A vida não é justa



A Colômbia acaba de ser eliminada da Copa América, levou 2 a 0 do Peru na prorrogação.

Volta a velha pergunta, a de sempre no futebol quando o time que faz a melhor campanha, cria as maiores chances de gol e domina a partida é eliminado. O resultado foi justo? A desclassificação foi merecida?

A resposta não é tão difícil assim, é? A vida é justa? Não, então por que o futebol seria?

Cá entre nós, a Colômbia perdeu o jogo pois desperdiçou um pênalti no segundo tempo, não aproveitou as oportunidades que teve e seu goleiro falhou duas vezes. Simples. O Peru aproveitou e venceu.

O regulamento não era esse? A campanha na primeira fase já não valia mais. Vale quem ganha o mata-mata. E quem ganhou foi o Peru, que tem um time inferior ao da Colômbia, mas soube jogar fechadinho, teve a felicidade de ver os colombianos perderem um pênalti e marcou duas vezes na prorrogação.

Justo _acho que foi_ ou injusto não interessa. Interessa que fez seu papel, os jogadores cumpriram o que o técnico determinou e a estratégia deu certo. E lá seguem os peruanos para as semifinais. Fico contente por eles. E deixo que Argentina e Uruguai meus colegas do LANCE! e do Lancenet, certamente mais competentes do que eu para comentar futebol, analisem. Pois vou ver pela TV e… torcer para a Celeste, ok? Abs. a todos, Janca

 



MaisRecentes

O discurso de Tite



Continue Lendo

A reeleição de Galiotte



Continue Lendo

Cadê os patetas?!?



Continue Lendo