OS LINKS DA LIGA



Segunda rodada da UCL aberta ontem, com 16 gols.

Quatro foram marcados em Bucareste, onde o Chelsea goleou o Steaua por 4 x 0, em jogo do grupo E.

Ramires, com alvará para se apresentar ao ataque, marcou duas vezes em mais uma elogiável atuação.

No outro jogo da chave, o Basel perdeu em casa para p Schalke 04: 1 x 0.

A partida foi marcada por um protesto do grupo Greenpeace no estádio St. Jakob-Park.

Pelo grupo F, em Londres, vitória significativa do Arsenal sobre o Napoli: 2 x 0.

Mesut Ozil fez um gol e serviu o outro a Giroud. Desde 2010, nenhum jogador deu mais passes para gols na UCL do que o meia alemão, que transformou o time do Arsenal imediatamente.

Na Alemanha, o Borussia Dortmund se recuperou da derrota na estreia fazendo 3 x 0 no Olympique.

Veja, na jogada do primeiro gol, como os alemães chegam com maioria de jogadores à área do Olympique. Lewandowski só não entrou com bola e tudo porque foi educado.

Grupo G: péssimo empate do Zenit com o Austria Viena, na Rússia: 0 x 0.

O time de Hulk teve um jogador expulso no final do primeiro tempo e se complicou no jogo e na classificação.

O Atlético de Madrid venceu mais uma, de virada: 2 x 1 sobre o Porto, no Dragão.

Atenção para o segundo gol espanhol. Jogada de bola parada praticamente igual ao gol de Zanetti contra a Inglaterra, na Copa de 1998. Diego Simeone estava em campo.

Nos jogos do grupo H, empate entre Ajax e Milan, em Amsterdã: 1 x 1.

Os holandeses marcaram aos 45 minutos do segundo tempo. Balotelli empatou, de pênalti, aos 49.

E vitória do Barcelona sobre o Celtic, na Escócia, por 1 x 0.

Neymar participou do gol de Fábregas, curiosamente produto de um contra-ataque em um jogo dominado pelo time catalão (81% de posse de bola, sinal de uma clara mudança de “filosofia”…).



MaisRecentes

Vitória com bônus



Continue Lendo

Anormal



Continue Lendo

Saída



Continue Lendo