Marcelo Fernandes descarta escalar jogadores ‘no sacrifício’