Valdivia alerta para possível ‘inferno’ em caso de derrotas