Corinthians ‘finaliza’ 1º turno com a melhor defesa pela quinta vez seguida



O Corinthians está fechando o primeiro turno do Campeonato Brasileiro com a melhor defesa pelo quinto ano consecutivo. A equipe de Fábio Carille iguala até agora o desempenho do melhor sistema defensivo já montado na história dos pontos corridos, do São Paulo de 2007 (terminou a campanha com 19 gols sofridos em 38 rodadas). Após 17 jogos, o Timão foi vazado oito vezes, mesmo número do time de Muricy Ramalho há dez anos nesta etapa do Brasileirão (veja acima as melhores defesas na 17ª rodada e quem terminou com o melhor desempenho defensivo ano a ano).

Desde 2013, o Timão entra na reta final do turno com a melhor defesa do campeonato e abre o returno sendo o time menos vazado. Só em 2016 o rendimento piorou no segundo turno e o Corinthians não terminou com os melhores números defensivamente (ainda assim acabou com a 7ª melhor defesa). O desempenho do setor em 2017 em 17 rodadas só não é melhor do que o do Alvinegro de Tite em 2013, que tinha sofrido sete gols nesta altura da competição. Há quatro anos, o Corinthians fechou o Brasileirão com uma das melhores defesas da história (22 gols), mas ficou apenas em 10º lugar por conta do baixo desempenho ofensivo, com excesso de empates (17). Foi a chamada “empaTite” no fim de um dos trabalhos do treinador.

Melhor defesa do Brasileirão em três das seis edições disputadas na década, campeão em 2011 e 2015, o Corinthians consolidou um modelo de jogo extremamente eficiente na defesa, que vem desde a primeira passagem de Mano Menezes (subiu com o time da Série B para a Série A em 2008). Foram poucos os momentos em que o time saiu da linha neste aspecto, como no returno de 2016, quando o clube fez escolhas erradas, com Cristóvão Borges e Oswaldo de Oliveira no banco de reservas. É bom lembrar que o Timão, há um ano, era igualmente líder, e com a melhor defesa, do Brasileirão (12 gols sofridos e 33 pontos). O campeão Palmeiras estava um ponto atrás e terminou o torneio sendo o menos vazado.

As melhores 17 rodadas da história dos pontos corridos, com 41 pontos, têm muito a ver com a solidez defensiva do Corinthians. Mas não apenas isso, já que o time tem o segundo melhor ataque, com 27 gols, contra 32 do vice-líder Grêmio. Ninguém chega a 32 jogos sem perder no ano, segunda maior série em quase 107 anos de história do clube, se não trabalhar muito bem na frente e atrás. Ser extramente organizado sem a bola é um grande mérito. A história comprova: o que faz o Alvinegro até agora é muito acima da média. Uma hora irá perder, inevitável. Mas desandar, principalmente no que diz respeito à defesa, é improvável. Para registro: a melhor defesa de todos os tempos do Brasileirão é do Palmeiras campeão em 1973, vazada apenas 13 vezes em 40 partidas.

Na era dos pontos corridos, os campeões tiveram as melhores defesas em 2006 (São Paulo), 2007 (São Paulo), 2010 (Fluminense), 2011 (Corinthians), 2012 (Fluminense), 2015 (Corinthians) e 2016 (Palmeiras). Em sete de 14 edições. O Timão caminha mais uma vez para fechar o primeiro turno como o menos vazado do Brasileirão – o Santos, com 11 gols sofridos, é um candidato a mudar o cenário nas duas rodadas que restam.



MaisRecentes

Noite histórica na Bahia! Seja bem-vindo, VAR!



Continue Lendo

Um voo de Copa e a frustração de um ‘quase jogador’ peruano



Continue Lendo

WTorre é procurada para repetir ‘modelo Palmeiras’ e diz não



Continue Lendo