Rodriguinho rebate críticas: ‘Sou volante, tenho que marcar’




Titular do Corinthians em todas as partidas comandadas pelo técnico Cristóvão Borges e autor de um gol e uma assistência neste período, o volante Rodriguinho admite que parte da torcida alvinegra e dos críticos ainda não “engoliram” sua boa fase na equipe. Em entrevista coletiva concedida nesta terça-feira, três dias depois após marcar na vitória fora de casa, por 2 a 0, contra a Chapecoense, o camisa 26 fez uma espécie de desabafo. O próprio corintiano chegou a dizer que sua manifestação não era “nem reclamação e nem desabafo”, mas expôs insatisfações sobre o modo como ainda é visto pela opinião pública.



MaisRecentes

Os maiores campeões das principais ligas nacionais europeias



Continue Lendo

Editor do L! analisa opções caso se concretize a saída de Jesus do Fla



Continue Lendo