NOTINHAS PÓS-RODADA



Jornada 23 do BR-12:

* Se a derrota para o Internacional tinha sido “o pior jogo” do Flamengo no campeonato, o que dizer da goleada (Coritiba 3 x 0: Lincoln, Rafinha e Everton Ribeiro) no Couto Pereira.

* Já são cinco rodadas sem vitória do Flamengo.

* No empate entre Ponte Preta e Figueirense (2 x 2, no Moisés Lucarelli: Giancarlo, Aloísio, Caio e Marcinho), os quatro gols foram produtos de bolas cruzadas para a área.

* O Figueirense completou três rodadas sem perder. A Ponte desperdiçou a chance da terceira vitória seguida.

* Excelente início de jogo do Corinthians (3 x 1 no Grêmio, no Pacaembu: Ralf, Guilherme, Leandro e Giovanni), com dois gols nos primeiros dez minutos.

* O Grêmio não perdia havia cinco rodadas.

* Pouco a dizer sobre o 0 x 0 entre Santos e São Paulo (na Vila Belmiro). Jogo fraco e visto por pouca gente. As ausências de Neymar e Lucas, na Seleção, ajudam a explicar.

* O Fluminense (1 x 0 no Internacional, no Beira-Rio: Fred) lidera por pontos ganhos e numa categoria que não aparece na tabela – a confiança. Entra em campo convicto do que pode fazer, e faz.

* Jogadaça de Wellington Nem, criando o gol de Fred.

* O público pagante da vitória do Botafogo sobre o Náutico (3 x 1, no Engenhão: Elkeson-2, Araújo e Andrezinho) superou os 14 mil. O estádio mudou de lugar? O transporte melhorou? Não, houve promoção de ingressos. Simples.

* Lindo gol de letra de Elkeson.

* O Atlético Mineiro (3 x 0 no Palmeiras: Leonardo Silva e Bernard-2) sobrou no segundo tempo e voltou a vencer.

* O Palmeiras é o time que mais perdeu (13) no campeonato.

* A melhor campanha do returno é do Bahia (4 x 0 no Vasco, em São Januário: Souza-2 e Jones-2), com dez pontos em doze possíveis.

* A forma como o Vasco aceitou a derrota é mais preocupante do que o resultado.

* A distância do lanterna Atlético Goianiense (1 x 1 com a Portuguesa, no Serra Dourada: Marcos e Valdomiro) para o primeiro time fora da ZR já é de oito pontos.

* O jogo no Serra Dourada teve 891 pagantes. Um deboche.

* A virada sobre o Cruzeiro (2 x 1, na Ilha do Retiro: Wallyson, Rithely e Gilberto) fez o Sport ganhar uma posição, ainda abaixo da linha d’água.

* O Sport teve um gol mal anulado por impedimento, quando perdia por 1 x 0.



  • Edouard

    É má notícia para alguns times, Flamengo e Palmeiras em especial, que os times da ZR estejam somando pontos frequentemente. Há campeonatos em que uma vitória e um empate em, sei lá, cinco jogos são suficientes para um respiro. Esse ano parece ser diferente. Nem o lanterna parece “querer” cair.
    Mas eu ainda acho que o Palmeiras escapa sem muito sofrimento. Tem jogo contra todos os adversários diretos na luta contra a degola, e já venceu o Sport.

    É boa notícia para Botafogo, SPFC, Inter e Cruzeiro que o elenco do Vasco tenha dado sinais de ser capaz de fritar o técnico em plena luta por vaga na Libertadores do ano que vem.

    O que acontecerá se um time brasileiro, que não o Palmeiras, vencer a Sulamericana? Cai a 3 (“2,5” na verdade…) o número de vagas para a Libertadores/13 no Brasileirão?

    Um abraço.

  • Fred

    Andre,

    Primeiro um aviso: O link do seu blog está errado faz vários dias na página com a relação de blogueiros. O link está levando para a página Saque…Consegui entrar somente editando o endereço diretamente no navegador.

    Acho que a molecada que o Botafogo está apresentando merece uma análise mais profunda. O Dória, de 17 anos, que era a quarta opção, está mostrando que talvez seja o melhor zagueiro do time e o Jadson e o Gabriel, de 18 anos, deram uma velocidade e segurança que a defese nunca teve. Finalmente está permitindo que o Seedorf e o Andrezinhdo joguem mais soltos e criem mais, com menos preocupação de voltar para ajudar. O time cresceu muito por isso. Pra mim o Renato vai precisar ficar um pouco no banco…

    Um abraço

  • A vitória do Corinthians sobre o Grêmio me lembrou a vitória do SPFC sobre o mesmo derrotado em 2007… o Muricy já tinha garantido o título por antecipação, mas fez questão de entrar com força máxima contra o time gaúcho porque ele “poderia ser um potencial rival” na Libertadores do ano seguinte… não deu outra, ao final do Brasileirão o Grêmio ficou fora da Libertadores por 2 pontos (no ano seguinte não adiantou nada, perdemos de novo, mas enfim…).

    http://pt.wikipedia.org/wiki/Campeonato_Brasileiro_de_Futebol_de_2007

    Abraços!

  • Teobaldo

    O Fluminense é mais consistente, o meu Galo mais empolgante. Espero que a convocação Seleção Brasileira (apenas para atletas que jogam no Brasil) para os dois jogos caça-níqueis contra a Argentina não atrapalhe os dois times.

    Permita-me uma opinião off-topic: O meu Galo foi beneficiado por um “efeito suspensivo”, concedido ao jogador Bernard. Apesar de não ter concordado com a expulsão do atleta no jogo contra o Cruzeiro e, muito menos, com a punição de dois jogos aplicadas pelo STJD, acho repulsiva essa “indústria” de concessão de efeitos suspensivos. Não entendo essa nossa dificuldade em obedecer às determinações da justiça, não obstante conhecermos (é diferente de provar, eu sei) o caráter duvidoso das decisões. Um abraço.

    AK: De total acordo. Um abraço.

  • Marcos Vinícius

    A derrota acachapante para o Bahia fez com que Cristóvão Borges pedisse demissão do comando do Vasco. Não sei o que pesou,se foram as insistentes vaias que vinham das arquibancadas e cada vez em volume maior,ou se a saída de algumas peças fundamentais do elenco,sem a devida reposição. O fato é que o Vasco está sem treinador. Cristóvão foi o culpado pela fase ruim do Vasco? Decididamente não.O time perdeu peças fundamentais,está sofrendo com seu DM cheio,quem entra não corresponde e os maus resultados se acumulam.Na derrota para o Bahia tudo deu errado,fazia tempo que eu não via o time jogar tão mal,e se o Bahia mantivesse o ritmo até o fim do jogo a surra seria maior. Infelizmente Cristóvão saiu,lamento isso e sei que sou um dos poucos a fazê-lo,mas acho que ele podia fazer muito mais se tivesse um elenco um pouco mais qualificado. Tomara que Ricardo Gomes reapareça no comando do escrete cruzmaltino,que vai continuar brigando por uma vaga no G-4 até o fim.Qualquer coisa além disso é fantasia.

    Escreve aí:Mais um título para as Laranjeiras,com todo o mérito.

  • fabio

    andré vi agora: http://globoesporte.globo.com/futebol/noticia/2012/09/estudo-aponta-torcida-do-flamengo-como-maior-do-mundo.html
    PESQUISA INTERNACIONAL DE TORCIDAS
    1 – FLAMENGO – 40 MILHÕES
    2 – BOCA
    3 – TIME DO MEXICO
    4 – CORINTIANS 28 MILHÕES ( 12 MILHÕES A MENOS QUE O FLAMENGO)

  • M. Silva

    Acho que já escrevi isso aqui, e repito: a idéia comumente disseminada de que existem doze favoritos ao título do campeonato brasileiro faz muito mal aos clubes. Tenho a impressão que não se traçam objetivos claros e realistas em relação ás suas condições. O Vasco vem vindo muito bem desde a temporada passada, mas com as vendas e os desfalques desse ano, não tem tido como brigar cabeça a cabeça com clubes que têm times mais entrosados, elencos maiores e mais qualificados. Se ficar entre os quatro primeiros, já cumpre um ótimo papel dentro de suas possibilidades. Se não ficar, não é preciso procurar culpados entre jogadores e comissão técnica, nem fazer revoluções. A meu ver, não é um escândalo.

  • Matheus Brito

    Impressionante a forma como o Vasco apanhou do Bahia. Temos um Bolão aqui na empresa (ESPN) e todo mundo levou piaba com esse resultado. Resultado que levou ao mais comum dos resultados: saída do treinador. Não sou fã das mudanças de comando com o campeonato em andamento, mas nesse caso o Vasco tinha padrão de jogo mesmo após as saídas de alguns jogadores, não entendi ainda como um mínimo padrão não foi mantido. Talvez aquela velha sacudida que normalmente acontece quando se muda o comando venha a calhar neste momento, tem que se ver se seu efeito (que geralmente dura uns dois ou três jogos) vai recalcar o time nos trilhos. Ainda há como se segurar na Libertadores. Com relação ao título, dificilmente sairá das Laranjeiras. Flamengo e palmeiras que se cuidem porque dias piores virão, basta o,har a tabela.

  • 891 pagantes? Sinceramente, em um jogo como esse, é melhor nem cobrar o ingresso.

  • Raposo

    Como tricolor, estou muito feliz com a campanha do meu clube e tomara que sejamos campeões. Comemorarei muito. Dito isso, continuo a achar essa formula de pontos corridos chatissima.
    Clubes como Internacional e Corinthians nada mais tem a fazer esse ano. André, sei que és favorável ao atual sistema, mas gostaria de saber se há alguma pesquisa com a população mensurando o gosto popular por essa formula.
    Compreendo que êh mais justa, mas êh muito menos emocionante. Por que copiamos o modelo europeu e não o Americano com seus Play offs? Andre, voce que eh admirador dos exportes Americanos, sabe melhor do que ninguém o que arrecada uma final como o super bowl.

  • Bruno – SP

    O Palmeiras vai precisar somar 24 pontos para não ser rebaixado. Elaborei os jogos que vai precisar pontuar:- Vasco (fora – empate = 1); Corinthians (casa – derrota = 0); Figueirense (fora – vitória = 3); Ponte Preta (casa – vitória = 3); São Paulo (fora – empate = 1); Coritiba (casa – vitória = 3); Náutico (fora – empate = 1); Bahia (fora – empate = 1); Cruzeiro (casa – vitória = 3); Internacional (fora – derrota = 0); Botafogo (casa – vitória = 3); Fluminense (casa – derrota = 0); Flamengo (fora – empate = 1); Atlético-GO (casa – vitória = 3) e Santos (fora – empate = 1). Campanha dos últimos 15 jogos: 6 vitórias, 6 empates e 3 derrotas. A situação realmente é complicada. André, concorda com os números? Será que o limitado time do Palmeiras vai conseguir escapar? Abrs

MaisRecentes

São Paulo joga, Corinthians soma



Continue Lendo

Sqn



Continue Lendo

Gato



Continue Lendo