NOTINHAS PÓS-RODADAS



Abrindo a rodada 14 do Campeonato Brasileiro:

* O Santos (1 x 1 com o Vasco: Edu Dracena e Rafael Vaz – 3.898 pagantes na Vila Belmiro) ainda não venceu desde que foi goleado pelo Barcelona. Já são cinco jogos.

* O empate vascaíno, aos 46 do segundo tempo, fez com que o resultado fosse justo.

* O Atlético Mineiro (2 x 0 no Bahia: Leonardo Silva e Alecsandro – 12.027 pagantes no Independência) venceu pela primeira vez desde que conquistou a Libertadores.

* Foram cinco rodadas de seca.

* O Criciúma goleou (3 x 0: João Vitor, Marlon e Leonardo Moura – 8.714 presentes no Heriberto Hulse) o Náutico, em confronto do U-4.

* O resultado devolveu o técnico Zé Teodoro ao mercado. Jorginho foi contratado via mensagens de texto. É sério.

* A Portuguesa (1 x 1: Gilberto e Bill – 10.272 pagantes no Couto Pereira) vencia o Coritiba até os 49 minutos do segundo tempo.

* Foi o sexto jogo da Portuguesa em que um gol saiu após os 40 do 2T. Se tais gols não tivessem acontecido, o time teria 7 pontos a mais e seria o nono colocado.

* Pouco a dizer sobre o 0 x 0 entre Fluminense e Corinthians (10.558 pagantes no Maracanã), além de uma ótima defesa de Diego Cavalieri no final do jogo. Resultado pior para o Corinthians.

* O Vitória (3 x 1 na Ponte Preta: William, Pedro Oldoni, Vander e Marquinhos – 8.410 presentes no Barradão) encostou no G-4.

* O artilheiro do campeonato, William, chegou a 10 gols.

* O Goiás (1 x 1 com o Flamengo: Walter e Chicão – 32.049 pagantes no Serra Dourada) não perde em casa, por competições nacionais, desde outubro de 2011. São 38 jogos.

* Primeiro gol de Chicão pelo Flamengo.

* Atuação de gala de Dida, na vitória que levou o Grêmio (3 x 1 no Cruzeiro: Werley, Barcos, Nilton, Kleber – 16.529 pagantes na Arena do Grêmio) à área-vip.

* O Cruzeiro pode perder a liderança para o Botafogo, logo mais.

ATUALIZAÇÃO, sexta-feira 16/8, 11h50 – Fechando a rodada com os jogos da noite de quinta-feira:

* A média de público no Morumbi triplicou, mas o São Paulo tropeçou (1 x 1 com o Atlético Paranaense: Rodrigo Caio e Paulo Baier – 25.818 pagantes) e chegou a 11 jogos sem vitória no BR-13.

* O Atlético aumentou sua invencibilidade para 7 jogos.

* Vitinho foi o maior nome de um jogão (Botafogo 3 x 3 Internacional: Vitinho-2, Scocco-2, Seedorf e Fabrício – 11.033 pagantes) no Maracanã.

* Os dois primeiros gols de Ignacio Scocco pelo Inter aconteceram num intervalo de 48 segundos.

______

Duas notas, recomendando o trabalho de dois colegas de extrema competência.

No site do Estadão, Jamil Chade revela desvio de parte do cachê de amistosos da Seleção Brasileira. Uma empresa de propriedade de Sandro Rosell, presidente do Barcelona, ficava com o dinheiro.

Golaço do Jamil, correspondente na Europa.

Na Folha, Martín Fernandez estreou há alguns dias um blog sobre a Seleção. Ele cobre o time para o jornal (ainda precisa aprender a postar pelo smartphone), o que garante a procedência das informações.

Leia Jamil e Martín, e siga ambos (@JamilChade e @mart_fern) se você estiver no Twitter.

Dois jornalistas top de linha.



MaisRecentes

Plano B?



Continue Lendo

Pendurado



Continue Lendo

Porte



Continue Lendo