CAMPEÃO



CAMPEONATO CARIOCA - Taça Guanabara - Vasco x Botafogo- Final

 

Existe imagem melhor (foto: Alexandre Loureiro/LANCE!Press) do que essa para ilustrar a conquista do Botafogo?

Em primeiro plano, se vê o escudo, que é o mais importante.

É o escudo sete vezes campeão da Taça Guanabara.

Pelo gesto retratado, não se pode notar a diferença entre celebração e consolação.

Não há um sorriso, por exemplo.

Mas há ternura, carinho, pois as grandes alegrias costumam caminhar juntas com o alívio e a lembrança de momentos difíceis.

O jogador de costas não está identificado, mas não faz mal. Seu nome é menos importante do que sua participação na cena.

O jogador de frente não precisa ser identificado. Clarence Seedorf é conhecido no mundo inteiro.

O suor escorrendo pelo rosto é sinal de esforço, dedicação.

Os olhos fechados, de satisfação.

O abraço no companheiro, um termômetro de seu ambiente num grupo de jogadores distantes de seu patamar.

Instantes como esse não acontecem entre pessoas que não se dão bem.

A imagem é um retrato preciso do que Seedorf trouxe para o Botafogo.

O exemplo, a mentalidade, o jogo.

Ele poderia ter vindo para aproveitar uma “semi-aposentadoria” bem remunerada.

Está aproveitando a oportunidade para ampliar seu currículo.

O que é a Taça Guanabara para quem tem tudo?

É mais um motivo para ser feliz jogando futebol.

Assim são os grandes campeões.



MaisRecentes

Pertencimento



Continue Lendo

Vitória com bônus



Continue Lendo

Anormal



Continue Lendo