MURICY ESTÁ CERTO



(perdão por chegar ao assunto com várias horas de atraso. Dia complicado em várias frentes.)

Há algum motivo para falar da goleada do Barcelona (4 x 0 ) sobre o Al Sadd?

Sim. Para parabenizar os brasileiros Adriano (2) e Maxwell pelos gols marcados.

Fora isso, seguimos em frente.

É sempre horrível ver um jogador se machucar com gravidade, como aconteceu com David Villa (fratura na tíbia da perna esquerda).

Bom saber que ele não teve outras lesões e o prazo para sua volta ao futebol – estimado inicialmente em no mínimo seis meses – já caiu para algo entre quatro e cinco meses.

Villa até já se manifestou, pedindo para que contem com ele para uma possível final de UCL e para a Euro 2012.

O fato é que sua ausência é mais preocupante para a seleção espanhola do que para o Barcelona.

É difícil, nesta temporada, cravar os 11 titulares do time catalão para um determinado jogo. As contratações de Alexis Sanchez e Cesc Fàbregas aumentaram as opções de Guardiola.

Mas é seguro afirmar que, neste momento, o atacante chileno é dono da posição que era ocupada por Villa.

Sim, Sanchez entrou no jogo e também foi substituído por causa de um problema muscular. Sua participação na final de domingo ainda é incerta.

Como o banco do Barcelona é melhor neste ano, Fàbregas e Pedro estarão prontos se Sanchez não puder jogar.

Muricy Ramalho disse que a perda de Villa não faz do adversário do Santos um time menos forte na decisão, e ele está certo.

É preciso também lembrar que a lesão de um companheiro deu aos jogadores do Barcelona um motivo a mais para desejarem o título.



MaisRecentes

Poupe



Continue Lendo

Pertencimento



Continue Lendo

Vitória com bônus



Continue Lendo