CAMPEÃO



CAMPEONATO CARIOCA - Taça Guanabara - Vasco x Botafogo- Final

 

Existe imagem melhor (foto: Alexandre Loureiro/LANCE!Press) do que essa para ilustrar a conquista do Botafogo?

Em primeiro plano, se vê o escudo, que é o mais importante.

É o escudo sete vezes campeão da Taça Guanabara.

Pelo gesto retratado, não se pode notar a diferença entre celebração e consolação.

Não há um sorriso, por exemplo.

Mas há ternura, carinho, pois as grandes alegrias costumam caminhar juntas com o alívio e a lembrança de momentos difíceis.

O jogador de costas não está identificado, mas não faz mal. Seu nome é menos importante do que sua participação na cena.

O jogador de frente não precisa ser identificado. Clarence Seedorf é conhecido no mundo inteiro.

O suor escorrendo pelo rosto é sinal de esforço, dedicação.

Os olhos fechados, de satisfação.

O abraço no companheiro, um termômetro de seu ambiente num grupo de jogadores distantes de seu patamar.

Instantes como esse não acontecem entre pessoas que não se dão bem.

A imagem é um retrato preciso do que Seedorf trouxe para o Botafogo.

O exemplo, a mentalidade, o jogo.

Ele poderia ter vindo para aproveitar uma “semi-aposentadoria” bem remunerada.

Está aproveitando a oportunidade para ampliar seu currículo.

O que é a Taça Guanabara para quem tem tudo?

É mais um motivo para ser feliz jogando futebol.

Assim são os grandes campeões.



  • Thiago

    Foi um jogo que não condiz com a grandeza dos times. O Vasco jogou como time pequeno,tendo a proposta de contra ataque contra um time que se preocupou muito mais em marcar do que em atacar. O jogo no primeiro tempo foi feio,truncado,se desenrolando quase totalmente no meio de campo. Seedorf,que a imprensa cai em cima devido a seu grande carisma,foi muitíssimo bem marcado por Abuda,e só apareceu quando o Botafogo precisou segurar o jogo e prender a bola. Na jogada do gol do Botafogo Vitinho estava impedido. Por que isso não foi frisado? Na jogada do gol do Vasco Renato Silva estava com parte do tronco à frente do último defensor do Botafogo. O bandeirinha,com a jogada se desenrolando em velocidade,conseguiria perceber que o vascaíno estava com parte do tronco impedido? Não,isso é humanamente impossível. Ele viu um jogador do vasco impedido,que não era Renato Silva,e marcou impedimento. Só que o jogador impedido não participou da jogada. Não creio que tenha sido má fé do assistente,foi falta de recurso e medo de errar,e acabou errando.

    Dito isso,ganhou o time que mais atacou,até mesmo porque precisava atacar,entrou em campo precisando vencer. Perdeu o time que se propôs a jogar com o regulamento,não teve volume de jogo,se preocupou muito mais em não deixar seu adversário atacar do que em fazer o placar. O Botafogo mereceu vencer,pelo menos pelas partidas que fez nas finais,contra Flamengo e Vasco. Mas a vitória de ontem teve dedo da arbitragem. Mais uma vez: Não foi intencional,o trio não quis prejudicar um nem beneficiar outro. Mas falhou.

    • Guilherme

      Não houve dedo algum da arbitragem… pare de querer encontrar algo que não existe… a posição é de impedimento, porém ele não participa da jogada, não influencia marcador e não obstruí a visão do goleiro, logo não participou em nada do lance, o que implica que o gol é legal (inclusive basta ver o posicionamento do goleiro do Vasco, que fixa os pés no chão antes de saltar, indicando claramente que enxergava perfeitamente a jogada, está com o tempo certo da bola, porém não a alcança e reclama sozinho de não ter conseguido alcançar… o mínimo que se espararia se ele tivesse sequer percebido a presença do jogador do Botafogo a sua frente seria reclamar de impedimento, coisa que não faz)

      • Matheus Brito

        Passou por sua cabeça que ninguém reclamou por acharem que o vitinho não estava impedido?

        • Rodrigo

          Não tem que reclamar pra ser impedimento. A regra diz estar no campo de visão do goleito e não atrapalhar portanto impedimento. Mania do brasileiro de querer inventar regras! De certo apenas que o lance era muito dificil assim como o do Renato Silva.

          • Waltinho Negão

            O Vitinho estava em pos~ição de impedimento mas não participa do lance… gol legal. O renato Silva estava em posição de impedimento… gol anulado corretamente. Simples assim.

      • Bardawil

        Querem falar que o botafogo foi ajudaddo ? Vamos aos fatos !!

        1- O time do vasco fez cera o jogo todo e ninguem levou sequer um cartao – O jeferson teve uma trombada forte com o zagueiro e o atacante do vasco e o juis mandou ele levantar logo , deu mais um minuto de acrescimo e ainda cartao pro goleiro .

        2- O Botafogo fez o gol , continuou no campo do vasco nao fez cera em nehum momemto . O Vasco entao foi premiado com a cera que fez o jogo todo com 05 minutos de acrescimos .. que chegou a quase 06 e ele nao terminava a partida .

        3- O Gol do vasco estava impedido .

        4- o do botafogo é totalmente discutivel .. tanto que no sportv tinha o rizec e o rafael .. cada um com uma opiniao diferente …

        5 – O thiago feltri tinha que ser expulso aos 38 minutos do primeiro tempo .

        6 – Penalty clarissimo para o botafogo … o alessandro como ultimo home e lance claro de gol deveria ser expulso .

        7 – O vasco bateu tanto .. tanto que o juiz parou de dar cartoes no final do primeiro tempo para nao ter que expulsar ninguem …

        8 – Bernado expulso pelos carinhos no bandeirinha …

        O que eu acho mais engraçado , é que o botafogo é roubado durante os dois jogos e no final querem fazer acreditar que ele foi beneficiado …

        Imaginem se vc ta jogando o time fazendo cera desde o primeiro segundo , batendo , se jogando no chao ( como o dede fez ) para ser atendido … e vc nao faz cera , nao bate e vc é punido com quase 06 minutos de acrescimo , toma cartao sem fazer cera , nao tem penalty marcado , toma cartao em lance bobo que mal falta foi …. ou no final do jogo o arbitro inventa mais uma falta …

        Imaginem se fosse o bernado nesse time o que ele teria feito .. se com um impedimento bem marcado ele xingou veeemente o bandeira e nem foi chamado a atençao pelo ladrao.. quer dizer juiz…

        • Gilza Alves de Oliveira

          Bardawil, vc viu o mesmo jogo que eu, pois eu estava lá, o que vi foi o Vasco jogar como um time covarde, pequeno e irritante, fazendo cera, se jogando no chão, abusando de faltas e se beneficiando de um acréscimo ridículo; foi punido pela sua covardia, pequenês e cera irritantes… Saudações alvinegras!

    • GILDEMAR LIRA

      Com certeza voce deve ser um Vascaíno mau amado, se não vejamos, 80% dos gols feitos na cobrança de escanteio existem jogadores impedido e com certeza atrapalham a visão do goleiro e mesmo assim o gol é validado porque o jogador não participa da jogada, 80% dos gols feito de faltas vai encontrar vários jogadores impedidos que atrapalham a visão do goleiro e eles ficam ali mesmo para isso e os gols são validados. você esqueceu de comentar o pênalti escandaloso no Lodeiro feito pelo seu goleiro a não expulsão de Thiago feltri numa falta violenta na entrada da area do vasco

      AK: Como diria Padre Quevedo, impedimento em escanteio é algo que NONEKZISTE. Um abraço.

      • Thiago

        Prezado Gildemar,antes de responder ao que você acha,vamos estabelecer o seguinte:

        Eu disse o que achei do jogo,a minha opinião. Não quis e nem quero convencer a ninguém que sou dono da verdade,apenas expus o que acho. Se você não consegue lidar com opinião alheia sem fazer ataques pessoais,procure ajuda. Não gostei do mau amado,e nem vou me dar ao trabalho de retrucar no mesmo nível para não dar corda.

        Vou corroborar e complementar o que o blogueiro disse: Em reposição de bola em jogo por lateral,tiro de meta ou escanteio não há impedimento. Logo,não existe impedimento em escanteio. Não creio que essa sua estatística seja baseada em fatos,parece que é um chute de alguém que procura motivo para basear seu comentário. E quanto ao suposto pênalti em cima do Lodeiro por você citado,reveja o lance. O goleiro vascaíno toca antes na bola e depois há o contato entre ambos. Lembra de algum jogador ter reclamando da jogada? Não,ninguém reclamou,simplesmente porque não foi,e o replay mostrou claramente isso.

        Um ataque pessoal,uma estatística chutada e uma reclamação equivocada. Não creio que podia ser pior.

        • Leo

          Discordo. Só pq o goleiro pega primeiro a bola o q vem depois é ignorado…
          Senhores jogadores, está liberado, roubem a bola primeiro depois podem arrancar a perna do adversário.

          Vamos ser coerentes e ñ apaixonados.
          – Realmente Vitinho estava impedido, porem muito difícil de acertar. A defesa do vasco se movimenta duas vezes na tentativa de bloquear o possível chute do Bolivar e depois o chute do Lucas. Ñ olhe o lance parado pelo replay olhe ele em movimento.

        • Thiago Andrade

          Xará,

          reclamação equivocada? Vc pode até achar q pelo Alessandro ter tocado na bola não foi penalti…Isso foi equivocado, mas tá valendo…

          Mas a expulsão do Thiago Feltri não tem discussão….era para o Botafogo ter 1 jogador a mais desde os 38 do primeiro tempo…

          Vitinho não participa da jogada…Comprovado com imagens pelo Arnaldo no Bem Amigos.

          Renato Silva está impedido…

          Foi penalti do Alessandro. Penalti e expulsão. Te corrigindo, todo mundo reclamou, a torcida ficou louca na hora e os jogadores foram sim para cima do juiz…Eu estava lá e vi.

          Outra coisa, o Vasco jogou como time pequeno e 1×0 foi pouco e é para vcs comemorarem…

          Uh pula ae, vai ser vice até morrer!!

      • Matheus

        Essa do Padre Quevedo só não foi melhor do que o cidadão querendo impedimento em escanteio. Faltou querer em lateral também. Esse é um grande problema nas discussões até entre alguns “comentaristas” profissionais: Desconhecimento da regra.

        Gildemar, eu como Vascaíno não tenho como contestar a vitória do Botafogo. Foi mais time, buscou o gol e queria vencer. Meu time entrou para empatar. Abdicou do jogo e mesmo quando precisou botar a bola no chão e buscar o resultado não soube nem teve forçar para fazer. Foi só chutão pra frente e vamos ver no que dá. Quase deu certo no último lance. Mas enfim, contestar a vitória do Botafogo não dá. Podemos sim lamentar o erro da arbitragem, que beneficiou sim o Botafogo. Mas pelo menos o erro beneficiou quem queria vencer e não quem abdicou de jogar.

        • carlos

          Erro de arbitragem…1 – Tiago Feltri, já com cartão amarelo, derruba o Felype Gabriel por trás. O omisso marca a falta e nem olha para o jogador do vice. 2 – Carlos Alberto e Bernardo quase quebram o pau dentro de campo, o que, pela FIFA, TEM que ser advertido com cartão amarelo (CA já estava pendurado, logo….). 3 – Quando da corretíssima anulação do gol do vice, o sem-noção do Bernardo corre, aos berros de na direção do auxiliar…. o árbitro finge que não vê……
          No gol do Botafogo todos estão esquecendo que cabe ao árbitro a interpretação sobre a participação do vitinho no lance….

    • Paulo Bruno

      Thiago, curioso seu comentário, para não dizer estranho.
      Quer dizer que no lance de Renato Silva impedido, como a imagem mostrou claramente, deveria ter sido gol legal porque você tem a certeza absoluta que o auxiliar não viu a posição ilegal? E o gol legítimo do Lucas deveria ter sido anulado porque Vitinho estava em posição de impedimento?
      Dedo da arbitragem? Você gastou muitos caracteres tentando passar a imagem de imparcial, não conseguiu! Nota-se que você está visivelmente frustrado com o resultado do jogo.

      • Thiago

        Quem lê entende o que quer…

        Não. Disse que o impedimento do Renato Silva era humanamente impossível de ser marcado,embora ele estivesse. O assistente não usa “fotofinish”,e era impossível ele ver meio tronco à frente,não acha? A imagem mostrou claramente que ele estava meio tronco à frente do marcador,foi isso.

        E Vitinho participou da jogada. Veja o replay do gol depois me responda,por favor.

        • Thiago Bomfim/Maceió-AL

          Prezado xará, me permita discordar de você. Em seu comentário sobre o lance do impedimento do Renato Silva você diz: “Não creio que tenha sido má fé do assistente,foi falta de recurso e medo de errar,e acabou errando”. Ora, se foi na cagada ou não, ele acertou em dar o impedimento, como acabou errando?. Quanto ao lance do goleiro Alessandro em cima do Lodeiro, foi Penalty claríssimo, na minha humilde opinião. Claramente o goleiro tocou na bola primeiro, mas o problema foi a força descomunal com que ele foi para a jogada, podendo inclusive ter lesionado o jogador botafoguense, que diga-se de passagem estava meio de costas para o arqueiro, sem sequer tê-lo visto. Poderíamos até discutir o lance do Vitinho mas para comprovar que ele não atrapalhou em nada a visão do Alessandro, nenhum jogador, técnico, dirigente ou até mesmo o goleiro reclamaram e, como é um lance muito abstrato, interpretativo, fica difícil de dizer que foi irregular.
          SAN

          • Se a arbitragem quisesse interferir no jogo, não teria aliviado para o Vasco em dois momentos indiscutíveis: A segunda falta do Feltri (seria expulso e o juiz poupou-lhe o segundo amarelo, numa falta idêntica a que lhe rendera o primeiro) / Após a marcação do impedimento, CORRETA, do Renato Silva, o Bernardo só faltou bater e expulsar o bandeirinha, mas não poupou ninguém da família do auxiliar ao desfiar uma série de impropérios claramente desqualificantes (o bandeirinha e o árbitro fingiram-se de mortospara não expulsá-lo). A não ocorrência destas DUAS EXPULSÕES podem ter se originado de alguma recomendação prévia dada ao juiz para evitar tirar jogadores do jogo para não prejudicar o espetáculo, mas BENEFICIOU CLARAMENTE O VASCO, que deveria ter terminado o jogo com 2 jogadores a menos. E os torcedores do da Gama ainda querem reclamar…. Acordem, , o time de vocês está muito bem armado pelo Gaúcho dentro das suas possibilidades, pois o elenco é muito fraco.

            • Matheus

              Sim, os dois lances citados procedem. Mas por conta desses dois lances o vitinho deixou de estar impedido?

          • Thiago

            Xará.quis dizer que ele errou por ter marcado impedimento de um jogador que não participou da jogada. O impedimento que ele deu não foi do Renato Silva,ele marcou impedimento de um jogador que não participou da jogada,entendeu?

            Continuo achando que não foi pênalti em cima do Lodeiro,tanto que só a torcida reclamou,os jogadores não. Quanto ao lance do gol,realmente é questão de interpretação se o Vitinho participou ou não da jogada,mas ele estava impedido,isso é algo acima de discussão.

            • DJ FOGAÇO

              Olá Thiago!
              Como vc pode afirmar que o bandeirinha não marcou impedimento do R. Silva? Estás desmerecendo a capacidade do bandeirinha?
              Quem prova que a visão dele no lance não foi melhor do que aquela apresentada na imagem?
              Outra coisa, o penalty só é marcado quando o jogador e atingido primeiramente? Pois eu tenho visto penaltys marcados em lances sem participação da bola.
              Porque o M. Matos levou cartão amarelo em falta fora do lance? Calma, e reveja seus argumentos que tem pitadas de “vaiscaindo”.

        • felipe

          e o e penalte no Lodeiro???

          • Matheus Brito

            Foi tão pênalti quanto a forma como você escreveu, que inclusive merecia cartão vermelho e uma frase simbólica do Chaves: “Mas que burro, dá zero pra ele”.

        • vai chorar em outro lugar! e larga de querer arrumar desculpas pra derrota merecida de vcs.

    • Leonardo

      Sem querer entrar em discussões sobre o gol do Bota, que ao meu ver foi legal, mas concordo que seja duvidoso.

      Sobre o gol anulado do Vasco, você tá querendo dizer que o juiz errou por ter acertado o impedimento? Que o correto seria ele ter dado o gol porque era impossivel ter visto este impedimento? Isso é uma das conclusões mais absurdas que já vi! Eu nunca vi um time reclamar tanto de um lance que o bandeira acertou!

      Ao meu ver, a arbitragem foi sim muito ruim! E concordo que não foi tencdencioso. Mas coloco mais alguns pontos esquecidos:

      – O lance do Lodeiro no meio de campo era falta e cartão amarelo. Na área não foi nada. Força completamente desproporcional.

      – Tiago Feltri deveria receber o segundo cartão amarelo no fim do primeiro tempo em falta sobre o lodeiro.

      – Juiz murrinha. Não deixava o jogo andar! Marcava falta a qualquer jogada! Isso acabou beneficiando o Vasco na maior parte do jogo, porque não deixava o jogo correr. no fim beneficiou o Bota.

      – O goleiro do Vasco fez cera durante 80 minutos. O Jefferson só precisou de um tiro de meta demorado para levar o cartão!

      Se for pesar, diria que o Vasco quase empatou por causa de um dedo da arbitragem. E não o contrário.

      • Matheus Brito

        Olha, com Vascaíno só reclamo mesmo do modo como meu time encarou o jogo, mas que ambos os lances estavam impedidos estavam sim.

    • Raphael

      E o penalti no Lodeiro e a expulsão do zagueiro do Vasco, ambos não assinalados? Disso você não fala? A imparcialidade que você tentou demonstrar passou longe, meu filho..

  • Paulinho Perca de Sousa

    Tremenda pessoa. Poderia estar morando em qualquer lugar do mundo, mas veio para este país fedorento.

    • walter Guimarães

      Tem toda razão, o Seedorf é uma figura humana excepcional. O mesmo não se pode dizer de você.

    • jaime Brito

      Se é fedorento, porque vc não muda pra outro pais??????

    • Tá fedorento?!?!

      Putz, ainda bem que minha rinite tá atacada…

    • Paulinho Perca, o Seedorf é um ser humano excepcional, cidadão do mundo, nascido num lugar muito mais atrasado do que o Brasil, o Suriname. Apesar de ter nascido lá, como um ser humano excepcional, é livre de preconceitos e não acha o Brasil, ou seu próprio país, ruins. Amadureça, cresça como ser humano e livre-se ‘você’ dos teus próprios fedores, pois o cheiro que você sente pode estar vindo da tua boca, tão próxima do teu nariz, ou então dos teus pensamentos atrasados, embolorados e ridículos.

    • Matheus

      Sério que você veio aqui somente pra falar isso? por que não simplesmente publicou no Facebook o que acha do Brasil e pronto. Aí seus amigos liam e tava tudo certo.

  • Ricardo Turqueti

    Logo que acabou a partida, os jogadores campeões, quase todos, começaram a pular e a comemorar efusivamente. Seedorf não. Naquele momento, 5 breves segundos, ele só tinha um sorriso e os punhos cerrados, olhando pra baixo. Cansado demais, tinha dado tudo o que tinha. E pelo Botafogo, e ninguém sabe nem saberá exatamente por que o Botafogo… mas ele sabe, e a família dele sabe também, e é suficiente. Este homem tem dinheiro suficiente , tem carisma mais do que suficiente e tem uma torcida que o adora. Mais uma, numa vida passada construindo pontes ao invés de queimá-las.
    Logo após estes cinco segundos, ele é abraçado por várias pessoas, jogadores, dirigentes, gente com o uniforme do Botafogo. Me chamou a atenção um cara pelos seus 30 anos, que o abraçou meio que o sustentando, e disse ao ouvido dele, claramente: “muito obrigado, véio. Por tudo”. Na vida deste botafoguense não passaram as glórias de ver Garrincha, Didi, Quarentinha, mas passaram Mauricio e o time que tirou o fogão da fila, Túlio maravilha e o time campeão de 95, e muitos outros… não tenho dúvida que esse botafoguense nunca torceu com tanto orgulho quanto torce pro time do Seedorf.
    Queria que o meu time tivesse, também, um Clarence Seedorf. Um Sidão, pra ensinar pro garoto vindo da base como é que se chega lá. Todo time merece, toda torcida merece… e o Botafogo tem. Não é pouco. E é por causa de gente como este cara que não dá pra largar o futebol. Enquanto existirem histórias como essa pra serem contadas… temos de ver o jogo pra ver que bicho dá.

    • Daniel Alves

      Amigão, saudações alvinegras de um Botafoguense que sente exatamente o que você descreveu.

      São histórias assim que fazem o futebol apaixonante e que faz torcedores apaixonados por seus clubes e as glórias que eles conquistam.

      Seedorf é o cara. Certamente está marcando uma das mais belas passagens (se não a mais bela, o futuro dirá) deste grandioso clube.

      Felicidades e Saudações General Severianas!

    • Pedro Paulo

      Ricardo, parabéns.

      Sensibilidade e respeito são coisas para poucos. Acredite que você está no nível do Seedorf, como homem, como gente.
      E sim, sou Botafogo.

      • Ricardo Turqueti

        Obrigado, Pedro, Daniel e amigos que responderam. Tem poucas coisas que ainda me prendem ao futebol. Como espetáculo, como esporte, simplesmente vejo outras coisas mais bacanas de se ver, adoro os esportes americanos… mas histórias como essa (ou o fato de um gênio ter apelidado a Copa do Nordeste de LAMPIONS LEAGUE!) ficam me puxando de volta!
        E não, não sou Botafogo. Mas quando vejo o time de vocês sendo representado pelo Sidão e por um bando de garotos que olha “pra cima” e dá o sangue por que o exemplo tá lá… dá inveja. Se for pra não ganhar nada, que seja assim. Ganhando algo, então…

        • GIBO

          RICARDO, sou botafoguense desde 1962 É muito difícil encontrar pessoas como você. Mas admiro o Vasco desde quando meu pai me disse que foi o primeiro Clube brasileiro e aceitar negros. E olha que sou descendente de 04 avós nascidos na Itália (sou branco demais).

    • cachorro louco

      Renato Turqueti, bela matéria! obrigado!

  • rodrigo

    Belo texto, André. O jogador de costas é o Gabriel, que apesar de jovem, é o jogador mais próximo do Seedorf em todo elenco alvinegro (palavras do próprio holandês).

  • Eduardo

    É quase um milabre, belo texto do André Kfouri, muito bom mesmo (o pai dele foi infeliz ontem ao comentar a final), aos colegas que comentaram, meus elogios também. Mesmo eu discordando em parte do Thiago, o Abuda foi carregado todo o tempo para onde o Seedorf quis que não tivesse um jogador paras as chegadas do Lodeiro e Felipe Gabriel. Então não sei se o Abuda marcou ou se foi o Seedorf que lhe fez uma “marcação ofensiva” causando uma “distração defensiva”. Agora, temos de concordar “tem coisas que só acontecem no Botafogo”, e Seedorf jogando no Brasil e com fome de bola é mais uma daquelas coisas que o Sobrenatural de Almeida gostaria de ter visto.

  • Eletrofogo/DF

    Plac, plac, plac…

    _//\\_
    \\\l///
    ///l\\\

  • RENATO77

    Tá sendo muito legal a temporada do Seedorf no no Botafogo, tá fazendo bem ao futebol brasileiro.
    Abraço.

  • Ah André, vai escrever bem assim lá na casa do chapéu!

    Parabéns Botafogo… pelo título, por ter Seedorf, pela bela foto e pelo excelente texto que a ilustra!

  • Pedro Paulo

    Sem mais palavras, André. Parabéns.

  • Junior

    Galera demorou mais saiu a minha analise sobre a final da Taça Guanabara, deem uma olhada lá, abçs.
    http://nastrave.wordpress.com/2013/03/11/e-campeao/

  • Carlos Pololoca

    Simplesmente, obrigado Sidão!!! Vc é o cara!!!

  • Roberto Junior

    Ronaldo “Fenômeno” trouxe ao Corinthians dinheiro. Também, reconhecimento no estrangeiro. Fred ajudou a levar o Flu a dois títulos brasileiros. Afora à salvação de um rebaixamento certeiro. Ronaldinho Gaúcho tornou de novo temido o Galo Mineiro. Com Bernard e Jô, comanda um time que joga de um bonito jeito. Luís Fabiano, o “Fabuloso”, fez o Tricolor Paulista outra vez orgulhoso. Ganhou a companhia do talentoso Ganso, pra cuja recuperação firmemente torço. Alex está de volta à Coritiba. Continua a desfilar talento com sua antiga camisa. Zé Roberto, no Grêmio, aparece bem na fita.Imaginá-lo na Seleção não é ideia esquisita. Há pouco, chegou Pato no Timão. Que ganhou ritmo e da Fiel, o coração. Há bastante, aportou Deco no Fluzão. Pobres dos adversários que o deixaram sem marcação. Poderia entrar no texto, ainda, Forlán, que começa a dizer ao que veio no Internacional. Até Neymar, adorado de Santos ao Distrito Federal. Porém, a maior aquisição recente do “football” nesse país tropical nasceu em uma pátria equatorial e foi criado naquela que é conhecida por valorizar a liberdade individual. É Seedorf. Que trouxe ao Botafogo o famoso “Know-How”. O capital intelectual. Que vale mais que gols e dribles. Que vai além do vil metal.

    Abraço!

    • cachorro louco

      Show Roberto Jr! Muito bom!

  • cachorro louco

    Grande matéria Kfouri! Ou seria, quase um poema!; ou um poema em meio a uma matéria!

  • Alexandre

    André, excelente matéria.
    Todos os botafoguenses tem que virar sócio torcedor….
    Eu já comprei o meu, moro em SP, mas amo o Fogão.
    Saudações alvinegras!!!

  • Altair Antonio de Souza a

    Da gosto torcer para o Botafogo. Lembrete: arbitragem so ajuda o Flamengo.

    • Matheus Brito

      Mas nesse caso ajudou o Botafogo, que apesar disso mereceu vencer sim.

  • George

    Show de bola a imagem e o texto. Valeu fog~~aãããooooooooooooooooo!!!

  • paulo cesar oliveira

    Continuam varios vascainos insistindo com a jogada do gol do Botafogo. Existe uma interpretação para se o jogador offside participa ou não da jogada. Observem que o Alessandro estava consciente e vendo a trajetoria da bola, tanto que foi nela. Só não alcançou porque o Lucas chutou em seu contrapé, no cantinho, e ele estava se posicionando para defender o meio do gol, já que não sabia para onde ela iria. Em momento algum o Vitinho fez algum cortaluz que fizesse modificar a atuação do arqueiro do Vasco , ele apenas saiu da direção do chute. E tb estamos todos julgando depois de ver na TV mas nem o juiz, nem o bandeirinha podiam fazer isso na hora, e são duas direções para decidir, uma lateral e uma frontal. Já o Renato Silva estava realmente impedido, não tem o menor sentido contestar a decisão da arbitragem em anular o gol . Isto está parecendo aquele gol de mão do Barcos, que queriam de qq modo que não tivesse sido anulado.
    Me lembro de um gol do Fogão contra o Flu, em que sim houve o corta-luz, o chute era frontal e na época o Marcão reclamou mas o juiz confirmou o gol. Este tipo de lance é muito ruim pois é interpretação de cada um, e tem tb o caso em que o jogador impedido sai da jogada para outro seguir, e muitas vezes esse movimento tb ilude a defesa adversaria, mas se o impedido sai por conta propria ele participa da jogada mas o juiz aceita como sendo desistencia. O que realmente vai mudar essas discussões é uma decisão que a FIFA não toma e já deveria ter tomado: acabar com essa maldita regra do impedimento. O futsal passou a aceitar gol dentro da area , o volei acabou com a vantagem e toda bola que cai é ponto, o basquete criou a cesta de 3 pontos, mas as poucas coisas que o futebol mudou nos ultimos 50 anos foram a substituição de 2 e depois 3 jogadores, e a impossibilidade do goleiro segurar bola atrasada . É o esporte mais atrasado em aceitar modernidades ,e não faz nada para dinamizar e criar mais facilidades para que saiam gols, e gols são o que o público quer ver. O jogo vai ficar mais dinamico se o impedimento acabar, e muitos gols vão sair em contra ataques. Alem do que bolas rebatidas são bolas rebatidas , e qq um pode chegar de frente e chutar pra dentro como o Renato Silva fez, mas a maldita regra hoje se sobrepõe ao lance. Enfim, pessoal, temos que pressionar para que o futebol mude regras. Tecnicamente o basquete e o volei evoluiram muito mas o futebol está cada vez mais premiando retrancas, já que no passado saiam goleadas absurdas, era mais aberto; hoje é esse miserê de jogos 0X0, ou times que fazem um gol e se fecham . Por mim acaba o impedimento e libera a substituição como no volei e no basquete, em que os jogadores podem parar, descansar, voltar pro jogo, e não tem prejuizo nenhum pro espetaculo. E vamos pelo 2º turno. Vamos lá, Fogão!

  • Breno

    O que está de costa é o volante Gabriel.

  • Armate

    Para conhecimento de TODOS !!!
    No programa das 17 horas da rádio Globo, o comentarista Felipe Cardoso e praticamente todos da mesa estavam convictos, após ver e rever o lance, de que Vitinho não estava impedido no lance do gol.
    Sds Alvinegras !!!

  • Engraçado que dizem que o botafoguense é chororo!!!

    1) A mulambada não jogou nada 90 minutos e pedem um penalti inexistente. Perdeu de pouco até aquele jogo, no primeiro tempo por exemplo não me lembro do Jeferson fazer uma defesa se quer, aí eles reclamam de que? time que quer ganhar tem que ir para cima, e não ficar guardando regulamento em baixo do braço!!!!

    2) O Vasco teve até um lance no primeiro tempo que assustou com C.A., e com ele também no segundo tempo, onde Jeferson fez uma defesa monumental, e só!!! Eles começaram o jogo fazendo cera, e a fizeram até o gol do BFR sair. O golerinho deles como estava de amarelo e preto se sentiu a própria “abelhinha feroz” e danou a fazer cera, porém, quem ganhou o cartão amarelo foi o Jéferson na primeira vez em que segurou um pouco o jogo logo após o gol do BFR. O Vasco era para ter um jogador expulso antes do final do primeiro tempo, esqueci o nome dele, de tão bom que ele é, C.A. e Bernardo discutiram veementemente dentro de campo, e naquele momento C.A. já tinha amarelo, era no mínimo um cartão amarelo para os dois, e já que ele tinha o amarelo tinha que ser o vermelho, correto.

    3) Para os que não sabem, o juiz do jogo trabalha em Bonsucesso, tenho conhecidos no bairro e a informação e verídica, ele é vascaíno declarado, então não custa nada perguntar para ele o porque de 6 minutos de acrescimo no jogo, já que, quem fez cera o tempo todo foi o vasco, ou seja, ele premiou com 6 minutos quem não quis nada durante 80 minutos de jogo!!!

    E depois nós e que somos o time do chororo!!!!!

    É CAMPEÃO!!!!!!!!!!11

  • Hugo111

    Rapaz…você escreve bem melhor do que seu pai. Quem diria..o filho supera o pai(eu comento por lá e agora acho melhor comentar por aqui).
    Um belo texto sobre o Botafogo. Que deve priorizar agora a rolagem de sua dívida para manter os salários em dia.
    Conquistas(pequenas ou grandes) são fundamentais. Mas, o Botafogo precisa urgentemente de uma vida financeira equilibrada e de grandes conquistas nacionais.
    Seedorf e seu exemplo nos dá uma esperança.

MaisRecentes

A vida anda rápido



Continue Lendo

Renovado



Continue Lendo

Troféu



Continue Lendo