CAMISA 12



(publicada ontem, no Lance!)

INVERSÃO

1 – O gol no início, antes dos dez minutos, não surgiu de uma pressão incontrolável, como até se poderia esperar. O Atlético não foi o “galo doido” que sabe ser, mas um time que atacou com sobriedade nos primeiros movimentos. Gol de jogada aérea com atacantes posicionados, uma das marcas atleticanas.

2 – O detalhe que ajuda a explicar o gol: Mayke era o marcador de Luan na área. Enquanto a primeira bola entrou e saiu, o lateral cruzeirense acompanhou o recuo de Luan para evitar o impedimento, mas sempre à frente do atacante atleticano. Veio o cruzamento de Marcos Rocha e Mayke marcou a bola, permitindo a antecipação. Foi exatamente ao tomar a frente de seu marcador que Luan ficou em posição irregular.

3 – O Cruzeiro absorveu o golpe sem se desestabilizar, mas não foi capaz de jogar como prefere. Não foi apenas o planejamento de jogo do Atlético que prevaleceu na primeira metade, mas a personalidade de time mandante também. Como se o Cruzeiro não estivesse à vontade, ainda que não tenha sofrido tanto.

4 – Um gol do mandante no jogo de ida está muito longe de decidir um confronto de cento e oitenta minutos. Mas determina posturas que podem ser, sim, decisivas. Como o avanço do Cruzeiro na procura da igualdade e os riscos que o acompanham.

5 – O gol de Dátolo não se explica dessa forma, porque o Cruzeiro não conseguiu proteger a própria área nem com a defesa em ordem. O 2 x 0 nasceu de um lateral cobrado por Marcos Rocha com escala em Carlos. Um caso típico de quem sabe o que vai acontecer mas não sabe como se defender.

6 – Toque de mão de Jemerson dentro da área, com todos os pré-requisitos de pênalti. Somado ao gol em impedimento, o Cruzeiro pode se considerar prejudicado em dois lances importantes. Mais uma oportunidade para os críticos da tecnologia louvarem o charme do erro humano no futebol.

7 – Atlético em posição inversa à que se acostumou. Mas muito mais confortável, claro.

ESCURIDÃO

O nome do sucessor de Roberto Dinamite na presidência do Vasco da Gama diz o suficiente sobre a gestão do ídolo, agora de legado manchado. Observando as opções nos processos eleitorais de Corinthians e Palmeiras, especialmente aquelas que podemos chamar de “baixo clero”, percebe-se o drama administrativo que prossegue assolando o futebol brasileiro.

CAMINHO

Que o quarto gol da Seleção Brasileira contra a Turquia – muito mais pela construção do que pelo desfecho – seja o que a comissão técnica enxerga como mais importante em termos de desenvolvimento do time. Associação, circulação da bola, ofensividade. No restante, é evidente que vencer amistosos é satisfatório e permite trabalhar com tranquilidade.



  • André Bastos

    AK, desculpa mudar de assunto, mas espero poder tirar uma dúvida.
    A ESPN perdeu o direito de transmissão da próxima temporada da UCL? Pelo que li, o Esporte Interativo apresentou uma proposta superior.

    Tem alguma informação sobre esse caso?

    SRN

    AK: Sim. Os direitos da UCL foram adquiridos pelo Esporte Interativo por três anos, a partir da temporada 2015/16. Um abraço.

    • José A. Matelli

      Péssima notícia, o pessoal do EI é estridente e superficial.

  • Teobaldo

    Prezado AK, em relação ao lance do Luan, com base nas imagens até agora disponibilizadas não há o que contextar em relação à existência do impedimento. Cabe ressaltar que a dificuldade do lance foi tamanha que a própria reação dos jogadores do Cruzeiro (no caso, falta de reação) colaborou decivisamente para que o jogo continuasse sem maiores tumultos. Sorte do árbitro. Já no lance do Jémerson eu tive a impressão que ele sofreu falta do Bruno Rodrigo. Entendo que o árbitro erro duas vezes neste lance.

    Fazendo uma reflexão com o tópico “Escuridão”, você acha que existe algum caminho para que os clubes brasileiros passem a funcionar como empresa? Você admitiria o Flamengo, por exemplo, falindo e deixando de existir? Qual o impacto de uma medida como essa para o futebol e, principalmente, para a cultura do povo brasileiro?

    Um abraço!

  • Charles

    Não sei, mas acho que sou o único vascaíno a ler seu blog aqui pelo Lance.
    Dinamite seria a salvação, foi uma decepção total. Agora volta o homem do charuto.
    Pelo menos esse não deixa barato.

    • Teobaldo

      Realmente ele não deixa barato, Chales. Uma vez ele levou toda a renda de um jogo….

  • Eddie The Head

    Li uma entrevista do Dinamite onde ele diz que se arrepende da reeleição,afirma que o que fez no primeiro mandato ajudou o Vasco,mas que no segundo sofreu com críticas,falta de verba,insatisfação da torcida e uma “oposição nervosa”,como diria Aécio Neves.

    Será? A torcida,na verdade todas as torcidas,conhecem Eurico Miranda e sabem o que ele representa. Se mesmo todos o conhecendo votaram nele,é porque há algo de muito errado na administração de Dinamite,que,sozinho,levou o Vasco novamente a segunda divisão.

  • ita

    Não houve impedimento, basta ver que o zagueiro no alto do vídeo está com o pé em cima da divisao de tonalidade da grama assim como Luan…basta apenas querer ver. Braço nao configura impedimento. Se é suficiente ou de difícil compreensao, tem outra imagem alinhada aos jogadores que mostra claramente que estavam na mesma linha. Imprensa anda precipitada, incompetente e/ou mal intencionada (escolha) na tentativa deslegitimar a vitória do Galo e a atuaçao impecável do bandeira. Mais um exemplo clássico de como a imagem mente e muitos profissionais e amantes do futebol ainda nao tem condição de perceber.

    AK: Impedido.

    • Eddie The Head

      Meu caro,desculpe,você até poderia dizer que o impedimento era difícil de ser marcado,o bandeirinha não pode congelar a imagem e colocar uma linha sobre o último defensor,como nós,em casa,com dezenas de câmeras a nosso dispor e sentados no sofá,temos. Mas daí você dizer que não estava impedido,que a imagem mente,e que o mundo conspira contra seu time de coração…menos,amigo,beeeem menos. O Atlético jogou melhor e mereceu vencer,mas tava impedido e ponto.

      Me fez lembrar a IUPST.

  • ita

    E o deslocamento do jogador do galo no ar antes da bola tacar na sua mão?…lamentável.

    AK: Pênalti.

MaisRecentes

São Paulo joga, Corinthians soma



Continue Lendo

Sqn



Continue Lendo

Gato



Continue Lendo