Campeão sem vitórias?



E se o Paraguai levar a Copa América sem vencer nenhum jogo no tempo regulamentar e tampouco na prorrogação? Não faz mal. Está de acordo com o regulamento? Está. Se isso acontecer, portanto, será absolutamente legítimo.

Sinceramente não consigo entender a discussão sobre se será justa ou não eventual conquista paraguaia.

Apesar de não entrar na decisão como favorito _imagino que a taça ficará com os uruguaios, que têm melhores jogadores e um time mais entrosado_, mesmo que empate novamente e também na prorrogação, se vencer nos pênaltis o mérito será todo do Paraguai.

Pois com três empates conseguiu passar para as quartas-de-final. Segurou o 0 a 0 contra o Brasil e levou a decisão para os pênaltis. Não tem culpa se converteu duas cobranças em três e os brasileiros perderam as quatro que bateram.

Depois empatou com a Venezuela e mais uma vez ganhou nos pênaltis. De forma legítima.

Os pênaltis fazem parte do jogo. Dependem do talento dos batedores _e de seu sangue frio e controle emocional, incluindo o do goleiro.

Portanto, se empatarem outra vez, agora com os uruguaios, mas vencerem nos pênaltis, nada mais justo que levantem o troféu. Pois, neste caso, não teriam vencido ninguém nos 90 minutos e na prorrogação, mas também não teriam perdido. E nos pênaltis obteriam sua terceira vitória consecutiva. Seriam os legítimos campeões jogando com o regulamento nas mãos. Para mim, sem discussão.



MaisRecentes

Nova caminhada



Continue Lendo

O desabafo de Cuca (ainda)



Continue Lendo

As críticas de Cuca



Continue Lendo