NOTINHAS PÓS-RODADA



Os jogos da rodada 23 do Campeonato Brasileiro:

* Sequências mantidas após o empate (1 x 1: Lincoln e Gum – 28.550 pagantes no Maracanã) entre Fluminense e Coritiba.

* O time carioca segue sem perder (6 jogos). O paranaense, sem vencer (4).

* Pouco a dizer sobre o 0 x 0 (13.378 pagantes no Barradão) entre Vitória e Grêmio, um jogo que teve mais de 100 passes errados.

* Desta vez, Rodrigo comemorou um gol (Goiás 1 x 0 – 24.789 pagantes no Serra Dourada) marcado no São Paulo. No primeiro turno, ele também foi à rede.

* Se Rogério Ceni não fosse para a bola, o São Paulo não perderia. É o que se chama de falta de sorte.

* Pouco a dizer sobre o 0 x 0 entre Náutico e Flamengo (15.003 na Arena Pernambuco), além do incrível gol perdido por Elias, no final.

* A Portuguesa venceu (1 x 0 no Internacional: Wanderson – 3.012 pagantes no Estádio do Vale) fora de casa pela primeira vez no campeonato. Livrou 4 pontos do calabouço.

* Esquentou a cadeira de Dunga, apesar do pronunciamento da diretoria do Inter, garantindo-o no cargo.

* Algo a dizer sobre o 0 x 0 entre Corinthians e Cruzeiro (27.053 pagantes no Pacaembu), além das defesas de Cássio, que impediram a nona vitória seguida do líder.

* No primeiro tempo, o Cruzeiro deu as cartas. No segundo, o Corinthians se comportou como não fazia há várias rodadas.

* O Botafogo falhou em casa (Bahia 2 x 1: Edílson, Fernandão e Obina – 20.826 pagantes no Maracanã) pela primeira vez, e agora vê o Cruzeiro 8 pontos acima.

* Duvidosa a posição de Obina, no lance do segundo gol.

* Ederson e William estavam em campo, mas o gol do jogo entre Atlético Paranaense (1 x 0 – 7.657 presentes no Durival de Britto) e Ponte Preta quem marcou foi Paulo Baier.

* O Atlético só tem um ponto a menos do que o Botafogo, segundo colocado. A Ponte tem oito a menos do que o Flamengo, o décimo-sexto.

* O Santos venceu (2 x 1 no Criciúma: Thiago Ribeiro, Willian José e Tony – 5.147 pagantes na Vila Belmiro) e receberá o lanterna na próxima rodada. Oportunidade.

* O Criciúma irá ao Maracanã enfrentar o Flamengo, que está 3 pontos acima.

* Um toque de calcanhar de Ronaldinho criou o primeiro gol do Atlético Mineiro (2 x 1 no Vasco: Fernandinho, Rafael Vaz-contra e Dakson – 12.834 pagantes no Independência), logo a 2 minutos de jogo.

* Rara falha de Victor, no gol vascaíno.



MaisRecentes

Vencedores



Continue Lendo

Etiquetas



Continue Lendo

Chefia



Continue Lendo