Small-ball não parece o termo certo



Baseando-se em formações táticas que utilizam jogadores cada vez menores no lugar dos tradicionais pivôs, costuma-se dizer que estamos na era do small-ball na NBA, nome dado em clara referência à diminuição de tamanho daqueles que, historicamente, são os mais altos em quadra. Mas um olhar mais atento mostra que o rótulo escolhe uma amostra que não corresponde à totalidade da liga.

A recente revolução estatística na NBA fez com que os times busquem cada vez mais tiros de três pontos – os de maior valor – e arremessos próximos à tabela, como bandejas e enterradas – os de mais fácil execução. A substituição de um jogador que costumava ficar mais próximo ao garrafão, historicamente mais alto, por um que se posiciona no perímetro, tradicionalmente mais baixo, dá uma opção a mais nas bolas de três e, ao mesmo tempo, abre caminho a infiltrações em busca do aro.

Provavelmente o jogador mais popular da história da NBA, Michael Jordan dividiu as quadras com jogadores de garrafão muito altos em sua carreira. No Dream Team de 1992, por exemplo, foi colega dos pivôs Patrick Ewing, de 2,13m, e David Robinson, de 2,16m. No ano passado, o Golden State Warriors foi vice-campeão da NBA com Draymond Green, de 2,01m, atuando como pivô em cerca de 7,7 minutos por partida.

Enquanto Jordan brilhava, Magic Johnson, de 2,06m, era considerado um armador alto para a posição. Seu reserva no Dream Team era John Stockton, de 1,85m. Na temporada 2016/2017, temos jogadores como LeBron James, de 2,03m, e Giannis Antetokounmpo, de 2,11m, comandando ataques em Cleveland Cavaliers e Milwaukee Bucks, respectivamente. Além deles, Ben Simmons, de 2,08m, se machucou antes de fazer sua estreia pelo Philadelphia 76ers.

Ídolo do Bulls, Jordan jogou na franquia de 1984 a 1988 entre idas e vindas da NBA. No período, a maior média de altura da liga foi 2,02m, em 1986, e a menor foi 1,98m, em 1990 e 1992. A temporada 2016/2017 começou com média de altura de 2,00m.

Não estamos diante de uma diminuição, e sim de uma uniformização. Small-ball não parece o termo certo.



MaisRecentes

MVP pode sair das mãos dos favoritos



Continue Lendo

Jogo das Estrelas e as opções da Seleção



Continue Lendo

Dawn Staley e o Dia Internacional da Mulher



Continue Lendo