Itamar e Perrella



Conheci Itamar Franco em Nova York, em 1997, quando ele se encontrou lá com o então presidente Fernando Henrique Cardoso e estava propenso a lançar sua candidatura à presidência da República, o que atrapalharia os planos de FHC que rumava para a reeleição.

Itamar foi um político genioso, temperamental, cujo governo foi o responsável pela criação do Plano Real, fundamental para a economia brasileira. Muitos não lembram que José Sarney deixou a presidência com mais de 80% de inflação por mês…

Triste que com sua morte assuma uma cadeira no Senado por Minas Zezé Perrella, conhecido por ter sido presidente do Cruzeiro. E triste porque figuras como Itamar fazem falta ao cenário político brasileiro. Entre Itamar, Sarney e Collor sou muito mais Itamar. Embora goste de Lula, em quem votei mais de uma vez, mas me decepcionou com a ligação com Sarney e o próprio Collor, hoje parte da base aliada. Como me decepcionei com FHC quando se aliou ao antigo PFL e Antonio Carlos Magalhães. Política, política, coisa complicada de entender…



  • janca

    Ops, e antes que me critiquem pelo post não me esqueci que Itamar foi vice do Collor e só por isso chegou à presidência. Mas mesmo quando Collor era presidente Itamar gostava de fazer oposição a ele. Mesmo assim é o que digo: Política, política… Vá entender…

  • Tarcísio Rezende

    Com a morte de Itamar, o Brasil piora um pouco mais, a coisa está de “Itamar pra pior”!

  • janca

    De Itamar pra pior é boa _risos.

  • Abertura em BH!

    Perrella no Senado!

    • janca

      Risos. Abs. João

MaisRecentes

Del Nero apoia Doria-18



Continue Lendo

A dívida do Verdão



Continue Lendo

O clima para Rodrigo Caio



Continue Lendo