NOTINHAS PÓS-RODADA



A jornada número 1 do BR-13 já está nos livros:

* O Vasco apresentou sua nova camisa no jogo em que venceu a Portuguesa (1 x 0: Tenório – 8.229 pagantes em São Januário), em casa.

* Os dois times não têm objetivos ousados no campeonato, o que não diminui a importância dos pontos conquistados pelo time carioca na estreia.

* No encontro dos campeões da Bahia e do Rio Grande do Sul, o Vitória abriu 2 x 0 no Internacional, mas os gaúchos buscaram (2 x 2: Maxi Biancucchi, Gabriel Paulista, Forlán e Fred – 8.955 pagantes no Barradão) o empate.

* Grande partida de Fred.

* E no encontro dos campeões de São Paulo e do Rio de Janeiro, Corinthians e Botafogo (1 x 1: Rafael Marques e Paulinho – 29.295 pagantes no Pacaembu).

* Seedorf, este jogador.

* O São Paulo conseguiu a única vitória (2 x 0 na Ponte Preta: Lucio e Jadson – 6.267 pagantes no Moisés Lucarelli) de um visitante na rodada.

* Foi o primeiro jogo de Campeonato Brasileiro na carreira de Lucio em 13 anos.

* O retorno do Criciúma à Série A, após 9 anos, foi premiado com uma vitória (3 x 1 no Bahia: Matheus Ferraz, Lins, Diones e João Vitor – 10.587 presentes no Heriberto Hulse).

* A ampulheta já pressiona o time baiano.

* Reedição da “Batalha dos Aflitos” em Caxias do Sul, e o Grêmio ganhou (2 x 0: Zé Roberto e Elano – 9.560 pagantes no Alfredo Jaconi) do Náutico.

* Qual é o limite de Zé Roberto?

* O empate (0 x 0 no Novo Mané Garrincha) entre Santos e Flamengo não ficará marcado apenas pela despedida de Neymar.

* O jogo estabeleceu o recorde de arrecadação da história do futebol brasileiro: 6,9 milhões de reais.

* A goleada da rodada foi obra do Cruzeiro (5 x 0 no Goiás: Diego Souza, Bruno Rodrigo, Nilton-2 e Borges – 12.018 pagantes no Independência), líder do campeonato.

* Nilton é o artilheiro.

* Um gol nos acréscimos de Arthur, que tinha acabado de entrar no jogo, decretou a virada do Coritiba (2 x 1: Tardelli, Deivid e Arthur – 14.981 pagantes no Couto Pereira) sobre o Atlético Mineiro.

* Ronaldinho e Jô não jogaram.

* O Fluminense venceu (2 x 1 no Atlético Paranaense: Rafael Sóbis, Manoel e Samuel – 2.386 pagantes no Moacyrzão) com escalação alternativa.

* Por estar na Libertadores e ter poupado titulares na vitória, o campeão brasileiro foi quem se deu melhor na rodada.



MaisRecentes

Vitória com bônus



Continue Lendo

Anormal



Continue Lendo

Saída



Continue Lendo