Pelé/Coutinho vs. Mano



Se dentro de campo Pelé e Coutinho formaram uma das duplas mais afinadas do futebol brasileiro, quando pararam de jogar os dois tomaram caminhos bem diferentes. Seguem cada um na sua, mas voltam a falar a mesma língua quando o assunto é seleção brasileira. Os dois não têm gostado do trabalho de Mano Menezes e sempre que podem dão uma alfinetada no treinador.

Tanto para Pelé quanto para Coutinho o técnico não vem bem no comando da equipe e em quase dois anos não conseguiu dar um padrão de jogo à seleção. Ambos acham que as “experiências” feitas por Mano de 2010 pra cá não levaram a nada e não entendem como não convoca o santista Arouca.

O coro contra o treinador, porém, não se restringe a Pelé e Coutinho. Romário, que já bateu de frente várias vezes com o maior jogador da história do futebol mundial, tampouco vê o Brasil no caminho certo. E nesse caso, pelo jeito, dá razão a Pelé/Coutinho.

Mesmo aconselhado a largar o osso depois de humilhado publicamente por José Maria Marin, que deixou claro que com ele como presidente da CBF Ronaldinho Gaúcho não iria à Olimpíada e atletas desconhecidos do Leste Europeu não seriam convocados, colocando em dúvida os métodos do técnico para convocar, Mano preferiu abaixar a cabeça e não desistir.

A questão nem é a de entregar a lista de convocados 48 horas antes para Marin, pois já fazia isso com Ricardo Teixeira. A questão é que, ao contrário de Teixeira, Marin gosta de futebol e quer impor suas ideias e vontades para a seleção. Como seu amigo Juvenal faz no São Paulo. Alguns aceitam calado, caso de Mano, outros passam a rugir, caso de Leão. E aí a casa estremece e a crise fica bem evidente.



  • Evando

    O Mano não tem personalidade nenhuma. É um técnico vendido. Ele sabe que é fraco e incompetente, sabe que seu cargo está ameaçadíssimo e, com isso, tenta virar o queridinho da Globo, dando entrevistas exclusivas, participando de transmissões de jogos, indo aos programas esportivos. Essa é a estratégia dele, ficar amiguihno da Globo e da imprensa em geral para que eles amenizem as críticas. É muita incompetência. Aliás, o Mano caiu na seleção de para-quedas, pois não tem nem de longe um currículo que o credencie a assumir tal cargo. O que me deixa feliz é que, como diria Muriciy (outro que eu não gosto) a BOLA PUNE. hehehehe. Ele não dura até a Copa. É Fraco, incompetente e não tem personalidade. Resta-nos saber que assumirá a seleção. Falam em Muricy, outro nome o qual desaprovo. Um treinador retranqueiro e que consegue tornar covarde até o Santo de Neymar (o jogo contra o vélez comprova isso). Aliás a mídia precisa tomar uma posição menos contraditória, pois os mesmos infelizes que pedem Muricy na seleção, são os que pedem um jogo mais ofensivo e um futebol mais vistoso e bonito, coisas que o professor muriçoca não é capaz de proporcionar. Nem sempre o melhor treinador é o que vence. Fica aí a reflexão. Abraços e boa semana.

    • janca

      Oi Evando, o que acho é que se o trabalho não tem base, não tem sustentação, uma hora a casa cai, usando a expressão do Muricy que você também usou, a bola pune. Bajulando a imprensa em geral o Mano até pode ganhar uma sobrevida, como já ganhou, pois até aqui não fez nada em quase dois anos frente à seleção. Mas isso não garante treinador. E concordo que nem sempre o melhor treinador é o que vence, mas grandes treinadores, como Telê Santana, que não foram campeões pelo Brasil, embora tenham conquistado outros títulos importantíssimos (vide Telê no São Paulo), entram para a história. Pois um legado não é só feito por títulos. É feito por algo mais. E até agora, na seleção, Mano não tem uma coisa nem outra. Legado zero. Quase como o legado do Pan _rs. Abs. e boa semana também, Janca

    • Denis

      Quanta merda… mas e ai quem você indica pra assumir a seleção??? Falou falou… e nada.

    • Cassiano

      Se não tirarmos esse incompetente do Manos Menezes infelizmente passaremos vergonha na Copa do Mundo. Dou toda razão para o Marin de querer olhar a lista… quando o funcionário é fraco temos que fiscalizar o que ele faz. Só acho que o Marin tem que mandar o Mano embora!!!!!!!!!!!!
      FORA MANO!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! CHEGA DE CONVOCAÇÕES DESCONHECIDAS!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  • sandrofla

    Foi um equívoco achar que Mano Menezes já teria bagagem para dirigir a seleção nacional. Na verdade quem o colocou lá sabia disso e nós sabemos os motivos de o terem contratado. O problema agora é que há 20 anos o presidente da confederação só abria os olhos aos lucros – perdendo ou ganhando – e agora o atual presidente quer discutir futebol pois entende que sabe tudo sobre o assunto.

    • janca

      Oi Sandro. Na verdade até acho que a estratágia do atual presidente é dar foco à seleção, coisa que não vinha sendo feita, deixando a infra da Copa pro governo se explicar pra Fifa e a população. Mas se não confia no técnico não deve mantê-lo. Melhor colocar outro. E o Mano já era pra ter saído nem ontem, anteontem. Ou nem ter entrado do jeito que está trabalhando.

  • Tiago

    Zé Maria Marin adooooooora medalhas. Pensa só ele levando a dele nas Olimpíadas. Realização pessoal total. Pode encerrar a carreira de medalhas com um ouro kkkkk

  • Tiago

    Ronaldinho Gaúcho ex-jogador em atividade como fala o Renato Maurício Prado. Fez nada no Flamengo, só um técnico como o Mano pra pensar em chamá-lo pras Olimpíadas. Nessa hora o presidente tem que intervir. Melhor intervenção seria dispensar o Ronaldinho Gaúcho e o técnico juntos. Serviço pela metade nunca acaba legal.

  • Tiago

    Pq. será que o Mano não desiste? Será que é porque é amigo da Globo? O Dunga foi bater de frente e ninguém nunca mais ouviu falar dele. Sumiu do futebol, Janca, sumiu, não dá entrevista, a volta por cima pode ser um desabafo tipo Xuxa no Fantástico. Globo ganha audiência e faz as pazes com o Dunga que pede desculpas e volta a ser técnico de futebol e a aparecer.

    • janca

      Audiência, audiência… Há coisas _tudo bem que talvez não seja exatamente o caso das empresas de comunicação em geral_ mais importantes do que isso. E o direito à privacidade é uma delas. Você pode fazer seu trabalho da melhor forma possível sem ficar fazendo média com A ou B. Uma dose de hipocrisia é necessária e é mesmo pra todo convívio social, mas pra tudo há limites.

  • VAI TIMÃO

    DIRIGENTE CONFIA EM TÉCNICO OU NÃO CONFIA. SE NÃO CONFIA, DEMITE, ORA POIS. JUJU AFASTOU PAULO MIRANDA, VAI AFASTAR O RODOLPHO AGORA? CHUPA SÃO PAULO. VAI TIMÃO. AMANHÃ É NÓIS NA FITA

  • S4n7astico 5oberan0

    Bom dia Janca.
    O Mano é ruim e não entende nada de esquema tático, o cara está mais perdido do que cachorro que cai de mudança em outro Estado. A CBF fez o maior retrocesso com o futebol da seleção. Nossos treinadores são muito ultrapassados e nem mesmo o Muricy escapa, pois no final do ano assistiu calado ao vareio de bola do Barcelona. Na semana passada levou outro vareio do Velez.
    Acho que está na hora do futebol brasileiro começar a importar técnicos.
    Além disso, a safra de jogadores é ruim.
    É verdade que o Marin aumentou o próprio salário para 190 mil?
    Grande abraço…

    • S4n7astico 5oberan0

      Só completando meu comentário… se o Felipão e o Luxemburgo ganham 600 ou 700 mil por mês em seus clubes, acho muito justo a CBF colocar o Mourinho como técnico da seleção e pagar uns 2 milhões prá ele. Dinheiro eles em de sobra e jogam fora (e roubam) de qualquer jeito.

      • janca

        Ou podiam trazer o Guardiola, o Bielsa, nomes não faltam lá fora. E bons. E competentes. E trabalhadores. Abs.

        • Lucas

          Concordo plenamente. O Brasil sempre produziu gênios que resolviam sozinhos os jogos, não precisávamos de grandes técnicos, bastava um retranqueiro colocar 3 zagueiros e 2 volantes e deixar Ronaldinho, Rivaldo, Romário, Ronaldo e outros brilharem lá no ataque.

          Mas agora estamos numa entressafra de jogadores e o próprio futebol está mais forte taticamente, nem um gênio como Messi consegue brilhar sozinho.

          Precisamos de um técnico que ensine nossos jogadores a tocar rápido, se movimentar e jogar com compactação. E os nomes são ótimos, Guardiola e Bielsa são geniais.

          • janca

            É, Lucas, nesse momento eles (um Guardiola ou num Bielsa, por exemplo) poderiam fazer a diferença, sim. Mas acho que jogadores até temos, a seleção olímpica vai ser parecida com a principal, pelo menos tem tudo pra ser. O que falta, nesse momento, é um técnico de verdade. Sem falar na estrutura da CBF que não dá. Marin, como Teixeira, não. Abs. Janca

    • janca

      Que eu saiba aumentou para 160 mil reais, Santástico, o que já está mais do que bom _risos. Insisto que o Marin é péssimo dirigente e de resto concordo com o que você escreveu. Deveríamos importar técnicos, sim, inclusive para a seleção brasileira, tenho defendido isso há tempos. Abs.

      • loko 2014

        pode trazer técnico de onde vocês quiserem, se não der tempo para seleção treinar não tem quem resolva, falam de BIELSA, o time dele ( ATLÉTICO DE BILBAO ) levou um baile do ATLÉTICO DE MADRI que é treinado por um técnico fraco, se der tempo qualquer técnico médio pode fazer um bom trabalho mas quanto a ser campeão já depende de detalhes , eu gostaria que aqueles que criticam o trabalho do MANO, escalem a seleção com idade OLÍMPICA que eles convocariam, mas não me venham com porcaria como este Arouca de volante nem idade olímpica tem

  • @R9Sal

    Concordo que o trabalho do Mano até aqui não é bom, mas o problema pra mim é outro e bem mais grave.
    Vai tirar o Mano e colocar quem? Murici, que estudou o Barcelona por 6 meses e não viu a cor da bola no Japão? Joel “prancheta” como o Romario sugeriu? Brincadeira né.

    Nossos times estão totalmente defasados tatica e fisicamente. Um jogador que atua nas grandes Ligas Européias corre em media quase 10km/jogo. No Brasil, 7 ou 8 km no maximo.

    Nossos times não conseguem – e não tem organização tatica pra isso – marcar forte o campo todo, pressionar o toque de bola adversario. Corinthians do Tite faz por 20, 25 minutos pois falta pernas. Faz 1×0 e depois enfia todo mundo dentro da intermediaria e da-lhe sufoco até o apito final. De posse de bola dependemos de lampejos individuais, nada de coletivo.

    Mano de 2009 no Corinthians era excelente. Assistam o gol do André Santos contra o Inter http://www.youtube.com/watch?v=sbaX3ZilSrs e vejam o que é um gol coletivo. Esse era o Corinthians do Mano 2009, muito bem trabalhado taticamente. 3 atacantes e forte na defesa, jogadores sabiam como se deslocar com a posse de bola. Infelizmente esse tecnico se perdeu e não vejo outro. A não ser estrangeiro

    • Lucas

      Não se perdeu, acredito que essas Olímpiadas serão a virada de jogo. Não sei se se recorda, mas a Alemanha de 2008 vivia uma situação semelhante à do Brasil, porém com o bom rendimento de Özil, Müller, Neuer e Kroos nas Olímpiadas ela deu um enorme salto de qualidade.

      • @R9Sal

        Acho que a Alemanha viveu uma grande crise em seu futebol no periodo anterior a Copa de 2006. Situação até parecida com a Seleção Brasileira atual. Chegar a semi-final daquela Copa foi como um titulo pros alemães pois esperavam um vexame.

        Mas a diferença pra mim é que os alemães tiveram na quela oportunidade a humildade de reconhecer que seu futebol estava ultrapassado e trabalharam forte pra evoluir. Não vejo isso aqui no Brasil. Aqui segue o ôba-ôba, não perceberam que o Brasil já é o sexto no ranking da fifa e caindo. Sustentam que Neymar ta no mesmo nivel do Messi, Brasileirão é o melhor campeonato do mundo e vamos em frente, problema é o Mano

        • janca

          E uma diferença, R9Sal, é que os alemães souberam reconhecer algumas limitações de sua seleção naquele momento, chegar às semifinais _e por pouco não chegam às finais_ foi um feito, sim, muito comemorado, só que o alemão festejou também o resgate da autoestima do país, que trabalhou muito bem na organização do Mundial. E conseguiu montar uma base forte para 2010, segue com base forte pra Eurocopa e o Mundial no Brasil, investiu muito na base e em centros de treinamento. Uma estrutura incrível. Nem isso estamos fazendo.

  • Anderson Leite

    Bom dia! Em um país que quem manda é um bicheiro tudo acontece. Um jogador de médio a ruím como o dunga foi técnico da selecão, sem a menor esperiência no cargo, o antigo presidente da entidade, que eu não gosto nem de digitador o nome dele, não tinha gritério para escolher a pessoa certa.
    O interessante para ele nunca foi o bem do futebol, e sim aumentar seu patrimonio e como se desligou da entidade e saiu da mídia, passará batido.
    Como acontece com todos aqui nesse país!

    • janca

      Oi Anderson, bom dia pra você também. De fato num país onde vemos o Cachoeira comandando boa parte das ações e o pessoal da CPI pelo jeito não querendo que as investigações avancem muito e protegendo os “seus”, a coisa é complicada. Mas sabe que acho que o Dunga de certa forma foi injustiçada na seleção? Morreu _como técnico da seleção_ abraçado em suas convicções. Mas teve méritos e o Brasil fez grandes jogos, especialmente nas eliminatórias, Copa das Confederações, enfim, que muita gente esqueceu. Sobre o ex-presidente da CBF sem comentários, mas é uma pena que caia no esquecimento. Aonde ficam as denúncias? Vão adiante ou ele saiu e fica por isso mesmo? Abs. pra você, Janca

      • Fabio

        Janca,

        Ele podia ter ganhado tudo, mas perdeu a Copa, o que realmente importava. O Corinthians tem todos os títulos que você imaginar, menos a Libertadores, o que hoje é importante. Injustiçado o Dunga? Não…

        • janca

          Oi Fabio, não digo injustiçado, o que disse é que ele morreu abraçado com suas convicções. Concordo que falhou na Copa, não estou dizendo que não, como falhou o goleiro Júlio César, por exemplo. Mas não acho que a Copa, apesar de ser o torneio mais importante de futebol do mundo, possa ser usado como único parâmetro de avaliação. O jogar bonito também conta. E por incrível que pareça o Brasil, antes do Mundial, fez alguns jogos memoráveis. Com o Mano, até agora, nem isso. Daí as críticas de Pelé, Coutinho e tantos outros. E as minhas também, por que não? Em relação à Libertadores, com a globalização do futebol virou obsessão para o Corinthians. Mas em outros tempos um Paulistão era mais valorizado pelas equipes que o torneio sul-americano. Os tempos mudaram. E se o Corinthians não vencer essa Libertadores e dependendo da forma como isso acontecer, se acontecer, claro, a casa pode cair… Obsessão é uma coisa complicada, Fabio. Abs.

  • Oduvaldo Attilio

    Sei que no Brasil, dizem que somos 170 milhões de treinadores, mas ainda não entendi o porquê do Mano insistir em Ronaldinho Gaúcho – que graças à diretoria incompetente, está sugando meu Mengão – Fernandinho e outros “craques” lá do leste europeu…será mesmo que aqui no Brasil nós não temos material humano melhor?? Basta o cara ir lá pros cafundós da Europa para merecer vaga na seleção?

    • janca

      Também penso como você, somos quase 200 milhões de técnicos, cada um com uma opinião, mas Ronaldinho Gaúcho, neste momento, não. Foi bom o Mano ter levado um pito porque não dava pra chamá-lo agora. E temos jogadores aqui, sim, vários em melhores condições do que alguns que estão no Leste Europeu e vinham sendo lembrados por Mano.

  • HUGO SANTOS

    SIMPLES ASSIM, CBF SEMPRE TEVE JOGO DE INTERESSES, VISTO O TAL DO ANDREZ SANCHEZ ESTAR LÁ, O QUE ELE FEZ PARA ESTAR LÁ? OU O QUE LE FAZ LÁ? E MAIS FALANDO EM TECNICOS, O MURICI GANHA CAMPEONATOS COM UM GRANDE TIME QUE O SANTOS FC TEM, MAS QUE ELE AMARRA O ATAQUE, ISTO É TÃO CERTO QUE SE O ADVERSÁRIO MARCA O NEYMAR, O SANTOS FC. NÃO JOGA. Obs. Já ví tecnicos de times com elenco bem inferior, dando trabalho para o Muricy.

  • Roberto

    ME DIZ Aí GALERINHA SE NÃO FOSSE O MANO SERIA QUEM ? MURICY NA ÉPOCA RECUSOU , é tudo igual , ja fizeram issu com o felipão na época , a rede globo até fez uma globo reporter falando que a seleção não jogava nada essas coisas …. e ele foi campeão em 2002 …. eu quero que o mano cale a boca de todos vocês …. antes reclamavamos que não eram convocados certos jogadores , que só eropeús eram convocados , agora que um treinador faz testes vocês ficam sempre falando da mesma merda .

  • GILSONSJC

    #FORA MANO MENEZES

    #MURICY JÁ

    SELEÇÃO BRASILEIRA
    RAFAEL
    DANIEL ALVES
    DAVID LUIZ
    THIAGO SILVA
    MARCELO
    CASEMIRO
    AROUCA
    LUCAS
    GANSO
    NEYMAR
    LUIS FABIANO

    TEC: MURICY RAMALHO

    • janca

      Luís Fabiano? Sei não… E o Hernanes? E o Ramires? De qualquer jeito bons nomes temos. E a nova geração tende a amadurecer até 2014. O que falta é a CBF e o Mano Menezes trabalharem de verdade e acompanharem melhor nossos jogadore. Nem uma base o Mano conseguiu formar até aqui… Abs.

    • janca

      Ok Muricy ou Abel Braga, gosto muito do Abel, mas ainda prefiro um técnico de fora. Abs. de novo, Janca

  • Jaiminho

    O Mano só está na Seleção porque era treinador do Corinthians. Todo mundo sabe. A mídia faz um carnaval pra agradar o Corinthians. É um time que vive de mídia, de marketing. Não é nem de longe um time soberano. Além disso, já vendeu sua alma à mafia russa ha uns tempos atrás, coisa de timinho sujo sem dignidade. Agora eles de vendem pra CBF. Esse é o Corinthians, a vergonha do Brasil. E o Mano só está lá pq quem joga ou treina o Corinthians, pra imprensa vira Deus. Já quiseram me nos botar guela abaixo que LULINHA era craque. HAHAHAHAHHAHHA. Esse Corinthians, é até bom que exista, pois nos propociona muitas risadas. Timinho sem vergonha.

  • Renan

    Ótimo post.

    • janca

      ??? Sério? Obrigado de qualquer jeito.

  • Rafael

    Que me perdoem os Gaúchos, mas tenho a impressão que depois da onda de “Escola Gaúcha de Tecnicos” o Brasil só se afundou. Perdemos a nossa identidade de futebol arte, agressivo.

    Felipão, Tite, Mano Menezes, Muricy Ramalho (apesar de ser paulista), Roth… todos ganharma algum título importante jogando de forma feia e defensiva nos últimos anos. E os clubes (que vivem de títulos) seguiu apostando nesse tipo de treinador.

    Apesar de tudo o Luxemburgo ainda joga pra frente, joga pra ganhar. Uma pena que ele se preocupe mais com o poker e com esse papo de Manager. Se colocasse a cabeça no lugar era o treinador do Brasil hoje.

    E não venham me dizer da Copa de 2002, porque nenhum jogador daquele time tinha o estilo de Gremio, Palmeiras e outros da década de 90.

    • Jaiminho

      legal é jogar bonito como a Espanha em 2010 e ser o campeão de Copa com o menor numero de gols marcados na historia. 8 gols em 7 jogos.

  • Paolo

    nao sou brasileiro mas lamento que a seleçao esta indo atè o desastre na copa de 2014…ou alguem no Brasil ainda acha que vao ganhar a copa sem jogadres de talento e sem tecnico?? Torcida nao ganha jogo e ainda mais a brasileira que aos 20 minutos começa a vaiar se nao estao ganhando.
    Neymar?? ok mas è quase sò ele e ainda internacionalmente ainda tem que demonstrar muito

    • janca

      O Brasil pode não ganhar a Copa _e talvez a torcida vaiando aos 20 minutos, como você diz, seja um adversário a mais_, mas ainda dá pra não fazer feio. Pelo contrário. Pra fazer bonito. E ainda acredito que dê pra ganhar o ouro em Londres, apesar da preparação péssima para o evento. E gostaria de ver o Brasil na Olimpíada nas mãos do Ney Franco, responsável pela classificação, e não na do Mano. E o Brasil não é só Neymar + 10. Aí discordamos. De qualquer forma acho que a seleção deveria ter marcado mais amistosos por aqui até pra se aproximar da torcida. Pra blindar Mano Menezes de vaias e críticas, Ricardo Teixeira marcou amistosos lá longe. E pra faturar mais também… Puro interesse comercial.

  • ageu c. b.

    Acredito que a culpa não seja só do Mano, pois tem muitas coisas obscuras envolvidas, como a insistencia do Ronaldo Gaucho e alguns jogadores do Leste Europeu, será que realmente é ele quem convoca esses jogadores??
    E, convenhamos, a safra de jogadores está fraquissima, desde a copa de 2010, já não temos os mesmos jogadores, e quando aparecem, já somem para a Europa, e nem sequer jogam um campeonato estadual, brasileiro, copa do brasil, e se acustumam com o dinheiro europeu, pompa e o luxo da europa, e parecem perder a identidade com o brasil, e jogar na seleção seria uma coisa natural, por isso não existe mais tanto amor à amarelinha como antes.
    Se fosse eu o treinador da seleção convocaria somente jogadores do brasil, e colocaria a aprtir de ontem para jogarem juntos, segue minha seleção;

    1 – rafael
    2 – cortez
    3 – dedé
    4 – leandro castan
    6 – fagner
    5 – ralf
    8 – paulinho
    10 – ganso
    7 – oscar
    9 – leandro damiao
    11-neymar

    • janca

      Fraquíssima não está, não. Pensamos diferente sobre isso. Temos bons valores que podem ser bem lapidados pra 2014. Pelo menos eu acho.

MaisRecentes

Saída de Lucas Lima



Continue Lendo

Dorival bombardeado



Continue Lendo

A grana de Nuzman



Continue Lendo