NOTINHAS PÓS-RODADA (e a Seleção)



Segunda rodada do BR-12:

* Num filme já visto pelo torcedor rubro-negro, o Flamengo cedeu o empate (3 x 3 com o Internacional, no Engenhão: Airton, Ronaldinho, Gilberto, Vágner Love, Fabrício e Dátolo) em casa.

* No segundo tempo, o Inter fez dois gols num intervalo de 4 minutos, com dois chutes de fora da área.

* O gol de Alecsandro, na segunda vitória do Vasco (1 x 0 na Portuguesa, no Canindé), já vai para a lista dos mais bonitos do campeonato.

* Marco Antonio talvez seja o jogador que mais faz falta à Portuguesa.

* Muito bonito, também, o gol de Bida, no empate do Atlético Goianiense (1 x 1 com a Ponte Preta, no Serra Dourada: Roger fez o da Ponte) em casa.

* É sério que a cadeira de Adílson Batista já esquentou?

* Pouco a dizer sobre o 0 x 0 entre Náutico e Cruzeiro (nos Aflitos), além das chances perdidas pelo time pernambucano.

* É do São Paulo a única vitória (1 x 0 no Bahia, no Morumbi: Luis Fabiano) de um time paulista no campeonato.

* Já aconteceram 11 jogos envolvendo times de São Paulo.

* O Atlético Mineiro (1 x 0 no Corinthians, no Independência: Danilinho), a exemplo do ano passado, fez 6 pontos em duas rodadas.

* No lance do gol, Danilinho estava desacompanhado na área, como se a zaga do Corinthians não acreditasse numa bola para ele.

* É difícil vencer no Couto Pereira, como fez o Botafogo (3 x 2 no Coritiba: Lincoln, Lucas-2, Vítor Junior e Lucas Mendes). Não acontecia há dez meses.

* “Torcedores” do Coritiba que se relacionam miseravelmente com o futebol ofenderam familiares de jogadores, nas cadeiras do estádio. Repugnante.

* Pouco a dizer sobre o 0 x 0 entre Santos e Sport (na Vila Belmiro), além do fato de Muricy ter razão sobre a necessidade de seu time jogar mais.

* Fluminense e Figueirense empataram (2 x 2, no Engenhão: Marcos Junior, Caio, Wagner e Pablo) num jogo em que ambos estavam muito desfalcados.

* Os jogadores do tricolor entraram em campo com uma faixa de agradecimento à torcida, pelo apoio na Copa Libertadores.

* Na prévia da Copa do Brasil, o Grêmio passou (1 x 0, no Olímpico: André Lima) pelo Palmeiras, mesmo perdendo um pênalti.

* O jogo teve apenas 4 cartões amarelos. Suspeito que o encontro não será tão calmo no mata-mata.

______

Surpreendente a atuação da Seleção Brasileira (3 x 1 na Dinamarca) no sábado, em Hamburgo. Especialmente no primeiro tempo.

No lugar do desentrosamento que se vê com frequência, o time foi organizado a ponto de conseguir marcar no campo do adversário e transformar essa pressão em gols.

Evidente que a falha do goleiro no chute de Hulk facilitou as coisas.

Bom jogo de Oscar, também.

Vejamos se os próximos amistosos serão igualmente animadores.



MaisRecentes

Pendurado



Continue Lendo

Porte



Continue Lendo

Segunda vez



Continue Lendo