Dois pesos?



A diretoria do Palmeiras anda insatisfeita com a CBF. Há reclamações sobre o tratamento dado ao Palestra, que não teria recebido os mesmos “privilégios” do Corinthians. Enquanto o Timão teve seu jogo da rodada deste final de semana do Brasileiro adiado para o dia 11, depois da final da Libertadores, o Palmeiras deve mesmo jogar no final de semana que vem, entre a primeira e a segunda partida da decisão da Copa do Brasil. A partida que o Palestra faria no dia 7 tende a ficar para o dia 8 e não para uma data depois da final contra o Coritiba.

A reclamação procede? Sei não, sei não, porque no caso do Palmeiras não é só o clube paulista que jogaria entre a primeira e a segunda partida decisiva da Copa do Brasil. O Coritiba, o outro finalista, também atuaria. Já o Corinthians não enfrenta um time brasileiro na decisão da Libertadores, então a história parece ser diferente…

O que ainda acho complicado é o calendário do futebol brasileiro. O Nacional começou mais uma vez coincidindo com as fases decisivas da Copa do Brasil e da Libertadores. Talvez não seja por acaso que Palmeiras e Corinthians estejam tão mal na classificação do Nacional. E se perderem as decisões vai ser difícil recuperar os pontos perdidos até aqui. Em 18 disputados, o Timão perdeu 14, o Palmeiras, 16.



MaisRecentes

Nova caminhada



Continue Lendo

O desabafo de Cuca (ainda)



Continue Lendo

As críticas de Cuca



Continue Lendo