AS OITAVAS DA COPA (com palpites)



Começa nesta quarta-feira. Então vamos.

INTERNACIONAL x FLUMINENSE

25/4 – Beira-Rio

10/5 – Engenhão

Previsão: Fluminense. O encontro de dois times do mesmo país tira o peso do fator casa e equilibra o confronto. A perda de D’Alessandro é péssima notícia para o Inter. O Fluminense é ligeiramente superior, deve prevalecer em dois jogos.

______

BOLÍVAR x SANTOS

25/4 – Hernando Siles

10/5 – Vila Belmiro

Previsão: Santos. O real adversário do Santos não é o Bolívar, e sim a altitude de La Paz, onde o time brasileiro perdeu para o The Strongest (2 x 1) na fase de grupos. Os jogos devem ser formalidades.

______

ATLÉTICO NACIONAL X VÉLEZ SARSFIELD

01/5 – Atanasio Girardot

08/5 – El Fortin de Liniers

Previsão: Vélez. É mais time e decide em casa.

______

CRUZ AZUL X LIBERTAD

01/5 – Estádio Azul

08/5 – Nicolás Leoz

Previsão: Libertad. Supondo que o time mexicano levará o confronto a sério (o que nem sempre acontece), deve ser equilibrado. O Libertad me parece mais forte e tem vantagem de mando.

______

BOCA JUNIORS x UNIÓN ESPAÑOLA

02/5 – La Bombonera

09/5 – Santa Laura

Previsão: Boca. Sem mais.

______

EMELEC x CORINTHIANS

02/5 – George Capwell

09/5 – Pacaembu

Previsão: Corinthians. A situação no gol corintiano é preocupante. Quem viu o jogo do Flamengo em Guayaquil percebeu que a pressão é grande. O Emelec vive basicamente de jogadas aéreas, e tem a seu favor o impulso psicológico da classificação milagrosa. Mas o Corinthians é melhor.

______

VASCO x LANÚS

02/5 – São Januário

09/5 – La Fortaleza

Previsão: Vasco. O time brasileiro, superior, encara o “pacote standard” de enfrentamentos contra equipes argentinas. O Lanús virá a São Januário para manter a eliminatória viva, e o Vasco terá de decidi-la na Argentina. Sem pressa, sem confundir raça com violência, jogando futebol durante os 180 minutos. Assim, passa.

______

DEPORTIVO QUITO x UNIVERSIDAD DE CHILE

03/5 – Olímpico Atahualpa

10/5 – Estádio Nacional

Previsão: La U. Na fase de grupos, o time equatoriano ganhou todos os seus jogos em casa, com 10 gols a favor e nenhum contra. Como visitante, fez apenas um ponto e só marcou um gol. É o que acontece quando seu estádio fica a quase 3 mil metros de altitude. A U. de Chile não é o mesmo time do ano passado, mas prevalecerá.



MaisRecentes

Escolhidos



Continue Lendo

Carente



Continue Lendo

Hoje tem



Continue Lendo