou isso?

      • Marioh

        Janca,
        Estou tirando sarro das desculpas dos europeus em não dar importância ao mundial. Claro, que dão importancia, mas ficam com desdém caso percam a taça para os sul americanos, uma vez que, os investimentos dos clubes europeus nem se comparam com os clubes de outros continentes.

  • Francotimao

    Ola, janca, tambem discordo q eles os europeus não estão nem ai pro mundial, na verdade por força de seus campeonatos q ocorrem na msm data do mundial, se obrigam a dedicarem-se aos msms porém a partir do momento q eles focam esse torneio, são profissionais e tentam vencê-lo e o fazem de forma veemente e competente, portanto se não vencerem o mundial não será com certeza por falta de comprometimento de seus atletas e, em contra-partida se o timão vencer deverá valorizar e muito o titulo…afinal sabiamos q pra chegar a final nosso caminho seria logo Al Alhy..rrsrsrs!!!…Abs!!!!!!!!!!!

    • janca

      E temos uma mania que é o velho pensamento do Terceiro Mundo, outra vez quem sabe eu o discute aqui. Se perdemos para os europeus é porque eles são melhores, se ganhamos, é porque eles não deram importãncia ao torneio. Aí não tem como…

      • Alexandre

        Não é bem assim, Janca. Achei seu raciocínio simplista.
        Os europeus encaram o Mundial com seriedade e profissionalismo, ninguém afirma o contrário.
        O que se afirma é que eles não conferem a mesma importância ao torneio que os sulamericanos, e há abundantes provas desta afirmação, basta lermos notícias sobre o assunto em sites de jornais europeus, que veremos claramente esta diferença.
        Duvido que o Chelsea, por exemplo, considere o Mundial importantíssimo.
        E, particularmente, concordo com eles.
        A Champions League é muito mais longa e difícil que o Mundial. O mesmo vale em relação à Libertadores, guardadas as proporções.
        Portanto, deveríamos deixar de supervalorizar o Mundial, que é importante sim, mas não “o mais importante”.

        • Flavio Rodrigues

          Realmente, tomei o cuidado de procurar, nenhum site inglês dos que procurei, exceto a BBC destacou o jogo de hoje em seu site… Eles vêem de forma diferente sim…

          • janca

            Claro que enxergam de forma diferente. Mas dão importância, sim.

        • janca

          É que aqui muitos têm o pensamento de que se o time brasileiro ganha é porque o europeu não estava nem aí, se perde, é porque os clubes europeus são muito superiores. E a importância dada ao Mundial depende de cada país, não de cada continente, também podemos ir aí. Quando você (ou mesmo eu) coloca os sul-americanos todos no mesmo saco isso é ser simplista. Para o Corinthians creio que ter vencido a Libertadores foi mais importante, era um título que ele não tinha _o Mundial tem o de 2000. Para o Chelsea, com a eliminação na primeira fase da Liga dos Campeões, a conquista se tornou questão de honra. Muitos times argentinos acham o campeonato local mais importante do que a própria Libertadores ou a Sul-Americana. Agora dizer que a Champions é mais longa e difícil do que o Mundial é o óbvio do óbvio. Assim como a Libertadores é mais difícil e também o Brasileiro. O difícil do Mundial é chegar lá. Depois sobram dois ou três times em condições de ganhar o título (agora Corinthians, Chelsea e Monterrey).

          • Alexandre

            Janca,
            Eu entendo o que você diz. Há aqueles que sempre desdenham das conquistas alheias.
            Mas também não dá para tapar o sol com a peneira.
            Pelo menos nos últimos anos, os sulamericanos sempre têm sido dominados pelos europeus no Mundial, mesmo quando conseguem vitórias milagrosas, como em 2005 e 2006. Isso não é papo de torcedor adversário. Os europeus são superiores a nós hoje em dia, mesmo não priorizando o Mundial com nós fazemos.
            Quanto ao Chelsea, discordo quando você diz que ele considera o mundial importantíssimo. O Mauro Cézar Pereira discorre brilhantemente sobre o assunto, direto de Londres, em seu blog. Leia lá e veja se não é esta a realidade.

          • janca

            Especialmente depois de ter sido eliminado na primeira fase da Liga dos Campeões, digam o que quiserem, o Chelsea está concentrado na competição tanto quanto o Corinthians. Agora acho curioso que quando os brasileiros vencem, como em 2005 e 2006, as vitórias são milagrosas, quando vencem os europeus a vitória é merecidíssima.

          • Alexandre

            Aí você está generalizando.
            O São Paulo, por exemplo, foi bicampeão mundial de forma categórica, em 92-93.
            Já em 2005, foi campeão tomando um sufoco gigantesco contra o Liverpool, que era, na minha opinião, inferior ao Barcelona/92 e ao Milan/93.
            Quem viu o jogo de 2005 sabe que o resultado foi milagroso sim, o que não tira os méritos do campeão, muito pelo contrário.
            E quem acompanha o futebol brasileiro sabe que nos últimos anos nossos melhores times tem sido mais fracos que nossos melhores times de 15 ou 20 anos atrás.

          • janca

            Isso é muito relativo. O São Paulo levou um sufoco do Liverpool, mas soube se defender, tem um goleiro (Rogério Ceni) que fez ótimas defesas e nos contra-ataques construiu o resultado. Justo. O Inter, no ano seguinte, soube parar o Barcelona, algo que o Santos não conseguiu no ano passado por respeitar demais o rival. Em relação a 15 ou 20 anos atrás alguns times caíram, outros melhoraram, isso também é muito relativo. Aliás é muito fácil e complicado generalizar.

        • Falou bem amigo, os brasileiros deveriam ir para o mundial para jogos simples e não para os jogos da vida. mas tenho que admitir tambem que isso se da em conta da rivalidade dos clubes, acredito que o mundial ficou realmente importante apos as vitorias de São Paulo, sou corinthiano estou torcendo para sermos campeõs mas realmente acho que nossa cultura teria que mudar, e oque nos faltava de verdade era a libertadores e esta ninguem nos tira mais.

          • janca

            Foram as conquistas do São Paulo, especialmente, que ajudaram a mudar a mentalidade dos brasileiros, o que nem acho uma mudança tão saudável assim. Mas acho que a importância dada à Libertadores, muito mais difícil que o Mundial, ainda é maior do que a do Mundial, especialmente no caso do Corinthians, que já havia sido campeão em 2000.

      • Francotimao

        Novamente concordo com vc janca, certamente os europeus não conferem a msm dedicação ao mundial q nós conferimos, mas não significa dizer q eles não se importam com o msm…Abs!!!!

        • janca

          É exatamente isso o que eu quis dizer, Francotimão, você entendeu, pelo jeito nem todos compreenderam meu raciocínio. Abs.

      • CONCORDO COM VC , ELES DÃO IMPORTÂNCIA SIM CARA , NÃO COMO NÓS BRASILEIROS , MAS DÃO SIM . TALVEZ POR ESTAR NO MEIO DE UM CAMPEONATO TALVEZ DIVIDAM O FOCO .

  • Lúcio

    31 mil expectadores no estádio.

    Quase todos, corinthianos.

    Corinthians, da ZL, São Paulo-SP, Brasil, a mais de 18 mil kilômetros do Toyotão…

    Isso é muito maior do que táticas, desempenhos individuais, resultado da partida e, até mesmo, o título do IX Mundial de Clubes.

  • Ton

    Não havia necessidade do Corinthians passar o sufoco que passou hoje. O time egípcio tem lá suas qualidades ofensivas, mas a defesa (pelo que vi no jogo anterior contra os japoneses) é uma peneira. Mas acontece que o timão abdicou do direito de atacar, principalmente após o gol. Tite não é uma mal treinador, mas em vários momentos parece ter muito mais medo de perder do que vontade de ganhar. No segundo tempo ele não precisava do Guerreiro, era só usar o esquema da Libertadores que matava o jogo no contra-ataque, mas ele preferiu colocar o Romarinho e o JH nas pontas para marcar as subidas dos laterais. Eu teria colocado o Martínez e o Romarinho mas para puxar os contra-ataques nos lugares de Emerson (que não foi bem) e do Guerreiro. Quando ele tirou o Douglas ficou um buraco no meio, o time perdia a “segunda bola” e começou aquela putaria de fazer ligação direta.

    Acredito que se o adversário da final for o time inglês, o Timão irá ter outra postura porque o time do Sr. Adenor tem um estilo defensivo de jogar e atua melhor contra adversários teoricamente fortes, como foi contra Santos, Boca e Vasco da Gama.

  • sandrofla

    É Janca, mas o próprio Fernando Torres em entrevista recente reproduzida no Sportv deixou claro que querem vencer sim mas não é tão importante assim…ou está desdenhando ou já justificando um possível mal resultado.
    Abraço!

    • janca

      E o Tite também disse que não será o fim do mundo se o Corinthians perder, porque o mais importante o time já fez, que era ganhar a Libertadores e chegar à final do Mundial. E tem razão.

  • JOAO PAULO BARROS – ACRE

    é JANCA, me desculpe. mas, faz tempoq vc nao dá uma dentro…
    os europeus nao dao a mínima pra esse torneio… oq eu acho uma pena.
    os ingleses entao… eles é q esnobam mesmo. os kras sao tao bestas que quando um time deles sai na fase de grupos da liga dos campeoes, eles nao fasem nem questao q desputem a liga europa…
    falo com propriedade, pq sou corinthiano e todos os dias acesso os principais sites da inglaterra, espanha, frança, portugal e itália. sendo q o únicos q ainda da uma “atençaosinha”, sao os espanhois. q por sinal, ano passado era sempre destaque, pois o BARCELONA tava no mundial… e sem esquecer q eles falorizam muito a liga europa.
    agora, os ingleses…no máximo uma notinha de nada… igual aos jornais de NOVA YORQUE, quando se metem a falar de soccer…
    portanto, como eu disse. é uma pena, mas…
    talvez se tivesse 2 times europeus ou o clube da concacaf fosse um dos EUA com algum astro no elenco. no mais, vai ser sempre assim…

    • janca

      Dois times europeus no torneio??? Pra quê??? Era só o que faltava ampliar ainda mais a competição, como se tivesse data suficiente pra isso no calendário sul-americano e no europeu. Menos, João Paulo, menos, não sei se você está acompanhando mas há falta de datas no calendário. Só falta agora um gênio inchar ainda o Mundial de Clubes. Antes era só o campeão da Europa contra o campeão da América do Sul e não estava de mau tamanho, com todo respeito aos continentes asiático, africano e à Oceania. Mas os times de lá ainda têm que evoluir um bocado.

      • Alexandre

        Mas não é inchar o torneio, é melhorar o nível.
        O time da casa não deveria nem participar. No lugar dele poderia entrar o Campeão Mundial do ano anterior.
        Os campeões da Ásia, Oceania, África e Concacaf disputariam um quadrangular em que só o melhor time se classificaria.
        Este se juntaria ao Campeão da Libertadores, ao da Champions League e ao do Mundial anterior num quadrangular final.
        Acho que seria um torneio bem mais forte e interessante.
        Já pensou:Barcelona, Chelsea, Corinthians e Monterrey num quadrangular?

        • janca

          Mas se Barcelona e Chelsea não estão nem aí para o torneio, como dizem alguns, por que incluir mais um europeu?

          • Alexandre

            Não é incluir mais um Europeu. É incluir o campeão mundial, que pode ser europeu ou não.

          • janca

            Mas que acaba sendo europeu ou sul-americano. Enfim, sou contra, apesar do tropeço do Inter em 2010 acho que o Mundial de Clubes continua sendo disputado por dois times que realmente têm chances: o representante da América do Sul e o da Europa.

          • Alexandre

            Sem querer te convencer, mas só para explicar melhor o meu raciocínio, acho que num jogo só fica tudo muito nivelado, fica muito mais provável a zebra, seja numa semi-final, seja na própria final.
            E, afinal de contas, o Campeonato Mundial deveria servir para apontar o melhor do time do mundo, não?
            Para isso, nada melhor do que permitir que o atual reinante possa defender o seu título contra três fortes desafiantes, de três continentes diferentes.
            De outra forma, se é para continuar como está, com “time da casa” nas quartas-de-final do mundial, com AL Ahly’s da vida na semi-final do Mundial, então seria melhor voltarmos ao Intercontinental pré-Japão: duelo América x Europa, um jogo cá, um lá.

          • janca

            Ou um jogo em campo neutro, como acontecia antes. Mas não acho o atual modelo ruim, porque desgasta pouco sul-americanos e europeus, que fazem apenas duas partidas e se quiserem não passam mais do que uma semana no Japão. Enfim, respeito sua opinião, claro, há gente até que propõe um Mundial de Clubes com 16 equipes, de quatro em quatro anos, o que jã foi cogitado por alguns clubes europeus, que não têm a aprovação da Fifa. Ideias, resumindo, não faltam.

      • É SÓ TIRAR ESSA SULAMERICANA HORROROSA (SEGUNDA DIVISÃO DA AMÉRICA DO SUL) E ABRIR MAIS UMA VAGA NO BRASILEIRÃO DIRETA PARA A LIBERTADORES ESSE SIM O TORNEIO MAIS DIFÍCIL E IMPORTANTE DO FUTEBOL BRASILEIRO E MUNDIAL.IMAGINE UM CAMPEONATO MUNDIAL DE CLUBES COM OS CAMPEÕES E VICE DA CHAMPIONS LEAGUE E LIBERTADORES, SERIA FANTÁSTICO.

  • Caro amigo Janca, vc não acha que ha um menosprezo do futebol brasileiro dentro da própria imprensa esportiva do Brasil? Pois são deles as noticias que levam a crer que na Europa tudo é melhor que aqui, um exemplo é que no jogo United x City, pouco ou quase nada vi sobre algo que acertou o rosto de Ferdinand do United, se fosse aqui seriamos selvagens, ignorantes e que nunca seremos primeiro mundo. outra coisa que eu acho é que é vendido imagens de craques que não existem la, como por exemplo um Ballotelli da vida, ou um Modric. E se o passe de tres dedos que Douglas colocou na cabeça do Guerrero, fosse do CR7 por exemplo, quantas vezes seria vista pelo mundo, seria genio, mas foi só um brasileiro que joga no Brasil. existem bons times mas existem coisas horriveis na europa que não são mostradas aqui.

    • janca

      Acho que há um menosprezo, sim, de boa parte da imprensa esportiva e de boa parte dos torcedores também, que acham que tudo o que vem de fora é melhor. Quando não necessariamente é.

  • Ado Marcelo

    Janca, ja estabelecemos que eles não dão a mesma importância que os latinos, não há quase cobertura da imprensa inglesa segundo relato do pessoal da ESPN brasil. A cobertura por enquanto é local ou brasileira. Quando ganhamos é no sacrifício pois o futebol Europeu como eu já disse em outra ocasião e você discordou, está léguas a frente do nosso. Eu disse que nossos times brigariam com atlético de Madri … Valencia, Roma etc… você disse que ao menos 5 clubes brasileiros brigariam por título nos campeonatos europeus. Eu continuo discordando, mas acho que o Corinthians vai levar essa mesmo assim, com muito sofrimento e provavelmente, jogando pior que seu adversário, o Chelsea.

    • luisão

      Janca

      eu não me conformo com essa arrogância desses ingleses
      Agora imagine uma Premier League somente com jogadores ingleses?
      Seria um campeonato chileno ou colombiano….
      Não é atoa que eles só ganharam uma copa do mundo em 1966 (roubado por sinal da Alemanha)
      Imagine o chelsea sem Oscar, David Luiz e Ramires, Mata, Hazard, isto é somente com ingleses
      Ou o Manch. City, sem Aguero, Balotelli
      A BBC poderia fazer esse levantamento, como seria a Premier League

  • cle

    qtos torcedores do chelsea viajaram desde londres (uma viagem mais tranquila) até o japao para acompanhar o time neste torneio?? Zero….

    • janca

      Foram vendidos mais de mil pacotes para os ingleses. Mas no ano passado o número de pacotes vendidos para torcedores do Santos foi equivalente ao de pacotes vendidos para os do Barça.

  • t.

    janca,

    mas houve declarações do torres, por exemplo, que deram muito a entender que importante mesmo foi ganhar a liga dos campeões, sendo o mundial algo que são obrigados a jogar e ter que se esforçar um pouco, pois ali os sul-americanos querem mostrar seu valor ao mundo e levam muito a sério o torneio. ou seja.

    curiosa essa demonstração implícita de preconceito partindo de um espanhol-hispano-latino, se achando muito europeu, como se geografia… enfim.

    se não me engano, vi isso na espn.

    • janca

      Mas é claro que é muito mais importante ganhar a Liga dos Campeões, disso ninguém tem dúvida, p que não tira do time o desejo de vencer o Mundial de Clubes, que está disputando com seriedade, como fez o Barcelona no ano passado. Se não dessem importância nem o time titular mandariam. E mandaram porque sabem que é um torneio organizado pela Fifa e que tem repercussão.

      • JOAO PAULO BARROS – ACRE

        tah na hora da da FIFA aumentar os valores pro campeao e levar esse torneio pra outros países, inclusive a EUROPA. pq só japao e oriente médio???
        levar pra países como POLONIA q organizou uma EURO e está com os estadios novinhos e doidos pra usarem em outro grande evento… pros EUA, tbm seria muito interessant… JAPAO é frio e longe demais…

        • janca

          Sua ideia é boa, João Paulo. O Mundial, até por conta do patrocinador, começou no Japão, mas não precisa ser lá indefinidamente. Seria bom rodarmos um pouco.

          • ALESSANDRO

            BOA TARDE JANCA PODERIAM LEVAR PARA OS MERCADOS EMERGENTS NO FUTEBOL(EUA,RUSSIA)E PARA PAISES COM INFRAESTRUTURA DE COPA(AFRICA DO SUL,ESPANHA,ALEMANHA,POLONIA,UCRANIA)E DEPOIS DE 2015 DARIA UMA BOA UTILIDADE AOS ESTADIOS ELEFENTES BRANCOS DO BRASIL(FAZER UM MUNDIAL NOS ESTADIOS DE BRASILIA,CUIABA E MANAUS)
            EU TB ACHO Q O MUNDIAL TEM MUITO POUCOS CLUBES SERIA BACANA COM 16 CLUBES DIVIDIDOS EM 4 CHAVES E COLOCARIA A DISTRIBUIÇAO DE VAGAS ASSIM: AMERICA DO NORTE-2,ASIA-2,AFRICA-2,PAIS SEDE-1,OCEANIA-1,EUROPA-5,AMERICA DO SUL-3 ACHOP QUE DARIA UM BELISSIMO TORNEIO.

          • janca

            Mundial de Clubes eu acho mais complicado no formato que você aponta, inclusive porque toma muito tempo e o calendário mundial já anda bem apertado.

  • Rodrigo

    ano passada eu estava na Holanda, todo mundo parou pra assistir o jogo. mas era Barcelona e Santos. todo mundo queria saber quem era o tal do neymar. esse ano nao sei como vai ser, afinal tem mais gente que torce contra o Chelsea do que a favor. e o corinthians idem. mas o ponto q alguem ai tocou foi certissimo. aqui, o campeonato fecha a temporada. lah, fica bem no meio. nao tem como ser a mesma atençao.

    • janca

      Aqui somos muito mais ligados no Mundial do que na Europa, o que não quer dizer que lá eles não sejam, vide o exemplo que você deu de Barcelona e Santos. E o Corinthians, principalmente pela torcida, desperta muito curiosidade. Poucos times conseguem fazer uma invasão como essa.

  • Márcio Cordeiro

    A verdade é que o “Mundial de clubes” acaba não tendo cara de mundial por varios motivos. Entre os quais eu listo aqui:

    – Por que só o Japão sedia o mundial? porque a cidade sede não muda a cada ano?? Isso deixa o “Mundial de Clubes” com cara de “Taça Japão de futebol” em que os campeões continentais são convidados a participar.

    – Porque os clubes europeus e sulamericanos só entram na semi-final??? Todos tem que disputar o torneio de forma igual. Se o esses continentes tem mais tradição, poderia então aumentar o numero de vagas para esses continentes por exemplo, mas esse negocio de ficar esperando os outros jogarem é muito estranho e só tem isso no “Mundial”…

    – Não sei esse ano, mas lembro que em uma edição do torneio tinha a participação do Campeão Japonês. Porque eles e não o Campeão Espanhol por exemplo? ou o campeão Inglês??? Ou mesmo campeão Brasileiro??? Enquanto os clubes do mundo inteiro se matam pra conquistar uma vaga nesse mndial, entra um representante do Japão pela porta dos fundos para participar… É brincadeira…

    • janca

      O primeiro motivo que você aponta deveria estar em pauta e se o Mundial de Clubes tivesse sedes diferentes a cada ano, como a final da Liga dos Campeões tem, como a própria Copa do Mundo, enfim, acho que ficaria mais interessante mesmo.

    • luisão

      Engraçado, quando o Mundial foi disputado no Brasil, todos os rivais diziam que não era válido porque (principalmente os bambis) Porque não foi no Japão, então não tem valor algum, tinha que atravessar o mundo para conquistá-lo…
      Hoje já pensam diferente, acham que deve haver rodizio de sedes igual a copa do mundo…
      Reflitam um pouco….

      • Márcio Cordeiro

        O Luisão, torcedor rival nunca vai admitir os feitos e conquistas dos outros times q

      • Márcio Cordeiro

        O Luisão, torcedor nunca vai admitir os feitos e conquistas dos outros times que não seja o seu. O Fluminense esse ano por exemplo ganhou o BR muito disparado e não falam que foi por conta da arbitragem??? Que em 2011 o Corínthians só ganhou porque no início do campeonato todos os outros times estavam com reservas?? em 2010 foi por conta das entregas e tal… Sempre vai ter um motivinho pra contestar, isso faz parte…

        Agora sem clubismo, Não me recordo o porquê do Corínthians ter sido credenciado à disputa do Mundial se na época quem era o Campeão da Libertadores era o Palmeras que tinha acabado de perder para o Manchester no japão…

  • João Carlos

    A comemoração do Mata no gol q marcou contra o time mexicano foi tão intensa como a de umgol marcado num rachão para descontrair.

    • janca

      Até porque o Chelsea sobrou em campo, foi tão superior que parecia que ganharia o jogo na hora que quisesse.

  • Peter

    Ganharam de 2007 a 2001, porque os europeus têm times realmente de altíssimo nível, que, mesmo com freio de mão puxado, são melhores ainda que sul-americanos, africanos, mexicanos eternos campeões da Concacaf…!

    Mas não comemoram seus torcedores esta competição como nós. Se tens alguma dúvida, procure por aí aquele constrangedor vídeo do Esporte Espetacular onde o repórter Perdo Bassan ficou que nem um bobo na Ramblas de Barcelona tentando explicar que mesmo campeão mundial, a torcida do Barça não foi pra rua comemorar a goleada sobre o Santos em 2011.

MaisRecentes

Santos em SP



Continue Lendo

Fuga de patrocínio



Continue Lendo

Verdão vai às compras



Continue Lendo