Homens e mulheres



Por que torcemos tanto pela seleção feminina de futebol do Brasil e somos tão críticos com a masculina?

Porque a seleção de Mano Menezes tem tratamento vip, os jogadores são muitíssimo bem remunerados, a história do Brasil, único pentacampeão do mundo, fala por si só, queremos espetáculo e temos o direito de pedir por espetáculo. Que não estamos vendo há algum tempo…

Com a equipe de Kleiton Lima, que fez um excelente trabalho com as meninas do Santos e agora está na seleção, é diferente. Com raríssimas exceções as jogadores lutam para sobreviver, não vivem no luxo, têm pouco apoio no Brasil e pouco apoio da própria CBF.

Enfim, foram crescendo na raça. Fizeram o futebol feminino existir no Brasil _ou pelo menos a seleção existir.

Merecem todo nosso apoio, mesmo com a bobeada que deram no finalzinho da prorrogação de hoje, permitindo às norte-americanas chegarem ao empate e levarem a decisão aos pênaltis.

E daí perdemos. Daiane, que marcara um gol contra no início do jogo, desperdiçou sua cobrança de pênalti e os Estados Unidos passaram às semifinais do Mundial da Alemanha. Vai precisar de todo o apoio pois hoje será um dia difícil para ela pegar no sono. E amanhã, depois de amanhã… Mas a derrota faz parte do esporte. E os erros também.

Melhor perder assim, lutando e jogando bola, do que perder por falta de vontade.

E como o futebol feminino melhorou nos últimos 15 anos… Acompanhei pela TV a campanha da seleção feminina nos Jogos de Atlanta, em 1996, havia erros primários, inclusive de posicionamento tático, e não só do Brasil, que chegou em quarto, mas de outras seleções. Hoje é diferente. Dá gosto ver as mulheres jogarem. O futebol feminino já é uma realidade, vide os estádios lotados no Mundial da Alemanha.

O jogo hoje contra os Estados Unidos foi incrível e é prova disso.

Agora com a eliminação do Brasil as norte-americanas pegam a França na quarta em Monchengladbach, cidade que conheci na Copa do Mundo de 2006, mas da qual não me lembro. Curioso, tenho ótimas recordações das viagens que fiz pelos cinco continentes, mas não necessariamente dos lugares. Confundo uns com os outros. Preciso de um GPS, mas até para acionar o GPS tenho dificuldades. Sou do século passado, afinal. Mas a questão não é essa. É que tenho problemas com espaço, caminhos…

Só que hoje não é isso o que interessa, pelo menos não para vocês. Interessa que perdemos e estamos fora do Mundial. Mas agora tem o vôlei. Espero que vençamos. Mas se não vencer nossa seleção masculina, dirigida por Bernardinho, ela já está na história do esporte. Ganhou título e mais título, ganhou tudo o que podia. Seja qual for o resultado contra a Rússia, já é campeã. Ao contrário do time de Mano, que ainda tem muito a provar.



  • janca

    É, e a Rússia acaba de vencer o Brasil no vôlei masculino, é campeã da Liga Mundial. Vitória merecida, mas o Brasil fez uma bela partida. Teve um adversário muito difícil pela frente, conseguiu levar o jogo para o último set e mesmo um tremendo erro da arbitragem para a Rússia não serve de desculpa pois num set anterior o mesmo juiz já havia errado em favor do Brasil e os russos foram mais competentes para definir a partida. Dois grandes times e o Brasil sai do torneio com a cabeça erguida. Grande partida de Murilo e Bruno.

MaisRecentes

Galiotte cobrado



Continue Lendo

Palmeiras ferve



Continue Lendo

Cuca continua?



Continue Lendo