LANCES DA RODADA



Estaduais de SP e RJ:

* O gol de Barcos, na vitória do Palmeiras (3 x 1 no Linense), lógico. Drible da vaca, toque por cobertura… requintes de um golaço que não vemos todos os dias. Mas o que mais gostei foi a forma como ele começou a jogada, dominando a bola que tinha sido chutada do campo de defesa. Ganhou do marcador, no corpo, e preparou a arrancada. Bonito.

* O gol de Danilo, na vitória do Corinthians (2 x 1 no Catanduvense). De pé direito, vale destacar. Pergunta aos críticos: quantos pontos Danilo já deu a seu time?

* O nonsense da cartolada. Fazer o campeão da Taça Guanabara estrear na Taça Rio num jogo às 17 horas de uma quarta-feira é escárnio. O público da derrota do Fluminense (2 x 1 para o Resende), 659 pagantes, diz tudo.

* O tornozelo de Willians. Articulações não são feitas para esticar daquele jeito. O pisão de Tony, do Boavista (2 x 1 no Flamengo), dói em quem vê pela televisão. Imagine em quem sofre.

______

* A goleada da Espanha sobre a Venezuela (5 x 0) desafia o conceito – que, na verdade, não passa de uma desculpa – de que “o futebol está nivelado”. Quando as coisas caminham como devem, as distâncias aparecem.



MaisRecentes

Fechamento



Continue Lendo

Voltando a Berlim



Continue Lendo

Passo adiante



Continue Lendo