NOTINHAS PÓS-RODADA



Faltam 4 para o fim do primeiro turno:

* A goleada do Cruzeiro sobre o Vitória (5 x 1: Léo, Mayke, Dinei, Borges, Ricardo Goulart e Vinícius Araújo – 14.369 pagantes no Mineirão) poderia ter sido mais larga.

* Correta decisão do árbitro Marcelo de Lima Henrique, ao não acompanhar o auxiliar que havia marcado impedimento no primeiro gol do Cruzeiro.

* Um lindo gol de Samuel deu a primeira vitória fora de casa (1 x 0 no Náutico – 16.022 presentes na Arena Pernambuco) ao Fluminense.

* Pela segunda rodada seguida, Diego Cavalieri fez grande defesa no final do jogo.

* Noite para Barcos lembrar, e para Cris esquecer, na vitória do Grêmio (3 x 2 no Vasco: Barcos-2, Alex Telles, Ramiro e André – 12.370 pagantes) em São Januário.

* O Vasco não perdia havia 3 rodadas.

* Pouco a dizer sobre o 0 x 0 entre Flamengo e São Paulo (44.164 pagantes no Mané Garrincha), além de um pênalti inventado pelo árbitro Ricardo Marques Ribeiro.

* William não marcou na derrota da Ponte Preta para o Goiás (1 x 0: Walter – 4.416 pagantes). Walter sim.

* A Ponte está a um ponto da linha d’água da tabela.

* O Botafogo, invicto há um mês, ganhou (3 x 1 na Portuguesa: Bolívar, Luis Ricardo, Rafael Marques e Elias – 4.276 pagantes no Canindé) sem jogar bem.

* Seedorf (7) é o jogador com mais passes para gols no campeonato.

* Outro pênalti fantasma na rodada converteu-se na vitória do Corinthians (1 x 0: Guerrero – 31.519 pagantes no Pacaembu) sobre o Coritiba.

* Depois de vencer o Grêmio em Porto Alegre, o Coritiba vem escorregando.

* Há, sim, algo a dizer sobre o 0 x 0 entre Bahia e Santos (10.247 na Fonte Nova).

* Quarto jogo sem vitória (e sem marcar um gol) do Bahia. Sexto do Santos.

* O Atlético Mineiro conseguiu empatar (0 x 0 com o Internacional – 9.112 pagantes no Estádio do Vale) jogando com um a menos por cerca de uma hora.

* Jorge Henrique entrou na cabeça de Fernandinho.

* O melhor desempenho do campeonato, desde a parada para a Copa das Confederações, é do Atlético Paranaense (2 x 1 no Criciúma: Sueliton, Paulo Baier e Éderson – 9.416 no Durival de Britto).

* Do décimo-oitavo ao quinto lugar, em oito rodadas.



  • josé carlos

    André,o jogo do Atlético ,foi com o Inter.
    Tem como arrumar o link do PVC, e do Mauro Cezar ?

    Abraços

    • Alexandre Rocha

      Eu sou contribuinte ,moro no Rio de Janeiro,e gostaria de saber sobre a situação dos Clubes do Rio de Janeiro.

      Perguntas:

      Qual clube deve mais ?

      Qual clube propõe pagar o maior valor à PRFN ?

      Por que não mostra os acordos já feito ? Se é que existe algum ?

      Por que não se faz um grande debate sobre isto, quem pagou maior valor à fazenda nos últimos dois anos?

      Enfim seria legal, não? ou será que não pode?

  • Joao CWB

    Lamentável a arbitragem do jogo entre Corinthians e Coritiba.

    Mas quem acompanha o futebol paranaense (provavelmente só nós paranaenses) sabe o quanto o time do Alto da Glória foi beneficiado pela arbitragem local. A torcida do Londrina que o diga, ela sabe do que estou falando. Sem contar a cara de pau do presidente alviverde em dizer que reclamar de arbitragem é “muito pequeno” e que “erros acontecem para os dois lados”.

    Nada como um dia depois do outro.

    Ah, e estou feliz com o meu Furacão. Aos poucos o time foi se encaixando e o Wagner Mancini que ninguém queria aqui está calando a boca de muitos, ainda bem.

    Abraço.

  • Rodrigo – CPQ

    Sobre o pênalti do SP não vi nenhum ângulo que me tirasse completamente a dúvida, mas acho que não foi nada. No do Corinthians, tem um ângulo que mostra claramente o zagueiro empurrando o Danilo com o braço, mas não dá pra afirmar que foi o suficiente pra ele cair.

  • Anna

    Cris falhou, mas o goleiro do Vasco é o pior de todos!!! Pênaltido São Paulo não existiu e quase que o Flamengo prum time que anda sem confiança. Não vi o lance do Corinthians. Grande abraço a todos, Anna

  • Paulo Pinheiro

    Quarta partida seguida com erro absurdo de arbitragem contra o Flamengo. Não é de chorar, até porque o Flamengo não mereceu vencer mesmo (e se tivesse tomado o gol também seria um resultado normal). Mas é um bom recado aos teóricos da conspiração, que no momento não se manifestam. Cadê a corneta do “Time da Globo”, “Time beneficiado pelas arbitragens” e “time da CBF”?

    André, infelizmente tem algo a se falar, sim, sobre o jogo entre Flamengo x SPFC: a triste cena dos arredores, quando um rubro-negro foi espancado por membros da Independente. Saldo: Fratura na mandíbula e dois são-paulinos presos.

    Ninguém fica feliz pela punição deles (preferia que nunca tivessem agredido). Mas a impunidade seria pior.
    Assim como será se o clube não for punido, como foi o Palmeiras ano passado.

    • Rodrigo – CPQ

      Paulo, sobre a violência cabe o que falei aqui à época do caso Oruro (do Corinthians): todo mundo desceu a lenha na torcida do Corinthians como se todas as outras fossem santas. Todas, mas TODAS as torcidas são violentas. Não tem jeito. A do Flamengo não foge disso, muito menos a do tal time “Soberano”, que tem uma das torcidas organizadas mais violentas do estado.

      Quando a onda era atirar objetos em campo, começaram a punir os times, e o que aconteceu? É raro ver algo atirado nos campos hoje em dia. Se começar a punir clubes por causa de suas torcidas também, a coisa melhora.

      Em tempo: ridículo a polícia observando a paisagem enquanto o cara apanhava no chão.

      • Paulo Pinheiro

        Sim, Rodrigo. Concordo com você.

        Também acho que o Corinthians não tinha que ser um “exemplo isolado”. A torcida do Flamengo já se envolveu em mortes antes. Aliás, a torcida do Flamengo chega ao cúmulo de ter facções ameaçando umas às outras.

        Acho que o exemplo do Corinthians foi bastante evidenciado porque foi um caso de morte DENTRO do estádio, e numa partida internacional.

        A polícia de Brasília está investigando se houve erro de conduta dos agentes. Parece claríssimo que sim… eram 20 torcedoes espancando um cara deitado. Linchamento a céu aberto e os policiais assistindo.

        Mas vamos aguardar pra ver o que vai acontecer.

  • RONALDO DIAS

    Se o penalty fosse a favor do flamengo seria choradeira pra todos os lados.

    • Jose Leonardo

      Seria um mimimi eterno, pois só veem quando o beneficiado é o Fla.

  • Você deveria ter começado seu post assim:

    “E na rodada dos pênaltis que não existiram:”

    E obrigado por não falar nada a mais de São Paulo e Flamengo. Ficar lembrando que estamos há milhares de jogos sem vencer é péssimo… 😉

    Abraço!

  • Fábio Minghetti

    Outra visão do pênalti no Danilo.

    Mais próximo do ângulo do árbitro.

    http://uolesporte.blogosfera.uol.com.br/2013/08/19/torcedor-corintiano-filma-penalti-em-danilo-de-outro-angulo/

  • Vamos mengao pra segundona

  • Corinthiano

    Não aguento mais o Corinthians ser refém do egoísmo do Tite e ninguem falar nada.
    O Corinthians agora vai ficar refém de um esquema covarde aonde joga um atacante sozinho na frente e outros dois abertos para voltarem a todo momento marcando laterais e ate atacantes (as vezes até o gandula do gol do próprio time), os meias como o Danilo ou Renato augusto jogam abertos e quem arma o time são os volatens ou zagueiros. Atacante no timão nunca fazem gol por isso desde 2011, todo atacantes que passaram no timão não faziam muitos gols mais era artilheiros nos outros times. Tite só preocupa em marcar e quando o time faz um gol , volta com os 11 jogadores desde o começo, por isso no 2 tempo sempre cansa, e só ver os números. E nenhum comentarista fala isso. O tite tem um ego tao grande, que faz rodizio de capitão para não ter alguém que chama mais atenção que o esquema dele e ele próprio. Roberto Carlos, Adriano, PAto, até mesmo Zizão, que sempre foram comentados muito pela imprensa e por torcedores ele tira, por que não pode ter alarde para um jogador, não pode ter estrela, ele que quer ser estrela. Dá nojo de ver o Corinthians jogar, sempre joga como time pequeno e não grande. qual a ultima vez que jogou bem, que goleou e que deu prazer de ver o timão jogar. No ano passado apesar de ser camp~eao, dominou um jogo e jogou bem no máximo 4 vezes. O Tite é covarde joga por resultado, se não fosse Cássio não seriamos campões. Ganhou por que era para ser, jogadores jogarão com a alma, não ganhou por que o tite é o maior estrategista do mundo, ele acha que por que faz atacantes marcar e jogarem abertos nunca vai voltar atrás, ridiculooooo. Fora Tite, o Corinthians sendo o o time da américa latina com a maior visibilidade e maior retorno financeiro, devia dar show, jogar uma futebol no mínimo bonito e não medíocre preocupado so com resultado. Era p ser uma máquina, igual Atlético, Santos a anos atrás, São Paulo a anos atrás, e não esse time que empata e hanha de um gol de diferença abdicando de tentar fazer gol.

  • Corinthiano

    É vou mostrar só uma entrevista antiga do Rincón que traduz o que é o Tite e modo de como esse time joga.

    O que achou da final na Bombonera?
    O Corinthians sempre é o mesmo. Todo mundo sabe. Teve poucas oportunidades. Dentro de casa tem que ser mais agressivo. O que interessa é o resultado para muitos, estão conseguindo. A verdade é que muitos criticaram o Once Caldas que foi campeão da Libertadores (2004), o Corinthians está fazendo a mesma coisa.

    Acha muito defensivo?
    Muito. Pela qualidade dos jogadores que tem, acho muito defensivo.

    Quem deve ser o campeão?
    Pela forma como se impõe, há muitos anos, no Pacaembu, e não só esse Corinthians, a possibilidade de ser campeão é muito grande mesmo.

    O que acha da rotação da faixa de capitão que o Tite tem feito?
    Acho que é uma forma de ficar bem com Deus e com o diabo né? Capitão é capitão, pronto e acabou. Agora, ele quer dar uma de bom moço, então fica todo mundo contente. Com certeza, isso pode dar uma instabilidade nessa equipe por não ter uma grande referência no campo.

    Quem tem de ser o capitão?
    Ele tinha como capitão o Chicão, não é? Ele que escolha um. Dessa forma cria-se uma referência. Agora o Corinthians vai ser campeão, quem vai levantar a taça? Chicão e Alessandro? Não tem cabimento isso.

    Nota de Redação: Alessandro e Chicão foram os capitães na maior parte da campanha do Penta. Na festa de premiação da CBF, os dois atletas levantaram juntos a taça entregue pela entidade.

    Você levantou a taça mais importante da história do clube. O que esse fato representa para você?
    Para mim foi um orgulho muito grande. Levantar uma taça, no Corinthians, um Mundial, é algo muito grande mesmo. Até hoje sou visto como uma referência. Era o capitão.

    Acha que se alguém puder levantar a taça da Libertadores ficará mais marcado do que você?
    (Silêncio) Tomara que aconteça isso. Pelo bem do Corinthians, é um título muito esperado. Quem levantar, sinceramente não vai ser a referência. Não tem um capitão, como se fala de mim, do Gamarra… Não tem. Tomara que possa algum, um só, não dois, levantar a taça. Mas não acho que haverá qualquer comparação.

    Essa Libertadores pode ser mais importante do que o Mundial?
    Título é título, independentemente da importância. Está faltando a Libertadores. Antes era o Mundial que queriam muito, agora é a Libertadores. O importante é o Corinthians e o seu torcedor. O torcedor vai ficar mais tranquilo, está esperando muito essa taça chegar.

    O time de 2000 era uma máquina e tinha diversos medalhões, mas acabou eliminado na semifinal da Libertadores para o Palmeiras. Era a melhor campanha até esse time atual. Qual é o melhor Corinthians?
    Para mim, é um futebol mesquinho. Pelos jogadores que tem, poderia estar apresentando um futebol melhor, um jeito diferente de jogar e encarar o jogo. Se faz esse jeito para ser campeão, todo mundo vai ficar feliz com esse futebol feio…

    Por que aquele time falhou?
    Foram os pequenos detalhes. O time do Palmeiras conseguiu, não tem o que explicar, faz muito tempo já. Agora não acho que tem de jogar feio para ganhar. Se ganha, vão achar que tem de jogar assim. E não pode, o país está prestes a receber uma Copa do Mundo, ninguém vai querer ver a Seleção jogando desse jeito.

    A vitória sobre o Santos de Neymar pode servir de conceito?
    O Santos já foi campeão com esse futebol. Não quer dizer que já ficou para trás. O Corinthians aproveitou as chances. Fez 1 a 0 na Vila e no Pacaembu empatou. Mas fica nesse 1 a 0, 1 a 1… Quem gosta de futebol, não pode querer isso para o futebol brasileiro. Senão, assim, o futebol brasileiro vai cair aos pedaços.

    Acha que o Riquelme teve muita liberdade na Bombonera?
    Quais foram as chances que o Corinthians teve? “Ah, mas está conseguindo os resultados”. Posso fazer uma pesquisa com 500 torcedores, e ninguém gosta de como o time joga. Não é o futebol que o corintiano está acostumado a ver.

    Você está torcendo pelo Corinthians nessa final? Importa-se com esse título?
    Me importo, quero que o Corinthians ganhe. Não importa como estão jogando, eu quero que ganhe. O Corinthians é a instituição, e eu faço parte. Os jogadores vão embora uma hora.

    Leia mais no LANCENET! http://www.lancenet.com.br/corinthians/Capitao-Mundial-Rincon-revezamento-Timao_0_729527219.html#ixzz2cpMJcUnQ
    © 1997-2012 Todos os direitos reservados a Areté Editorial S.A Diário LANCE!

  • DECO, seja coerente, peça a rescisão de contrato, vc está parecendo os nossos políticos, ganham sem trabalhar, sai de cabeça erguida, a torcida saberá reconhecer, e fará uma
    festa de despedida , por tudo o que você fez pelo nosso Fluminense, não dá mais…
    ST/Castilho

MaisRecentes

São Paulo joga, Corinthians soma



Continue Lendo

Sqn



Continue Lendo

Gato



Continue Lendo